O Planeta TV

Grazielli Massafera vive caipira em "Desejo Proibido"

por jeferson, em 27/10/2007

Grazielli Massafera vive caipira em "Desejo Proibido"

Grazielli Massafera poderia ser mais uma ex-big brother esquecida depois de uma participação em novelas. Mas dois anos depois de ter saído do programa, a luz de Grazi brilha cada vez mais forte. Ela se destacou como a Telminha em ‘Páginas da Vida’ e agora enfrenta sua prova de fogo como atriz, numa novela de época, na pele de Florinda em ‘Desejo Proibido’, próxima trama das 18h. “Deus olhou e disse: ‘É a tua vez menina, aproveita’”, acredita Grazi. Parece mesmo que ela foi iluminada. Uma luz que Grazi vai mostrar novamente no Carnaval em 2008. Sua fantasia de Rainha de Bateria da Grande Rio vai representar o fogo. “É uma chama clara, o início das cores do fogo”, adianta o carnavalesco Carlinhos Barzellai.

Com tanto brilho, Grazi já se acostumou a ser uma estrela. “Tem hora em que você se acha mesmo, não tem como. Vejo minhas fotos nas capas de revistas, todo mundo me elogia. Mas sou ser humano, preciso colocar o pé no chão”, afirma. O que a ajuda a se manter na realidade é a família e uma vozinha dentro de sua cabeça. “A partir do momento que eu vacilar comigo mesma, estarei indo contra tudo o que construí. É meu outro eu que me coloca os pés no chão”, diz.

Com contrato na Globo até 2009, Grazi não revela quanto ganha, mas diz que não tem grandes sonhos de consumo. “Minha maior extravagância foi ir ao shopping comprar roupa. Tenho tudo o que sempre sonhei. Não penso em helicóptero, jatinho, nem numa ilha”, exagera. Nem mesmo quando fez sua primeira viagem ao exterior com dinheiro no bolso, Grazi foi consumista. Quando saiu do ‘BBB’, ela foi a Paris, mas admite que estava com o cofrinho mais cheio na recente viagem a Nova Iorque, durante o último Brazilian Day, em setembro. “Achei que fosse me transformar na rainha do Free Shop, mas sabe que nem fui?!”, diverte-se.

No mundo da fama, as pernas dela nem tremem mais quando contracena com um grande ator. “Já fiz cena com Tarcísio Meira, Thiago Lacerda e agora faço com Lima Duarte. Ele fala o texto com o pé nas costas, daí você acha até que vai fazer igual”, compara, sabendo que ainda faltam muitos anos para chegar lá.



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade