O Planeta TV

Band assegura produção do MasterChef Profissionais até 2021

A quarta terceira temporada estreia na terça, dia 21.

por Redação, em 16/08/2018
Publicidade

Foto: Divulgação/Band)

Na próxima terça-feira (21/08), a Band estreia a terceira temporada do MasterChef Profissionais, com o mesmo time (apresentadora e jurados). Ana Paula Padrão como apresentadora; Erick Jacquin, Paula Carosella e Henrique Fogaça no júri.

José Emílio Ambrósio, novo diretor de Conteúdo e de Programação, informou que a parceria entre a Band e a Endemol, dona do formato, está assegurada até 2021.

Segundo informações da assessoria da Band, a terceira temporada do MasterChef Profissionais será a mais disputada de todas. A competição já começa testando cada cozinheiro em embates que vão exigir não só alto nível gastronômico, mas também pleno domínio das emoções para não serem eliminados logo de cara. Eles se enfrentarão para ganhar a dólmã e garantir a vaga no talent da Band.

"É a primeira vez que faremos embates com os profissionais. Vamos separá-los por habilidades: culinária italiana, regional, vegetariana, confeitaria, etc. Com isso o programa ganha um alto nível de competitividade logo no começo", afirma Patricio Díaz, diretor do programa. "Eles são muito preparados. É show atrás de show", afirma Ana Paula Padrão.

Os 14 cozinheiros que passarem pelos embates enfrentarão ao longo da temporada desafios de todos os tipos, mas com uma coisa em comum: eles testarão ao máximo os conhecimentos culinários dos concorrentes. Nessa temporada, por exemplo, ocorrerá a maior prova da história do MasterChef Brasil, com 350 pessoas no jogo das estrelas da NBB.

A chef Paola Carosella diz estar entusiasmada com essa edição: "Tenho prestado muita atenção aos detalhes e falado mais com cada um, eu tomo esse trabalho de julgar profissionais com uma enorme responsabilidade", afirma. Ao longo de dezessete episódios, desafios como a da Caixa Misteriosa, reproduzir o prato de um grande chef ou reinventar um clássico vão exigir repertório, habilidade e muita concentração dos participantes.

Segundo Henrique Fogaça o programa pode ser como uma montanha-russa para o competidor: "Os temas diversos surpreendem porque a gente nunca sabe tudo de cozinha. Então, num dia o concorrente vai bem, no outro se perde", diz. O chef Erick Jacquin acha que essa edição vai surpreender: "Eles estão travando uma luta bonita na cozinha. Tem sido extraordinário", garante.

Foto: Divulgação/Band

Prêmios

O grande vencedor do MasterChef Profissionais vai ganhar o cobiçado troféu do talent show, além de R$ 200 mil com o apoio da Caixa. A Tramontina vai equipar a cozinha do vencedor com uma cuba completa, coifa, cooktop, fornos, panelas de aço inox, 1 kit chef de facas, além dos eletroportáteis Tramontina by Breville. Todos os desafios darão recompensas no cartão Carrefour: quem ganhar as provas individuais acumula R$ 1 mil, e cada prova em externa ou mini prova dá direito a R$ 500 para quem se sair melhor. Além, é claro, do tradicional prêmio para os dois finalistas, de mil reais em compras durante um ano no cartão Carrefour. 

O MasterChef Brasil, formato da Endemol Shine Group, é uma coprodução da Band com o Discovery Home & Health. A partir de 21 de agosto o programa vai ao ar todas as terças-feiras, às 22h30, na tela da Band. No Discovery Home & Health, será exibido às sextas, às 20h30, a partir de 24 de agosto, com reapresentação aos domingos, às 18h50.


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (1) Postar Comentário

Gilberto Oliveira comentou:

Depois do desastroso final do último Master Chef, em que foi escolhida vencedora a concorrente que apresentou um cardápio simplista, e que contava com a antipatia universal do público e dos demais participantes, o Master Chef perdeu a simpatia do público. Os jurados se deixaram comover pelas lágrimas e apelações da concorrente. Paola, desde o início da temporada vinha protegendo a figura vencedora. Ficou uma sensação de "marmelada".
Os índices de audieyirao cair drasticamente.


Publicidade

Veja também

Publicidade