O Planeta TV

The Voice Brasil: Vem aí a ‘Batalha dos Técnicos’

A partir da próxima terça-feira (4) começa uma nova fase do programa.

por Redação, em 31/08/2018

Foto: Globo/Artur Meninea

A partir da próxima terça-feira, dia 4 de setembro, o ‘The Voice Brasil’ começa uma nova fase do programa: a ‘Batalha dos Técnicos’. A etapa consiste em batalhas especiais, com shows ao vivo, em que a disputa deixa de ser entre candidatos do mesmo time e passa a ser entre cantores de times adversários. Um sorteio é feito para descobrir qual técnico começa escolhendo seu opositor. A partir daí, Ivete, Brown, Lulu e Teló escolhem quem de seu time irá duelar com o time adversário. Nesta fase, a decisão fica totalmente nas mãos do público.

Na noite desta quinta-feira, dia 30, mais 12, dos 16 candidatos que se apresentaram, passaram para a próxima etapa da competição. O Time TELÓ iniciou a última noite de ‘Tira-Teima’. A primeira a se apresentar foi Andressa Hayala com “Final de Tarde”, de Péricles. Depois foi a vez de Kelvin Bruno dar voz a “Redemption Song”, de Bob Marley. Em seguida, Léo Pain trouxe a canção de Bruno e Marrone, “Por Um Minuto”, buscando a permanência na competição. “Feira de Mangaio”, um clássico de Clara Nunes, na voz de Lílian Menezes, fechou as performances do time TELÓ. Léo Pain garantiu sua vaga para a próxima fase ao conquistar 70,34% de aprovação do público. Logo depois, o técnico sertanejo escolheu Kelvin e Andressa, que seguem na disputa.

O Time IVETE foi o segundo a pisar no palco da atração e teve como primeira candidata Jennifer Rocha, que cantou “Sorry Not Sorry” de Demi Lovato. Mariá Pinkusfeld foi a próxima, apresentando “Espumas ao Vento”, do cantor Fagner. Em seguida, Marine Lima animou a plateia com “Stayin’ Alive”; e fechando as apresentações da equipe de Ivete, Tamires Braga cantou “Let´s Stay Together”. O resultado da votação garantiu a permanência de Marine Lima no reality, que obteve 47,99% dos votos. Ivete, por sua vez, optou pela continuidade de Jennifer Rocha e Tamires em seu time.

A terceira equipe a se apresentar foi o Time BROWN, que chegou com Cristiane Santos cantando “Ai Que Saudade De Ocê”, de Geraldo Azevedo. Meggie Santos, em seguida, trouxe “À Francesa”, de Marina Lima, e Murilo Bispo, “Lost Stars”, de Adam Levine. A última candidata de Carlinhos Brown foi Nina Black, preparada para cantar “O Nego Do Cabelo Bom”, de Max de Castro. Com a votação encerrada, Tiago Leifert anunciou Murilo Bispo como o escolhido pelo público de casa, com 44% dos votos. Logo após, Brown revelou sua decisão: Cristiane e Nina continuam no jogo.

O Time LULU, último da noite a se apresentar, começou com a performance de Dreicon ao som de “Lemonade”, de Jeremy Passion. Gika Bacci foi a segunda da equipe a subir ao palco e prestou uma homenagem ao ícone Aretha Flanklin, com a música “Chain Of Fools”. Isa Guerra trouxe “12 Horas”, de Dilsinho, e Thailla Lima apresentou “Medo Bobo”, de Maiara e Maraisa. A decisão popular protegeu Dreicon, que recebeu 45,3% dos votos, e Lulu Santos preservou Isa Guerra e Gika da eliminação.

Foto: Globo/Artur Meninea

OS TIMES DO THE VOICE BRASIL ATÉ O MOMENTO:

TIME BROWN - Cristiane Santos, David Nascimento, Erica Natuza, Helen Cristina, Maraia Takai, Rê Adegas, Nina Black, Liana Gondim e Murilo Bispo.

TIME IVETE - Edson Carlos, Flavia Gabê, Gisele Lira, Jennifer Rocha, Júlia Dantas, Kevin Ndjana, Marine Lima, Damiana Sadili eTamires Braga.

TIME LULU - Dreicon, Giulia Sant’Ana, Larissa Viana, Priscila Tossan, Tai Chiaro, Cadu Duarte, Suelen Karine, Isa Guerra e Gika Bacci

TIME TELÓ - Andressa Hayalla, Dri Santana, Kelvin Bruno, Léo Pain, Micaella Marinho, Renan Valentti, Morgana Rodrigues, Arthur Henrique e Lais Yasmin.

O ‘The Voice Brasil’ vai ao ar às terças e quintas após ‘Segundo Sol’, tem direção artística e geral de Creso Eduardo Macedo e apresentação de Tiago Leifert com Mariana Rios.



Publicidade

Comentários (2) Postar Comentário

Antônio Fernandes comentou:

O Programa esse ano está ridículo muita musica internacional e pouca brasilidade, continua se dando bem quem grita mais alto, e outra "Espumas ao Vento" não é de Fagner, composição do poeta Maciel Mello e "Ai que saudade de oçê" não é de Geraldo Azevedo e sim do mestre Vital Farias, péssimo repertório e mal gosto nas escolhas das canções tudo arranjado como sempre.

Antônio Fernandes comentou:

Retificando Espumas ao Vento de outro grande poeta Accioly Neto.

Veja também

Publicidade