O Planeta TV

SBT e Record não demonstram interesse no Pânico

Trupe se despede da Band no próximo mês.

por Redação, em 21/11/2017
Publicidade

Trupe do Pânico na Band. Foto: Divulgação

A saída da Band pode decretar o fim do Pânico na TV. Até o momento, segundo consta, não há interesse por parte do SBT e da Record TV. É importante destacar também que a trupe saiu da RedeTV! em pé de guerra. 

Nos últimos anos, o Pânico perdeu força comercial, e acabou se tornando um produto inviável, com custos elevados. No Ibope, disputa o quarto lugar com a similar: Encrenca. 

Com a saída do Pânico, no mês que vem, a Band ainda não sabe o que exibir no lugar do humorístico. Já se falou em um programa solo do humorista Márvio Lúcio, que intepreta o Carioca, numa atração com youtubers, e até mesmo em documentários da BBC. No entanto, nada está definido. Segundo Ricardo Feltrin, do UOL, há outra vertente de interessados na faixa: igreja evangélicas. 


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (4) Postar Comentário

Adalberto comentou:

Que alívio!

Rafael comentou:

Igreja não, espero que venha uma nova opção, com qualidade, para os nossos domingos!!

Max comentou:

Pânico é caro e não dá mais retorno. É óbvio que nenhuma emissora quer um abacaxi desses, ainda mais nas condições atuais.

Paulo comentou:

Acho que o Pânico foi um marco no humor produzido pela televisão brasileira, mas saturou, ficou desgastado. Em tempos de tecnologia e redes sociais, a tendência é que muitas fórmulas televisivas sejam cada vez mais efêmeras, estilo fast-food. O programa se desgastou e eles mesmos ficaram deslumbrados com esse mundinho de celebridade, algo que eles tanto criticavam no início. E foi esse humor corrosivo e escrachado de fazer graça com essa categoria de celebridades que acham que são alguma coisa, mas, no fundo, arte por ela produzida é vazia, que fez o Pânico se destacar. Depois, porém, eles mesmos se tornaram vítimas do que criticavam. Os quadros, as esquetes, foram ficando iguais, tudo muito previsível e até mesmo as situações que eles pretendiam que o telespectador acreditasse ser verdade, quando, na verdade, era o famoso "tudo combinado". Soma-se a isso o fato da patrulha do politicamente correto ter se intensificado ainda mais. A quantidade de 'dodóis', ressentidos, melindrosos... faz grita com qualquer coisa hoje em dia. No caso da recusa do SBT em aceitá-los agora em muito deve ser por conta deles não terem aceitado ir pra emissora quando Silvio Santos demonstrou muito interesse em contratá-los.


Publicidade

Veja também

Publicidade