O Planeta TV

Record apresenta "Pecado Mortal", sua nova superprodução

Confira o clipe de divulgação do folhetim, que estreia no próximo dia 25.

por Redação, em 11/09/2013
Publicidade

Bem humorado, o autor revelou diversos detalhes da superprodução da Record (Foto: Divulgação/Record)

As portas de um dos estúdios mais modernos do RecNov foram abertas na manhã da última terça-feira (10) para divulgar a novela "Pecado Mortal", a nova trama da Rede Record, que estreia no próximo dia 25. Jornalistas da imprensa especializada marcaram presença no encontro, que contou com a participação do autor Carlos Lombardi, do diretor-geral Alexandre Avancini, além da presença de grande parte do elenco.

A novela se passa no final dos anos 70, uma época que marcou a história do Rio de Janeiro, principalmente no que se refere à criminalidade no Brasil. O consumo de drogas se alastra pela sociedade brasileira alterando a estrutura de poder entre os criminosos. Se anteriormente os morros eram controlados por chefes do jogo do bicho, foi no final dos anos 70 que o poder começa a passar para as mãos de traficantes. Foi este o ambiente de pesquisa do autor Carlos Lombardi e a inspiração para escrever a história. O dramaturgo, em entrevista ao Portal O Planeta TV! conta mais detalhes sobre o folhetim.

De acordo com Anderson de Souza, diretor de dramaturgia, somente os gastos com cenografia foram de R$ 11 mi e cada capítulo custará para emissora algo em torno de R$ 500 mil.

"É um produto caro porque em qualquer outra novela contemporânea, você trabalha com uma base de acervo já existente de produções anteriores, ou seja, você tem um acervo de figurino, de móveis e cenários que podem ser reaproveitados. Para uma novela de época não existe acervo. Temos que desenhar o figurino, costurar o figurino, tem que em busca de carros de quem é colecionador. Por tudo isso o custo é mais elevado", justificou.

O diretor-geral Alexandre Avancini também está entusiasmado com "Pecado Mortal", e explicou que a trama irá trazer uma mistura de ação, drama e humor, características do autor Carlos Lombardi.

"Tenho muito prazer em voltar a trabalhar com Lombardi. Essa minha pegada de ação veio com diversas experiências que tive em outros trabalhos feitos com ele. Somente Lombardi escreve como Lombardi, mais ninguém.  Também estou muito satisfeito com o elenco, que está vestindo a camisa, e tirando também", disse.

Confira o clipe de divulgação do folhetim:


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (6) Postar Comentário


Camila Vieira respondeu:

Tenta fazer melhor...identificado mais um alienado da Globo, a emissora que deixa dançarina dançar nua em show infantil...que desvia dinheiro público...podre são os erros grotescos das novelas da Globo..Câmera aparecendo...contra-regra aparecendo ao fundo do cenário...atriz que chama a outra atriz pelo nome real..e tudo isso indo ao ar...REDE GLOBO...LIXO PODRE


Jorsilei Pedrina comentou:

Essa novela vai ser ótima!!!!!!!

Pedro comentou:

Realmente tem cara de superprodução! Belas imagens, efeitos especiais bem feitos. A trama parece bem costurada e já mostra muitos mistérios só no trailer. Não será difícil ser melhor que "Amor à Vida", com seu texto declamado e artificial.

rafael comentou:

Video cansativo... Personagens sem carisma.... Fiasco na certa...

César comentou:

Ha gente paraaa né super produção ? novela de Carlos Lombardi nunca foram boas, novelas podres, sem sentido, historia que muda sem ter explicação personagem que some do nada e outros que aparecem do mesmo motivo e fora qu novelas dele são longas e cansativas olha tem cara que vai ser igual pé na jaca e Kubanacam uma bosta

Jr Habnov comentou:

Finalmente voltarei a ver novelas!


Publicidade

Veja também

Publicidade