O Planeta TV

Onde Nascem os Fortes: Um noite que ainda não terminou

As surpresas do último capítulo da supersérie.

por Redação, em 14/07/2018

Foto: <strong>Divulgação/TV Globo</strong>

Uma briga banal de bar transformou de vez a vida de Pedro Gouveia (Alexandre Nero). Acusado da morte do aventureiro Nonato (Marco Pigossi), de quem descobriu ser pai, o Rei de Sertão foi perseguido pela gêmea dele, Maria (Alice Wegmann), e se envolveu com a mãe deles, Cássia (Patricia Pillar), até que conseguisse, enfim, provar que era inocente. Rival do juiz Ramiro (Fabio Assunção), o empresário foi vítima de uma armação do homem da lei da cidade, que se aliou ao delegado Plínio (Enrique Diaz) para incriminá-lo. Mas, afinal, o que aconteceu na noite em que Nonato desapareceu? 

Cenas em flashback vão explicar como Nonato foi morto após tomar uma surra de Jurandir (Rodrigo García) naquele fatídico dia. A sequência foi gravada em dois momentos: nos Estúdios Globo, Patricia Pillar gravou a parte em que Cássia descobre novas informações sobre o episódio; já no sertão paraibano, foi rodada a continuação da cena do sumiço de Nonato. 

“O laudo oficial comprovou que o tiro que matou Nonato não saiu das suas nem das armas de seus seguranças. A certeza dele é que Ramiro está envolvido no crime”, diz Alexandre Nero, intérprete do protagonista da supersérie de George Moura e Sergio Goldemberg, com direção artística de José Luiz Villamarim. Fato é que não há ainda nada que comprove que o juiz tenha, de fato, disparado contra o rapaz. “O que se sabe é que Ramiro sabia onde estava o corpo de Nonato o tempo todo e usou essa informação para manipular as provas do processo”, explica Fabio Assunção. Ramiro mandou colocar o corpo do rapaz nas terras de Pedro, para culpá-lo.

A resolução do mistério é o destaque do último capítulo de ‘Onde Nascem os Fortes’, que chega ao fim nesta segunda-feira, dia 16, com uma também eletrizante sequência de Ramiro abrindo fogo contra o hotel onde Cássia está hospedada. Para George Moura, o encerramento da obra reserva mais surpresas. “O público pode esperar muita emoção, loucura e vingança, mas também perdão, afeto e muito amor para seguir adiante, por cima dos escombros da dor. O bem há de triunfar”, finaliza. 

De George Moura e Sergio Goldenberg, escrita com a colaboração de Flavio Araujo, Mariana Mesquita, Claudia Jouvin e Marta Góes, 'Onde Nascem os Fortes' tem direção artística de José Luiz Villamarim, direção geral de Luisa Lima e direção de Walter Carvalho e Isabella Teixeira. O último capítulo vai ao ar na próxima segunda-feira, dia 16, após ‘Segundo Sol’.



Publicidade

Comentários (3) Postar Comentário

José comentou:

Ótima supersérie mas não foi a melhor, mas conseguiu trazer uma trama diferenciada fora do comum do que estamos acostumados e exaustos de ver na Tv. Parabéns Alice, Patricia, Alexandre, Fábio, Deborah, Jesuita, Enrique, Gabriel, Lee, Zé, Lara e Carla todos com atuações excelentes. Onde Nascem os Fortes vai deixar saudades!!!

José comentou:

Ótima Supersérie. Parabéns a todos!!!

Inho comentou:

Graças a deus que essa chatisse vai acabar. Oh novelinha doida e confusa a cada dia é uma historia mal contada. Como é que o assassino de Nonato é outro se no primeiro capítulo durante uma festa no bar o Nonato ao se encontrar com ma mulher , ele acabou se deparando com Pedro e os capangas que a levou em um matagal pra que? E agora vem com essa de que o assassino podera ser outro. Daqui a Pouco vai dizer que foi Maria que matou o irmão para incriminar o Pedro.

Veja também

Publicidade