O Planeta TV

Tempo de Amar: Inácio perde a memória, fica cego e é resgatado por Lucinda

Vilã vai atrapalhar reencontro do mocinho com Maria Vitória.

por Redação, em 06/10/2017

Foto: Divulgação/Globo

A vida de Lucinda (Andreia Horta) ganhará novo sentido a partir de hoje (06) em Tempo de Amar. Os destinos da filha de Reinaldo (Cássio Gabus Mendes) e de Inácio (Bruno Cabrerizo) vão se cruzar numa estrada.

No capítulo de ontem (05), Inácio ganhou uma passagem do patrão e, antes de embarcar para Portugal, recebeu a incumbência de pagar um fornecedor. No caminho, ele será assaltado e levará um golpe na cabeça, sendo encontrado desacordado por Lucinda, que estará voltando da consulta com uma vidente e vai acreditar que ele foi colocado em seu caminho para fazê-la esquecer o ex-noivo.

Ao despertar, Inácio estará cego e sem memória, lembrando-se, apenas, que gosta de tocar bandolim. A vilã logo arrumará um instrumento para ele, que vai dedilhar algumas notas e se lembrará da amada: "O som do bandolim me fez lembrar de tanta coisa, Lucinda. Maria Vitória (Vitória Strada)! Minha noiva está em Portugal e se chama Maria Vitória". De acordo com Daniel Castro, do UOL, a jovem 'murchará' na hora, mas, obcecada, arquitetará um plano para impedir o reencontro do casal apaixonado.

Lucinda aproveitará a cegueira de Inácio para fingir que escreveu uma carta ditada por ele e endereçada à Maria Vitória. Um tempo depois, a vilã lerá uma carta falsa: "Senhor Inácio Ramos. Quem escreve é o Senhor José Augusto Correia Guedes (Tony Ramos). Envio esta carta para comunicar-te que minha filha Maria Vitória deu à luz um menino". "Eu sou pai de um menino! O que mais?", indagará o português. "E que ela se casou com um nobre espanhol, que perfilhou a criança. Moram em Madri. Maria Vitória está muito feliz. Por isso, não te atrevas mais a procurar a minha filha. Chega o mal que causaste a ela e ao pequeno!", concluirá Lucinda.

Descontrolado com a reposta, Inácio começará a andar pela sala batendo nos móveis, como se não tivesse controle sobre suas pernas, até cair no chão. Em Portugal, Maria Vitória dará à luz uma menina e terá que entregá-la para adoção, por ordem do pai.



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade