O Planeta TV

O que está rolando na Malhação? Nada!

Malhação tenta se reinventar, mas sem sucesso devido as suas tramas batidas.

Por: Emerson Ghaspar - Contato: [email protected]

Ih gente tudo que assistimos está acabando. A Copa acabou, Em Família ta acabando (ufa), Meu Pedacinho de Chão também, Malhação (epa, essa já acabou e começou de novo) e a TV brasileira continua na mesma. Agora é a hora das emissoras começarem a se estapear por alguns pontinhos de audiência e a baixaria começar.

Antes de qualquer coisa quero fazer algo que não costumo fazer em posts, explicar. Sobre o último artigo sobre o beijo gay não foi uma apologia, muito menos um preconceito velado, foi uma crítica ao artifício “beijo gay” para levantar a audiência de novelas que não estão indo bem no ibope. Somente isso. Continuando...

Durante o tempo em que o Mundial esteve no ar o assunto foi somente esse e nada me surpreenderia mais se fosse outro. Isso é televisão, a Copa das Copas com direito a humilhação história da seleção brasileira, mas tudo bem vamos focar naquilo que acreditamos fazer de melhor: novelas.

Na segunda dia 14 estreou Malhação Sonhos, vocês assistiram? Considerando os 16 pontos no ibope, acredito que não. Gente, o que está acontecendo com os jovens que assistiam a essa novelinha teen? Estão no Facebook? Instagram? Whats App (vulgo zap zap)? Onde?

A atual temporada, que é a 22°, segue mais uma velha vez a antiga cartilha do passado. Duas irmãs diferentes que disputam a atenção de um rapaz, que com certeza tem que ser atleta e bonito. Quantas vezes vocês já viram isso? Se eu contar até 3 vocês já terão me inumerado umas cinco temporadas em que esse mesmo triângulo amoroso se formou (incluindo a última temporada da novelinha). Mais velho que isso só a mocinha pobre que se apaixona pelo cara rico, que tem uma namorada patricinha que vai infernizar a relação. Maria do Bairro fez escola, mas hoje se encontra desatualizado.

Se você se perguntar a qualquer jovem qual série ou novela que ele assiste, com certeza ouvirá como resposta Gossip Girl,  Glee, Pretty Little Liars, Teen Wolf, entre outras que arrebatam corações. Por isso chegamos a seguinte questão: Porque não fazemos algo similar ou algo tão original quanto?

Muitos podem dizer que nem sempre o que se tem como referência funciona por aqui. Então o que funciona por aqui? Os mesmos conflitos de sempre? Parece que é a mesma história de sempre, mas com outros atores.  Nessa temporada temos uma protagonista sonhadora, uma irmã rebelde, um cara bonito que desperta a atenção das duas, um possível antagonista e um pai ciumento. Em quantas temporadas vocês já viu isso? Hein? Isso é ser original ou reciclar histórias batidas?

Malhação Sonhos dificilmente conquistará o publico ao qual está destinado. Duvida? Nem Janete Clair provocando um terremoto teria tanta chance. O que falta para conquistar o jovem de novo? Vamos a algumas instruções:

Não os trate como idiotas. Se você acredita que virgindade, sexualidade e drogas são temas tabus e pertinentes da idade você está por fora. Tem jovens de 12 anos que já fizeram coisas que deixariam um adulto de 90 anos corado de vergonha.

Os retrate com verdade. Com espinhas, fumando, usando aparelhos ortodônticos e sendo autênticos. Porque os jovens da Malhação usam tênis dentro de casa? Quem usa calçado em casa? Cadê o velho chinelão? Quanto mais diálogos reais, mais chances deles serem populares e chamarem a atenção do público. Ninguém chama o pai de “papai” ou outras derivações do gênero.

Eles vivem as coisas mais intensamente, portanto não retrate seus sentimentos como algo típico da idade. Jovens gostam de sentir que são valorizados e muito bem retratados. Então os coloque para trabalhar, estudar, namorar e não ficar o dia inteiro vendo TV. Jovem não vê TV, entra na internet, baixa filme, entra em site pornô (pelo menos os meninos). Isso sim é ser jovem.

Crie desafios interessantes. Nenhum jovem vai deixar de lutar pelo rapaz que ama só porque ele gosta de outra. Elas vão a luta. Abrir mão do amor em nome de outro está fora de cogitação. Elas chegam batendo e rodando a outra pelos cabelos. Duvida? Veja alguns vídeos no Youtube.

Converse com eles, veja como eles se veem e os retrate. Essa forma é infalível e a mais viável.

Malhação sofre do mesmo problema de alguns programas, a falta de criatividade para se reinventar. Video Show  é um exemplo claro disso. Acredito que a trama teen da Globo poderia ter vida longa, o público jovem precisa de uma trama feita para ele, desde que se descubra o que ele quer. O politicamente correto tem matado as tramas voltados para jovens, quando isso acontece a audiência despenca e o público vai ver o mundo real sanguinolento do Cidade Alerta.

E ai, Malhação tem solução ou é melhor desistir? Curtiu? Comenta ai em baixo.

Abraços e até a próxima.



Publicidade

Comentários (13) Postar Comentário

Diego comentou:

acho q a questao nao é q sempre tem um triangulo amoroso,uma moça apaixonada por um cara q tem uma namorada ou ex patricinha ou nao q vai infernizar a vida deles,pode ter isso sim numa historia q pode ate nao enjoar,a questao é a historia,se a historia em geral nao convencer ou nao chamar atençao nao emplaca e nao da audiencia,de uns tempos pra cá as historias de malhaçao tao muito infantis igual carrossel e chiquititas,antigamente as historias de malhaçao eram centradas em jovens-adultos,historias mais chamativas como se fosse novela das 7 ou das 9,ate mesmo filmes teen americano,há 4 anos nao assisto malhaçao,hj as historias de malhaçao estao muito bobinha,muito serie da disney,sinto sdds da epoca do multipla-escolha,malhaçao ficou conhecida pelos personagens estudantes,pela escola,o lugar onde tudo acontecia,a vida dentro e fora da school!!!

Alex comentou:

Penso exatamente assim! Vendo os primeiros capítulos desta nova temporada (sim, eu vi!) percebi que falta naturalidade, tanto nas cenas, citadas no texto, quanto nas atuações. Sinceramente, jovens e adolescentes não querem mais saber de Malhação, já que há mil e uma outras opções para se entreter.

João comentou:

Que crítica mais idiota, foi disparado o pior texto que li em relação a nova temporada.
Entendo que os conflitos sejam os mesmos, mas o contexto inserido nessa temporada é diferente. A proposta é muito interessante, pois mescla o conflitos juvenis com escola de artes e artes marciais.
Vejo muitas características de séries americanas nessa temporada, glee é só um exemplo.
Nada do que foi exemplificado por você serve pro enredo em que a novela se enquadra. Lembre-se que a novela vai ao ar antes das 18h.
De uns anos pra cá foi constatado que as donas de casa são as que mais assistem malhação, mas isso não quer dizer que os jovens não assistam mais. Vejo nessa temporada uma roupagem que agradará tanto os jovens quanto os mais velhos.
Acho muito cedo pra fazer uma crítica tão negativa á nova malhação, começou segunda e ainda vai acontecer muita coisa.
Quanto ao ibope, a novela já recebe em baixa.

jose luiz comentou:

malhação acabou faz tempo, desde quando começou até agora é uma chatice só, novela teen pois sim,alias, cade a globo que era copiada pelas outras com excelentes escritores ?

Carol Saboia comentou:

Acho que falta a Malhação um pouco mais de proximidade com o público, isso independente do vestuário. As temporadas que fizeram sucesso, como o auge em 2004 com Vagabanda e cia, todos os jovens andavam de tênis dentro de casa e fazia sucesso. Aliás, em nenhuma temporada vi os atores andando de chinelão dentro de casa e nem por isso era o fracasso que é hoje. Mas a juventude era bem diferente? Aí sim, eu concordo.
Acho na verdade, que falta abordagens e assuntos realmente mais próximos da realidade deles. Por que se tirou o ambiente de colégio se entre 13 e 17, 18 anos, esses meninos passam 50% dentro do colégio de fato? O que faltava era retratar um colégio mais próximo da realidade, uma rotina que fosse mais próxima deles. Drogas e sexo ainda são assuntos pertinentes a se tratar, o que mudou é a forma como se conversa com eles sobre isso.
E falar sobre os novos assuntos que surgiram agora. Em algum momento a novelinha falou sobre o famigerado rolézinho? Se falou sobre as manifestações que ocorreram? Smartphones, apps, selfies e redes sociais? Eles estão mais ricos de informações, de tecnologia, porém os tabus serão discutíveis sempre (drogas, sexo, gravidez na adolescência, DST's, rachas).
Pra Malhação, nunca faltará assunto. O que falta é uma boa história.

Pedro comentou:

Sendo sincero a trama das seis, Meu Pedacinho de Chão, anda registrando por volta de 16 pontos nas ÚLTIMAS SEMANAS. Malhação estrou com 16.5 e repercutiu bem nas redes sociais, concordo com os temas batidos várias vezes, mais a trama conquistou o público logo na primeira semana, e ninguém sabe o que ainda vem por aí, devemos nos preocupar com a audiência de uma novela das 21hrs. Acredito em um novo sucesso como em 2012, que a personagem Fatinha tomou lugar, dessa vez temos um sexteto de protagonistas capazes de encarar a realidade do jovem atual, qual adolescente não sonha? Quem não procura ser alguém na vida ! É isso que estamos vendo ... Só acho que você não deve ser adolescente ...

Layon Maciel da Silva comentou:

Que tapão na cara, hein! Só li verdades. Lembro que em entrevista no Memória Globo, o Carlos Lombardi (o criador das tramas descamisadas e cheias de ação) criou uma briga entre o pai rico e seu filho. Daí em diante, o filho teve que ralar para prover seu sustento, bem o que você disse "[...]Então os coloque para trabalhar, estudar, namorar[...]".

[email protected] comentou:

Caramba eu amei este blog... bem melhor q o *****... vou ficar visitando! Vc falou tudo. Malhação nunca vai agradar o publico jovem com um formato assim... falo por mim pq sou jovem. Na alhação mostra coisas q não existe, adolescentes bebendo suco em lanchonetes ao invés d bebidas em bares, usando calçados em casa como vc msm disse kkkkkkkk etc... E hj diferente d antigamente temos outros meios d encontrar o q queremos assistir, eu msm baixo minhas séries e filmes na net, skins, the vampire diaries e etc... o maior erro p mim é o horário pq nunca a globo vai poder mostrar um jovem d verdade, prender um publico com uma boa história e mais realista em plena tarde. Enfim... detesto essa novela q tá mais pra kids q pra teens.

Allan comentou:

Foi o que falei... Malhação não retrata nossos jovens NEM DE LONGE!!! Pfvr, que adolescentes são esses? Independente do horário, é possível encontrar soluções, principalmente não tratando como tabu justamente temas que de tabu não tem NADA! Exatamente, é preciso ser autêntico, se experimentar e parar de criar ''perfis'', ninguém gosta de ser rotulado. Não existe essa de ''patricinha'', o ''atleta'', ou o ''nerd''... Existem pessoas, que não se identificam (provavelmente, visto a audiência) e que preferem ficar ON no facebook.

Cláudio R. Souza comentou:

Concordo plenamente com tudo o que vc escreveu. O politicamente correto não pode mostrar nas obras de ficções jovens bebendo, se drogando, fazendo sexo, matando aula, brigando, gostando do mesmo sexo. Esse é o mundo real. Então o que vemos é isso ai: estória sem sal se repetindo a cada temporada. Mas tudo isso é mostrado no Cidade Alerta e ai os jovens sintonizam lá para verem a realidade. Esse é o Brasil. Que quer educar escondendo a verdade.

Veja também

Publicidade