O Planeta TV

Rodrigo Faro recebe Eduardo Costa no quadro “De Volta ao Passado”

“A gente andou dando “uns pegas”, revela o cantor sobre relação com Antonia Fontenelle.

por Redação, em 13/09/2019
Publicidade

Foto: Divulgação/ Record TV

Hora do Faro do próximo domingo, 15/09, conta as histórias de dois talentos da música: Eduardo Costa, cantor que saiu do interior de Minas Gerais para conquistar o estrelato; e Josiane, do Mato Grosso, cujo dom será descoberto pelo país no programa.

Eduardo Costa revisita origens

No quadro De Volta ao Passado, o apresentador Rodrigo Faro visita o cantor sertanejo Eduardo Costa em sua mansão, localizada na cidade de Belo Horizonte, MG. Os dois batem um papo descontraído sobre o passado de Eduardo, assuntos cotidianos e várias curiosidades. O cantor também aborda temas mais pessoais, esclarecendo polêmicas e comentando sobre ex-namoradas. O sertanejo, inclusive, não deixa de falar sobre sua relação com Antonia Fontenelle. “Eu me separei da Vitória já tem uns quatro meses e pouco. Depois da Vitória, a única pessoa que eu tive foi a Fontenelle, a Antonia Fontenelle. A gente andou dando “uns pegas”, ficamos juntos, dando uns beijos. ”

Depois da conversa, Faro convida Eduardo a fazer uma jornada por seu passado. De Belo Horizonte, os dois entram a bordo de um Chevrolet Monza, carro que serviu de lar para o cantor durante uma fase bem difícil, e seguem até a cidade de Contagem, no interior mineiro. Chegando lá, o cantor apresenta a residência humilde em que viveu no começo da carreira. A partir daí, embarcam em uma viagem à cidade de Abre Campo, revivendo os primeiros anos de sua vida. “A minha vida foi de miséria até os 25 anos, foi de miséria, eu não tinha nada, eu não tinha nem comida em casa. Muitas noites eu não tinha o que comer. Eu fui ter sapato, tênis, depois dos meus 10 anos, 12 anos de idade. Até então, nunca tinha tido, não. Sempre morei em barraco e só fui morar em casa mesmo, depois dos 26 anos”, desabafa Eduardo Costa.

Na zona rural do estado, Faro faz uma surpresa levando o artista à primeira escolinha em que estudou. Depois, vão a pé até a casinha em que o pai de Eduardo construiu com as próprias mãos, à qual não retornava há 15 anos. Desde a caminhada e até entrar na casa, Eduardo se depara com objetos, pessoas, cenários e familiares que fizeram parte desta fase de sua vida. O público assistirá a todos os emocionantes encontros no domingo.

Foto: Edu Moraes/Record TV

Josi, a sertaneja da floresta

Ainda no Hora do Faro, o quadro “Pronto Pra Fama” mostra a vida de Josiane, que chamou a atenção para sua voz quando Cristiano, seu marido, publicou nas redes sociais um vídeo em que canta enquanto dá banho em seu filho. Com 31 anos, Josi leva uma vida bem simples em Alta Floresta, Mato Grosso.

Com um histórico cheio de dificuldades, chegou até a passar fome, mas isso mudou após conhecer Cristiano. Porém, agora, Josi luta contra uma grave doença, aguardando uma cirurgia no sistema público de saúde, cuja fila de espera pode ultrapassar dois anos. Assim, Josiane tem dois grandes sonhos: dar continuidade a seu tratamento e ganhar a vida como cantora.

Para ajudá-la, o Hora do Faro convocou a dupla sertaneja João Neto & Frederico. Josi passou um dia com os cantores, sentindo na pele a rotina atribulada dos artistas profissionais.

Os telespectadores saberão tudo o que aconteceu durante esses momentos e, do palco do programa, ainda assistirão a uma apresentação de cantora. Josiane também passará por um teste e, se vencer, poderá ganhar prêmios para auxilia-la no início da carreira. Para fechar, João Neto & Frederico interpretam sucessos.

Hora do Faro é apresentado por Rodrigo Faro e vai ao ar aos domingos, a partir das 15h45. O programa tem direção artística de Cesar Barreto e direção de Aline Alonso e Diego Oliveira.


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (1) Postar Comentário

Trago verdades comentou:

É possível respeitar pessoas com diferentes perspectivas políticas e opiniões. É possível respeitar qualquer estilo musical, ainda que não seja a tua praia. A questão do Eduardo Costa não é essa. Milhares de brasileiros estão na miséria e tantos outros vieram de situações miseráveis com muita dignidade. Ninguém duvida disso. Mas o problema do Eduardo Costa é outro. A miséria cultural e intelectual do cantor faz causa antipatia por onde ele passa. O deboche e a falsa moral que ele vomita enjoa. Diferente do cantor Leonardo que ele adora citar como exemplo, há um caráter autentico e genuíno em Leonardo que o fez chamar a atenção desde os anos 1990 e que Eduardo Costa força também ter. Pouco entende que personalidades carismáticas e intrigantes vem de dentro. Eduardo Costa é visceralmente superficial e quer chamar a atenção a qualquer custo.


Pedro respondeu:

Falou tudo! Força uma simpatia que não tem, além de ser babaca nas suas "opiniões".



Publicidade

Veja também

Publicidade