O Planeta TV

Diretor e autora de Espelho da Vida querem que o público 'viaje' com a novela

O folhetim estreia hoje, a partir das 18h, na Globo.

por Redação, em 25/09/2018

Pedro e Elizabeth. Foto: Artur Meninea/Globo

Espelho da Vida é exemplo de trabalho em equipe, e uma boa parcela disso se deve à sintonia entre o diretor artístico, Pedro Vasconcelos, e a autora, Elizabeth Jhin. Juntos, eles buscam, desde o começo da preparação para a nova novela das 6, um conceito realista, que se estende aos outros integrantes da equipe.

“É até um pouco clichê falar isso, mas quem casou essa novela foi uma força superior. (...) Não era para eu estar aqui”, revela Pedro Vasconcelos, que dirige sua quinta novela com temática espírita na Globo.

“Pedro é muito talentoso, além de excepcional. Tem sido um prazer enorme trabalhar com ele”, conta a autora.

A trama, que é ambientada em Minas Gerais, está sendo escrita por Elizabeth há pelo menos um ano. Em entrevista ao Gshow, ela entrega que já tinha pensado em Rafael Cardoso para o papel do pintor Danilo, mas não imaginava o que estava por vir:

“Comecei a escrever muito tempo antes, não sabia quem seriam os atores. Os que vieram se encaixaram de uma tal forma... É como se eu estivesse escrevendo para eles, é impressionante!”.

Pedro também fala que os atores foram escolhidos a dedo. Por isso, o tipo de interpretação e as emoções pessoais de cada um se tornaram cruciais para essa escalação.

Foto: Divulgação/TV Globo

“O conceito é: tem que ser de verdade. Para contar a história em que uma menina atravessa um espelho e cai em 1930, o entorno tinha que ser realista. Então, a escalação foi seguindo esse preceito”, explica.

Essa dupla promete com Espelho da Vida a partir desta terça, 25/9. E, se depender deles, o público vai adorar a nova novela da Globo.

“A ideia é que o espectador possa viajar na história”, prevê Pedro.

Espelho da Vida é uma novela escrita por Elizabeth Jhin, com colaborações de Duba Elia, Renata Jhin, Wagner de Assis e Maria Clara Mattos. A direção artística é de Pedro Vasconcelos, com direção geral de Claudio Boeckel e direção de Luis Felipe Sá, Rafael Salgado e Tande Bressane.



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade