O Planeta TV

Record TV: A história de #Jesus como você nunca viu

Confira chamada da próxima superprodução da emissora.

por Redação, em 22/07/2018

Não perca a estreia da novela Jesus a partir do dia 24 de julho, às 20h45, na Record TV!. Superprodução da Record TV é escrita por Paula Richard, com direção de Edgard Miranda. 

Pela primeira vez, a trajetória do homem que mudou a humanidade será contada em sua íntegra. Uma história tão rica que nunca pôde ser contada inteira em filmes ou minisséries. A novela Jesus irá mostrar passagens pouco conhecidas e aprofundar as histórias dos personagens que conviveram com Ele. Teremos a oportunidade de vivenciar o que as pessoas daquela época sentiam, suas dores, sofrimentos e conflitos. E, assim, entender de que maneira e por que foram tocadas pelas palavras de Jesus.

O Jesus que vamos mostrar é o que está na Bíblia, sem invencionices ou teorias sobre o que não é dito sobre Ele. Sua história será humanizada através das pessoas que O conheceram, que foram tocadas por Ele, de um modo ou de outro. É através do olhar desses personagens que veremos Jesus.

A história começa antes mesmo de Jesus ter nascido. Numa Nazaré simples e rural, onde Maria e José se apaixonam e vivem o tormento do julgamento dos habitantes de sua cidade, que não acreditam na anunciação feita pelo anjo Gabriel. Nesta primeira fase da novela, veremos também o drama do pai de João Batista que fica mudo e só recupera a fala na circuncisão de seu filho, João Batista, além dos bastidores do palácio de Herodes, o Grande, que ultrapassou os limites de sua loucura, ordenando a matança dos inocentes.

Foto: Divulgação/Record TV

O universo de Jerusalém daquela época é rico e pleno de ação. Dominada por Roma, a principal cidade da Judéia vivia imersa num turbilhão de conflitos. Falsos messias, rebeldes judeus agindo contra a dominação romana, opressão dos cobradores de impostos, pobreza e sonhos de uma vida melhor... um povo subjugado, à espera do Messias. Entre romanos e judeus, existem bons e maus. E Jesus vem para todos, sem preconceito, sem distinção.

Além da vida e ministério de Jesus na segunda fase da novela, conheceremos a trajetória de vida de algumas pessoas que foram curadas por Ele. Quem eram aqueles homens que se tornaram apóstolos; o que pensava Pilatos e como era sua relação com a esposa e filha; quais eram os sonhos e desejos de pessoas apenas citadas na Bíblia como José de Arimatéia, Susana, Joana e tantos outros; quem foi Maria Madalena, a mulher dominada por sete demônios; a vida sofrida de Barrabás e sua relação com o movimento rebelde; Petronius, o centurião romano que se comoveu com Jesus na cruz; e como era o dia a dia de Caifás, o sumo sacerdote que persegue Jesus até que seja julgado e condenado.

O embate entre o bem e o mal está presente em toda a jornada. Jesus não desiste de Sua missão. Enfrenta Satanás até Sua grande vitória, a crucificação, quando sacrifica-se por todos nós e ressuscita.

A trama irá mostrar a vida e época de Jesus como se estivéssemos lá, no momento em que Ele andava pela Terra.



Publicidade

Comentários (3) Postar Comentário

HugoNapow comentou:

A única novela que todos sabem o final.

André comentou:

A história de Jesus como a gente nunca viu mesmo, editada pelo igreja Universal!
Essa novela sim terá que escrever no final “Sem compromisso com a realidade”!
7 pontos no máximo!


Paraguassu respondeu:

eu ja sou mais otimista e dou 20 pontos.


IMPARCIAL comentou:

Não acredito em explosão de audiência!
Acho que a Record deveria repensar nas novelas bíblicas: mesclar! O mesmo em relação ao sbt: precisava ser mais audacioso e investir em tramas adultas, não precisa ser temas violentos, apelação à prostituição, drogas e outras coisas que vemos em tantas novelas por aí! Mas que dê condição do telespectador ter a certeza que não está assistindo uma novela infantil. O SBT vive um momento bacana, mas pode ir de ralo à baixo: colocou o Roda a Roda entre o jornal e a novela Poliana, isso mostra o quanto a emissora não prestigia o jornalismo, que pena!!!

Veja também

Publicidade