O Planeta TV

A Força do Querer reproduz cena clássica de Gabriela

Gloria Perez destaca homenagem à Janete Clair: "Amava o recurso".

por Redação, em 23/09/2017

Foto: Divulgação/Globo

Ontem (22), A Força do Querer mostrou Ísis Valverde reproduzindo uma cena que está na memória de boa parte do público.

Furiosa ao descobrir que Ruyzinho é filho de Zeca (Marco Pigossi), Edinalva (Zezé Polessa) correu atrás de Ritinha (Ísis Valverde), que subiu no telhado para fugir da coça da mãe. Nas redes sociais, telespectadores logo apontaram a semelhança com a cena em que Gabriela (Sônia Braga em 1975 e Juliana Paes em 2012) sobe no telhado para resgatar uma pipa.

Em seu Twitter, Glória Perez confirmou a homenagem. 

Homenagem a Gabriela e a Janete Clair #Vilminha de Partido Alto #aForçaDoQuerer

— Gloria Perez (@gloriafperez) 23 de setembro de 2017

Nilson Xavier, pesquisador de teledramaturgia, comentou o tweet, corrigindo a autora: "ou Vilminha de Pecado Capital (Débora Duarte)". Gloria respondeu: "em Eu Prometo uma das filhas tbm subia no telhado. Janete amava o recurso".  Janete faleceu durante Eu Prometo (1983/1984) e Glória, que já colaborava com a autora, assumiu o texto. As primeiras versões de Pecado Capital e Gabriela estrearam no mesmo ano, 1975.





Comentários (8) Postar Comentário

Napow Critico - TV comentou:

Shippei muito Gabriela e Ritinha - Gabritinha.

Cida comentou:

não é "recurso" a palavra. É plágio. Mas arrumaram um jeito meigo de falar plágio rs


Jennifer respondeu:

Plágio do quê? Quem produziu a novela original e o remake não foi a própria Globo?


Jonas comentou:

Que falta de criatividade. Copiar sena de novela velha. E dizem q é um grande sucesso com 35 pontos eu queria ver esses 35 pontecos em 1990. Seria um fiscão


Original respondeu:

35 pontos é sucesso! Enquanto 6, 7, 10 é derrota! Vide Belaventura, ODM e OREL.



Lucas respondeu:

Se 35 pontos de a força do querer seria fiascao em 1990, e o que seria de os dez mandamentos, nos anos 90 com 16 pontinhos de média geral, kkkkkkk se entenda q da tempo cara kkkk



Anônimo respondeu:

Nao estamos na década de 90



Zoroastro respondeu:

Assiste e puxa-saco de novela com história copiada da Bíblia e acha que têm moral pra falar de falta de criatividade. Viuvinhas perderam a noção mesmo.


Júnior comentou:

Paciência zero pra quem não entende o que é uma homenagem e muito menos pra quem compara medição de Ibope há 27 anos com atualmente... Zzzzzzz

junior comentou:

eu acho que plagio não é pois e qualquer pessonagem pode subir no telhado, e qual problema tem na mulher querer prestar uma homenagem a novela é um sucesso sim não por causa de um cena apenas mais de um mix de sucesso parabéns gloria cada vez nos surpreendendo.

RAYDAN comentou:

Comentaristas desse site, como sempre, procurando o lado ruim de tudo pra e e conseguirem falar mal de tudo que veem pela frente...
Pra quem viu a cena ficou muito claro que havia uma referência a Gabriela e q a intenção da autora era exatamente remeter o público a cena clássica dessa novela
Qd há plágio, o autor se apodera de uma obra alheia sem dar o devido crédito e fingindo que não sabia que aquela obra existia, como se fosse criação sua, mesma estando claro q a obra alheia foi copiada... Óbvio que não foi o caso, seria muita ingenuidade de uma autora tão experiente escrever uma cena achando que ninguém notaria a uma referência tão conhecida... Óbvio que a intenção da Glória era exatamente homenagear a outra novela
Mas sempre tem os que se acham espertalhões que acham que desmascaram a autora pq tiveram a capacidade divina de notar que já tinham visto aquela cena em Gabriela
Pois é... uma cena dessas é motivo de deleite tanto pra quem curte novelas e adora ver uma novela fazendo referência a outra mas tb pra gente amargurada q sempre que procurar o lado ruim das coisas mesma qd não existe só pelo prazer de falar mal

Televisivo comentou:

Foi apenas uma alusão bando de gente chata. Glória Perez tem bagagem e criatividade para bolar o que quiser. Por mais que a tachem de maluca, as suas novelas fogem da curva tradicional. Sempre abordou temas em voga, quebrou tabus e tem um apelo popular enorme, tal e qual a Janete Clair.
Ela não precisa plagiar ninguém, foi uma alusão. Quem viu Isis Valverde em cima do telhado, automaticamente se remeteu à cena de "Gabriela". Quanta estupidez.
Uma mulher que carregou sozinha uma novela como "A Força do Querer", já considerada um marco, não precisaria correr atrás de plágio, há 1 mês do final desse sucesso.
Se poupem, que babaquice. Vergonha alheia!

Geraldo comentou:

Homenagem e Plágio, se "confundem" porque para homenagear tem - muitas vezes - que "copiar". Como diria a personagem Joyce: Tanto Ritinha como Gabriela são "silvicolas" :)

Veja também