O Planeta TV

Jorge Fernando adota estilo menos explosivo em Alto Astral

Diretor pretende um tom naturalista para a comédia romântica

por Sergio Gustavo, em 26/10/2014
Publicidade

Com o fim de Divertics, Jorge Fernando tratou de dedicar-se a uma novela das sete, horário em que tornou-se especialista. O sucesso de Tititi (2010) impulsionou as apostas em Guerra dos Sexos (2013), que saiu do ar sem atingir o esperado. Parece que o diretor analisou as razões do êxito aquém para achar o tom de Alto Astral.

Em entrevista ao site Acontece, Jorge comentou o seu estilo. "Acho que, historicamente, ajudei muito a crescer tramas com explosões etc. Não que em Alto Astral não tenha isso, mas é uma novela sobre emoção, sobre um triângulo amoroso e com a espiritualidade abraçando isso tudo. Meu trabalho de direção é mais em função dos atores, nesse caso. Quero eles se divertindo, felizes em cena, contando uma história que é fantástica". Pelo que indica a sinopse, o trio Natália Dill, Thiago Lacerda e Sérgio Guizé não passa pelo humor, exceto nas intervenções do espírito vivido por Marcelo Médici e que acompanha o protagonista. "É muito bom brincar com uma coisa que você não conhece. A novela tem esse tom de comédia, pelas situações criadas por esses espíritos, mas estou fazendo da forma mais cuidadosa possível, sem entrar em nenhuma doutrina religiosa"

No núcleo principal, a comédia está garantida com a presença de Claudia Raia, parceira de Jorge em muitas novelas. Sua Samantha, além de trambiqueira, também terá uma porção de vilania. 

Alto Astral estreia dia 3 de novembro.


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Publicidade

Veja também

Publicidade