O Planeta TV

"Profissão Repórter" mostra o aumento de casamentos homoafetivos

Caco Barcellos encabeça o time de jornalistas do programa.

por Redação, em 19/12/2018

Foto: Globo/Divulgação

No ‘Profissão Repórter’ desta quarta-feira, dia 19, as matérias de Caco Barcellos e das repórteres Mayara Teixeira, Sara Pavani e Alana Oliveira mostram histórias de casais homoafetivos que buscam oficializar a relação, num movimento cada vez maior. Em Ituiutaba, interior de Minas Gerais, Caco conhece cinco casais que se reuniram para fazer um casamento coletivo. Mais de 40 profissionais trabalharam para ajudar a pagar os custos de cartório e da festa. É o caso da costureira Isabel Guimarães, que deu 50% de desconto nas roupas dos casais e cuja filha, Tainara, vai participar do casamento. Durante três anos, Isabel relutou em aceitar as escolhas afetivas da filha. 

Enquanto isso, Mayara Teixeira visita o cartório de São Paulo que mais realizou casamentos homoafetivos nos últimos três anos. Em outubro deste ano, foram 13. No mês seguinte, o número saltou para 38. “Na cidade de São Paulo, houve um aumento de 60% em relação ao ano passado no número de casamentos homoafetivos”, relata a jornalista que conversou com Jéssica Tauane e Júlia Azevedo, casal que deu entrada no cartório e oficializar a relação de dois anos e meio. 

Já as repórteres Sara Pavani e Alana Oliveira apresentam histórias de casais que enfrentam a tentativa de impedimento ou de anulação de seus casamentos pela justiça. Qualquer casamento civil precisa ser autorizado pelo Ministério Público, que avalia se há algum impedimento legal. “A gente conheceu pessoas que tiveram seus casamentos negados ou que sofreram tentativas de anulação e que estão tentando se casar em outras cidades”, comenta Sara.

O ‘Profissão Repórter’ vai ao ar nesta quarta-feira, depois do ‘Cinema Especial’.



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade