O Planeta TV

Record TV apostará em ex-obreira como roteirista de novela

Méuri Luiza escreverá Heróis da Fé: A História de Rute.

por Redação, em 16/04/2018

Méuri Luiza.<strong> </strong>Foto: Reprodução/Record TV

A minissérie Heróis da Fé: A História de Rute será escrita por Méuri Luiza Veldovello Assis. Méuri Luiza, como ela prefere ser chamada, frequenta a Igreja Universal desde a juventude, e é amiga de Cristiane Cardoso, filha de Edir Macedo.

Segundo informações do jornalista Daniel Castro, do UOL, a ex-obreira Méuri é o primeiro nome de um projeto de Cristiane Cardoso para colocar a dramaturgia da Record nas mãos de fiéis de Universal. Além de escrever A História de Rute, Méuri Luiza será uma das colaboradoras de Paula Richard em Jesus, a próxima novela bíblica da Record, com estreia prevista para o final de agosto.



Comentários (12) Postar Comentário

Di Almeida comentou:

Cristiane Cardoso vai implodir a já combalida dramaturgia da record

Cléber Dá Silva Nascimento comentou:

Eles vão apostar em uma obreira e frequentadora da IURD como roteirista de folhetins bíblicos, depois dessa notícia , não falo mais nada.

Roberto Antenado! comentou:

Com Cristiane Cardoso à frente dos projetos de dramaturgia na Record, agora é que as novelas serão grandiosos fiascos. Deixa isso para quem entende Cristiane, senão você vai ajudar a afundar de vez a emissora do seu pai Edir Macedo!!!!!!!!

Roberto Antenado! comentou:

Cristiane Cardoso, veja quem está à frente dos projetos dramatúrgicos da Rede Globo, são verdadeiros autores de sucessos consagrados pelo público e pela crítica especializada, portanto, seja humilde, deixe esse cargo para quem entende de dramaturgia! Pelo amor de Deus!!!

O profeta comentou:

Vishhhhhhhh, ex obreira... projeto de colocar a dramaturgia nas mãos dos fiéis da igreja... Cristiane Cardoso... Misericorrrrrrrrrrrdia... e olhando nome dela: Meuri kkkkkkkkkkkkkkkk... e olha a cara de doida devota e radical.

Carlos comentou:

Isso é que dá, apostar somente em tramas bíblicas! Nenhum autor consagrado quer escrever novela bíblica, Marcílio Moraes que nos diga, então o canal aposta na obreira da igreja pra escrever uma minissérie. Saudades da Record dos anos 2000 que não tava apostando no filão bíblico, preferia apostar em novelas de época e novelas mais violentas.

Mario comentou:

Novelas com cara de panfleto de pregação.

Thiago André comentou:

Agora é que vai afundar a TELEDRAMATURGIA DA RECORD.
Igreja, pastor, obreiro, crente, membro, eles tem que é cuidar das suas igrejas e religiões e
não de direção de novelas, textos, produções. Chega ser rídiculo.
Lamentável, pois a Record tem estúdios modernos e gigantes, atores, autores, tecnologia de primeira, e desde da terceirização para casablanca, tudo vem sendo destruído.
Quando esse pessoal vão entender que seus lugares é em templos e não em Tv Aberta, por isso a Record
não vai pra frente. Saudades daquele tempo que o Bispo Honoriton, era o única bispo que chegou a Record pra frente assustando a Globo com suas novelas, minisséries, e telefilmes e tudo com produção própria, gerando renda e emprego, com alta audiência e sem a necessidade de dividir faturamento com terceirizada.

BRUNO comentou:

Pra variar, dando um tiro no pé;

Vicente comentou:

O fato dela ser obreira ou ex-obreira da Universal não a desmerece como autora. O verdadeiro termômetro para isso é se ela tem talento pro riscado ou não. Por mais que o preconceito impeça muita gente de reconhecer, dentro da Igreja Universal existem grandes profissionais das mais diversas áreas profissionais - assim como dentro de qualquer igreja. PS: não sou membro da Universal! Aguardemos para conferir.

Veja também