O Planeta TV

A prévia da audiência do último capítulo de O Tempo Não Para

O folhetim começou em alta, mas perdeu a força no fim.

por Redação, em 28/01/2019

Foto: Reprodução/TV Globo

Na noite desta segunda-feira, 28/01, a TV Globo exibiu o último capítulo da novela “O Tempo Não Para”, escrita por Mário Teixeira e estrelada por Juliana Paiva e Nicolas Prattes.

Exibida das 19h22 às 20h25, a trama marcou 25 pontos de média, no consolidado apurado na Grande São Paulo. A exibição acabou não superando o desfecho da antecessora, Deus Salve o Rei (34 pontos).

“O Tempo não Para” estreou em julho do ano passado com altos índices, acima dos 30 pontos, porém, ao longo do caminho, principalmente, na reta final perdeu o fôlego. O melhor índice alcançado pela obra foi justamente no primeiro episódio, quando registrou 32 pontos.



Publicidade

Comentários (6) Postar Comentário

Slytherin comentou:

Sinopse promissora, porém se perdeu lá pelo capítulo 50, algo que deveria ter sido previsto pelo Silvio De Abreu, talvez se tivesse no máximo uns 100 capítulos tivesse dado certo, não é toda história que tem força pra render mais de 150 capítulos. Antes tivesse sido uma superserie no horário das 23 com uns 60 capitulos. Teria sido bem melhor que aquela novela da poeira que exibiram e me recuso a falar o nome por motivos de ranço. Afinal quem disse que na faixa das 23h só a espaço para histórias pesadas recheadas de sexo e violência? Algo leve e descontraído antes de dormir também é legal! Acho que a novela teria dado certo nesse formato e não teria desgastado e se tornado um fracasso.


César respondeu:

Concordo com ousadias mais leves no horário das 23h, como foi o caso de Saramandaia, mas O Tempo Não Para não terminou sendo um fracasso na média geral. 24 pontos é razoável, porém em comparação a audiência final das outras realmente houve uma queda


paulo comentou:

Achei perfeito o último capítulo. Merece mais na audiência.

Dorinho comentou:

Decepcionante. Mário Teixeira poderia ter criado ao menos um final original para o casal protagonista, com a interrupção do tradicional "felizes para sempre". A cena do envelhecimento estava muito singela, verdadeira e original (e até emocionante), mas o autor resolveu apelar ao velho clichê tradicional das novelas (até agora, só me lembro de Alma Gêmea que que quebrou com esse ciclo). Por isso, compreendo as reclamações de João Emanuel Carneiro e Marco Pigossi, que "querem fazer algo diferente".

Victor Guimaraes comentou:

É uma pena que uma história tão promissora tenha acabado dessa forma. O autor não soube desenvolver a trama de forma coerente, fazendo-a se tornar uma concha de retalhos, repleta de personagens sem função e tramas desperdiçadas. Uma pena. Espero que Verão 90 venha mudar essa maré de azar.

Júlio comentou:

Enquanto a Globo não perceber que sua salvação atende pelo nome de Natália do Vale, a audiência só irá despencar cada vez mais.


Ana Paula respondeu:

O fã clube Natalia do Vale de Niterói concorda com vc, Júlio. Natalia é menosprezada e atacada pelas inimigas que dizem que ela envelheceu, mas ela continua muito linda. Até divulgam imagens manipuladas digitalmente dela com rugas, um absurdo. Natalia é uma fada sagrada da telenovela brasileira e merecia aparecer em todas as novelas. Vou fazer uma romaria para a Santa das Causas Perdidas para ver se resolve.


Nando Lopes comentou:

O tempo não para teve um belo argumento, bem desenvolvido nos primeiros capítulos, prova foi a audiência inicial. De fato, o autor com pouca experiência em voos solos não soube conduzir a tama do meio para o fim. Lembrando que a trama era para 2019. Foi produzida antes por causa do AVC de Jorge Fernando que atrasou Verão 90. Esse tempo fez falta para o autor repensar a história como um todo. Ainda assim considero O Tempo não Para uma boa novela, melhor do que Deus Salve o Rei.

Veja também

Publicidade