O Planeta TV

Deborah Secco, Juliana Paiva e Vitória Strada comentam sobre Salve-se Quem Puder

A nova aventura das sete da Globo será lançada no dia 27 de janeiro.

por Redação, em 03/12/2019

As protagonistas. Foto: João Miguel Junior/Globo

Situações divertidas e inusitadas dão o tom a Salve-se Quem Puder, uma comédia romântica repleta de aventura e suspense. Na próxima novela das sete da Globo, Alexia (Debora Secco), Luna (Juliana Paiva) e Kyra (Vitória Strada) vão ter que mudar radicalmente de vida após presenciarem um crime e terem que entrar para o Programa de Proteção à Testemunha. As protagonistas da história bateram um papo com a imprensa e deram mais detalhes sobre a trama, junto com o autor Daniel Ortiz e com o diretor artístico da obra, Fred Mayrink.

Ortiz não esconde a alegria de voltar ao horário das sete - suas últimas tramas foram Alto Astral e Haja Coração - e promete fazer o público se divertir.

"Salve-se Quem Puder tem o DNA das novelas das 7 dos anos 80. É uma comédia romântica, minha característica, com pitadas de aventura", explica o autor.

E quem também bebe da fonte dos anos 80 é o diretor artístico Fred Mayrink, que com a novela faz uma homenagem ao diretor Jorge Fernando, falecido recentemente, e que foi o rei das comédias da década de 80.

"É uma novela muito alegre, com muito ritmo e tem uma grande virada. É uma novela solar, uma comédia clássica do horário das 7. E, sem dúvida, é uma homenagem ao Jorginho", pontua Fred, cuja primeira novela como diretor foi Chocolate com Pimenta, justamente, ao lado de Jorge Fernando.

Na trama, Alexia, Luna e Kyra presenciam um crime em Cancún, no México, o que mexe radicalmente com suas vidas e, claro, com o visual de cada uma delas, já que as três passam a integrar o Programa de Proteção à Testemunha e precisam ficar diferentes para se mudarem para o Brasil, onde serão protegidas. As atrizes sofrerão uma repaginada e a personagem de Vitória Strada terá a maior mudança.

Para sobreviver, elas mudam o nome, a aparência, o estilo de vida e vão morar na fictícia Judas do Norte, no interior de São Paulo, depois que são dadas como mortas. Alexia vira Josimara, Luna assume o nome de Fiona e Kyra é Cleyde, novas pessoas com um padrão de vida bem diferente.

As três personagens se conhecem em Cancún, onde também acabam encarando um furacão! E o furacão foi vivenciado in loco pelo autor, que resolveu levar a sua experiência para a ficção.

A gravação de parte da passagem do furacão foi realizada em uma área de 450m², na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Uma piscina de ondas artificiais e outros sets com restaurante, posto de gasolina e ruas, foram construídos e modificados pós-furacão. E as atrizes embarcaram na aventura do furacão de mentirinha e adoraram a experiência. Deborah Secco conta que chorou de emoção ao terminar de gravar em uma piscina de ondas artificiais.

O autor e o diretor. Foto: João Miguel Junior/Globo

E Deborah tem se divertido à beça com as loucuras de Alexia. Após interpretar Karola, em Segundo Sol, a atriz retoma o caminho do humor, gênero que tanto gosta. "Eu gosto muito, me divirto mesmo. O texto do Daniel é impecável e o Fred acredita na comédia. Eu estou brincando muito mais do que imaginei. Eu vim de uma novela mais pesada, de uma personagem que me desgastava, e queria muito voltar para o humor. Sou muito grata aos meus personagens de humor", conta ela.

Vitória é outra que se encontrou no humor. Apesar de ser a sua estreia no gênero, ela está bem à vontade. "Vim de dois personagens densos - Tempo de Amar e Espelho da Vida -, que não tinham momentos leves. Eu virei a personagem! Eu precisava desse momento, acredito que os personagens nos escolhem e eu estava precisando muito disso, precisando soltar o freio. Sempre fui muito certinha e eu quero me soltar nesse personagem. Estou me sentindo em uma colônia de férias, estou amando."

O trio de protagonistas está bem azeitado e as atrizes são só elogios às colegas de trabalho. Mais velha do trio e com mais tempo de carreira, Deborah as tem como filhas.

"Eu nunca tinha trabalhado nem com a Ju, nem com a Vitória. Foi um encontro genuíno. Tenho as duas como minhas filhas e me sinto na obrigação de cuidar delas, ajudá-las. Fizeram isso por mim há muitos anos", diz a Deborah.

"Salve-se Quem Puder" estreia dia 27 de janeiro, no horário das sete.



Publicidade

Comentários (2) Postar Comentário

Mario comentou:

Deborah Secco parece muito simples e simpática, tomara
que seja um sucesso. E ela é boa na comédia.

Andre Luiz comentou:

Pra mim essa novela terá 2 capítulos a menos que Totalmente Demais (175) e 1 a menos que Deus Salve o Rei (174). Terá 173 capítulos.

Veja também

Publicidade