O Planeta TV

Renata Sorrah comenta seu personagem em "Duas Caras"

por jeferson, em 21/10/2007

Renata Sorrah comenta seu personagem em "Duas Caras"

Célia Mara vai sofrer o pão que o diabo amassou em Duas caras. Afinal, ela apareceu na manchete do jornal como a mulher do homem morto por uma bala perdida dentro de um circo. E quem era ele? João Pedro (Herson Capri), o reitor de uma importante universidade, casado com Branca (Susana Vieira)! A notícia, inspirada na realidade, fez com que Célia fosse expulsa de casa pelo marido Antonio (Otávio Augusto). Depois, foi maltratada pelos vizinhos. No enterro do amante, vê seu pai chegar ao cemitério. Ele cometeu suicídio: tragédia pura.

Ao vender a casa do pai, descobre que há uma fortuna (não esclarecida) escondida no terreno. Para viver essa mulher que dará muitas voltas por cima em Duas caras, o autor Aguinaldo Silva não teve dúvidas: chamou a atriz Renata Sorrah, com quem já trabalhou quatro vezes. “Costumo dizer que adoro fazer Renata pagar mico. É uma grande atriz e qualquer papel que escrevo, ela faz com verdade e intensidade”, elogia Aguinaldo. Renata também adora as novelas do autor. “Ele arrisca, não tem medo de nada. É um autor que transborda a tela da TV”, replica. Generosa, a atriz defende a sua Célia Mara com toda a garra.

“Ela era apaixonada por João e ele só se casou com Branca para subir na vida. O marido nunca deixou Célia estudar, mas, ao ajudar Clarissa (Bárbara Borges), sua única filha, que sofre de dislexia, vai fazer também vestibular e descobre que é um gênio da matemática”, diverte-se a atriz.





Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também