O Planeta TV

Leonardo Vieira relembra sucesso com fãs no início da carreira

'Eu e o Fábio Assunção tínhamos que sair com seguranças', confessa o ator.

por Redação, em 01/07/2022
Publicidade

Foto: iMDb/Reprodução/Divulgação/Globo

Ele saiu de uma participação em uma novela para viver um protagonista. Leonardo Vieira, que estreou na TV na pele de José Inocêncio, na primeira fase de Renascer, fez tanto sucesso na pele do coronel que, no mesmo ano, em 1993, foi chamado para viver o seu primeiro grande papel em uma trama inteira: Lucas, em Sonho Meu.

Na história de Marcílio Moraes, ele é irmão de Jorge, personagem de Fábio Assunção. E verdade seja dita: na época das gravações, os dois foram alçados ao posto de galãs e eram figuras certas em diversas capas de revistas. No podcast novela das 9, Leonardo relembra o barulho estrondoso que seus personagens causaram e conta o que achava de todo esse assédio vindo dos fãs:

"Na época era engraçado, pois quando saía da TV Globo, tinha uma multidão de pessoas esperando os atores. Era muito louco, eu e o Fábio tínhamos que sair com seguranças. Quando íamos gravar externa também. Nossa, e em Curitiba era uma loucura! Muitas garotas ficavam na porta do hotel. Para gravar tinha que mobilizar polícia e segurança, era quase beatlemania (risos)."

Além de ter Fábio Assunção como irmão, Leonardo Vieira tinha uma avó e tanto: Beatriz Segall, que vivia sua avó, a autoritária Paula Candeias de Sá. No podcast, o ator confessa que ficou bastante nervoso com a oportunidade de viver o neto da eterna Odete Roitman. Segundo ele, até umas bronquinhas rolaram, mas no fim, a veterana fez algo que o deixou de alma lavada:

"Ela não me dava sopa, era muito exigente comigo e eu sempre estava em um estado de tensão, pois eu queria agradá-la, queria que ela gostasse de mim e do meu trabalho. Ela me manteve sob tensão a novela inteira, mas no final, nas últimas cenas que nós gravamos, ela pegou na minha mão, o olho brilhou e disse pra mim: ‘Foi muito bom trabalhar com você!’ Foi um presente! Porque eu achava que ela me detestava!" 

Não foi só o Leonardo que foi chamado para viver um protagonista em Sonho Meu. Patrícia França, que fez Maria Santa em Renascer, amor da vida de José Inocêncio, também foi convidada para a novela das 6. A nova parceria foi resultado do apelo do público, que ficou apaixonado pelo casal da ficção e pelo talento da dupla. Desse modo, eles encararam o desafio de interpretar um novo par romântico, dessa vez, em "Sonho Meu": Lucas e Cláudia.

"Rolou uma química, uma magia com os atores, mas acho que antes (em Renascer) existiam os personagens, que era uma história muito bonita. (...) O Benedito Ruy Barbosa, no auge da sua genialidade, escreveu cenas lindas, que davam um prazer enorme de fazer e de falar cada palavra. E a Patrícia tinha um brilho da juventude, e um grande desejo, assim como eu, que tudo desse certo", acredita Leonardo Vieira.

No podcast Novela das 9, Leonardo também revela "jornada dupla" de Patrícia França, conta curiosidades de cena icônica de Renascer, fala da vida em Lisboa, discursa sobre aceitação e muito mais!

podcast Novela das 9 tem produção, roteiro e apresentação de Vitor Gilard e Gabriela Duarte. A edição é de Nicolas Queiros.


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Publicidade

Veja também

Publicidade