O Planeta TV

Em carta, Klara Castanho diz que foi violentada não só pelo homem que a estuprou

A atriz teve sua triste situação exposta na mídia.

por Redação, em 27/06/2022
Publicidade

Klara Castanho. Foto: Divulgação/TV Globo

Neste sábado (25), a atriz Klara Castanho, de 21 anos, divulgou uma carta em que revelou que foi vítima de estupro, engravidou e decidiu entregar a criança para adoção seguindo todos os trâmites legais. A atriz não queria expor esse episódio de sua vida, mas sites e redes de fofocas trouxeram não só a história a público, mas também especulações e ataques à atriz.

"Esse é o relato mais difícil da minha vida. Pensei que levaria essa dor e esse peso somente comigo.", declarou Klara Castanho na carta.

Tudo começou com um post do jornalista Matheus Baldi no dia 24 de maio, dizendo que Klara teria dado à luz a uma criança. A pedido da própria atriz esse post foi apagado, mas a notícia se espalhou. Na última quinta-feira (23), a apresentadora Antônia Fontenelle incitou ainda mais os comentários contra Klarana internet.

Sem citar o nome da atriz, ela disse em uma live, em tom bastante agressivo, que uma atriz de 21 anos teria engravidado e entregue o bebê para adoção. E depois disso, Klara se manifestou pela primeira vez sobre o assunto, através de uma carta aberta em sua rede social.

“Fui estuprada. Relembrar esse episódio traz uma sensação de morte porque algo morreu em mim”, declara a Klara.

Klara conta que seguia menstruando normalmente e que não havia ganhado peso. E que ao contar para o médico que havia sido estuprada, se sentiu violada e culpada novamente.

“Esse profissional me obrigou a ouvir coração da criança, disse que 50% do DNA eram meus e que eu seria obrigada a amá-la...”, conta Klara na carta.

A advogada Fayda Belo explica que mesmo que Klara não tivesse sido estuprada, ela poderia legalmente entregar a criança para adoção.

Klara conta ainda na carta que no dia em que o bebê nasceu, foi abordada e ameaçada por uma enfermeira na sala de cirurgia com as seguintes palavras: “Imagine se tal colunista descobre essa história”. E quando Klara voltou para o quarto, já havia mensagens do colunista com todas as informações.

Neste domingo (26) , Léo Dias publicou um pedido de desculpas à atriz. Ele diz que não deveria ter escrito nenhuma linha sobre esta história ou ter feito qualquer comentário sobre algo do qual não tem o direito de opinar. Em postagem, Lilian Tahan, diretora de redação do Metrópoles, diz que “O site expôs de forma inaceitável os dados de uma mulher vítima de violência brutal e que a matéria foi retirada do ar”. Nas redes, a revelação dessa história causou indignação contra Léo Dias e contra Antônia Fontenelle.

O Fantástico procurou Klara Castanho, mas ela preferiu não dar entrevista. Em mensagem, Klara disse que está tudo muito recente e muito difícil. Tudo o que poderia dizer está na carta.

A carta publicada no Instagram:

Klara Castanho agradeceu o apoio que tem recebido após revelar que foi estuprada e entregou bebê para adoção. A atriz de 21 anos, que disse ter decidido falar sobre o assunto após a história vazar, recebeu apoio público de famosos nas redes sociais.

A Taís Araujo, que disse ter obrigação de "acolher publicamente" a atriz, Klara comentou: "Eu amo você, e não é dessa vida. Obrigada, Tais".

No post de Thalita Rebouças, que disse que a atriz virou "filha do coração", Klara escreveu: "Te amo com todo meu coração".

No post de Bruno Mazzeo, que homenageou a atriz relembrando que fez papel de seu pai no cinema e disse querer dar um abraço na atriz "e ver de perto esse sorriso que há de voltar", Klara comentou: "Obrigada por esse cuidado tão grande. Obrigada!"

No post da também atriz Carol Castro, que homenageou a atriz com uma foto das duas na Colômbia e disse estar "em choque", Klara agradeceu: "Obrigada por estar e sempre ter estado aqui. Te amo. Só te amo mil vezes".

A Dadá Coelho, que escreveu sobre "o mundo estar muito doente" e disse que a atriz "emana luz sobre as outras pessoas", Klara escreveu: "Te amo Dada, Te amo".


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Publicidade

Veja também

Publicidade