O Planeta TV

Programa acompanha as mudanças na saúde pública de comunidades carentes

Profissão Repórter vai ao ar hoje, à noite, após o Futebol.

por Redação, em 01/05/2019

Foto:  Globo/Divulgação

No ‘Profissão Repórter’ desta quarta-feira, dia 1º de maio, os repórteres Eliane Scardovelli, Alana Oliveira e Guilherme Belarmino viajam por diferentes estados para conhecer os impactos causados pelas mudanças no Mais Médicos desde o final do ano passado, quando os médicos cubanos deixaram o programa. A repórter Alana Oliveira percorre vilarejos do sertão do Ceará que estão sem atendimento médico há seis meses. “Medicamento, ambulância, água. A falta dos itens mais básicos para qualquer assistência de saúde era sentida quando adentramos as estradas do sertão cearense”, relembra. 

As mais de mil vagas do programa que ainda estavam abertas foram, agora, oferecidas para os médicos brasileiros formados no exterior. Neste contexto, Guilherme Belarmino vai até o Rio Grande do Sul para mostrar a expectativa dos moradores de cidades distantes da capital que esperam a chegada de médicos brasileiros formados na Bolívia e no Paraguai. “É interessante como jornalista poder contar essa história de um direito básico, mas que só chega para as pessoas depois de muito esforço do poder público e que, mesmo assim, em algumas situações, não é possível. Nessa região de Ajuricaba (RS) em que fomos, não conseguem contratar médicos nem oferecendo um salário alto. Acho que isso dá a dimensão de como é difícil, ainda em 2019, levar saúde pública para a população de lugares mais afastados”, finaliza Guilherme.

O ‘Profissão Repórter’ vai ao ar às quartas-feiras, depois do . ‘Futebol 2019’.



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade