O Planeta TV

TV Globo dispensa o humorista Renato Aragão

O contrato do profissional não foi renovado após 44 anos.

por Redação, em 01/07/2020

Renato Aragão. Foto: TV Globo/Reprodução

A partir desta terça-feira (30), o criador e intérprete de Didi Mocó, o humorista Renato Aragão, não faz mais parte do casting da TV Globo. Ele foi dispensado pela principal emissora do Brasil.

O profissional estreou na Globo em 1977, após três anos trabalhando na TV Tupi. Na emissora, ele esteve à frente de Os Trapalhões e A Turma do Didi. Também ajudou a implantar o Criança Esperança.

Em entrevista ao Mauricio Stycer, do UOL, Aragão contou que está em paz com a decisão da Globo e que agora poderá se dedicar a trabalhos fora da emissora.


Publicidade

Comentários (12) Postar Comentário

Fred comentou:

Esse não vai precisar fazer o Stenio. Já tem dinheiro pra gerações

Fabio comentou:

EM TEMPOS DE CRISE A GLOBO TÁ DISPENSANDO GRANDES SALÁRIOS E GENTE QUE GANHA MILHÕES SEM FAZER NADA DURANTE SEU CONTRATO. GLOBO TÁ CERTA RECEBE QUEM PRODUZ. E OUTRA, RENATO ARAGÃO É A PROVA DE QUE PRECISA MAIS DE SORTE QUE TALENTO. POIS O SUCESSO DOS TRAPALHÕES SEMPRE FOI O MUSSUM E O ZACARIAS. CRÉDITOS A QUEM MEREÇA.


Mario respondeu:

O zacarias para mim sempre foi o melhor e os 3 eram escada pro didi.


Mr Mercedes comentou:

Agora pode dizer que no céu tem pão, pois acaba de sair literalmente do inferno.

Keilah comentou:

Passou anos encostado, sem fazer nada, ganhando um salario altissimo! DEMISSAO POR JUSTA CAUSA: IMPRODUTIVIDADE! Que mania que as pessoas tem de idolatrar artistas, que na verdade nada mais sao do que FUNCIONARIOS de uma empresa (TV GLOBO). As emissoras nao fazem caridade: empregado que nao faz nada: MANDA EMBORA! Dr. Renato vai tarde, o tipo de humor dele ja passou do prazo de validade.


vlad respondeu:

Falou tudo.....o humor dele foi de outra época.....saturou......


Joselinno V. Pontes comentou:

"Agora vai poder se dedicar a trabalhos fora da emissora": desculpa esfarrapada pra evitar dizer que passou anos na geladeira da Globo e nenhuma emissora tem interesse de contratar um humorista ultrapassado como o Didi-Renato-Dr. (Nem sei mais como ele gosta de ser chamado).

FLOR GEIZA comentou:

Coitado do Didi... pensa que ja tem fila pra contratar ele para projetos de humor do tipo "escorregar na casca de banana" ou "levar choque no aperto de mão". KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Ralf comentou:

Concordo que funcionário que não produz deve ser eliminado da folha de pagamento, mas no caso são talentos que ajudaram a emissora a ser o que é hoje. Grandes artistas estão morrendo ou estão sendo "aposentados" e não aparecem outros com talento a altura para substitui-los. Os Trapalhões foram engraçados e acredito que nos dias de hoje não funcionariam, mas ainda sim são referência para o publico que viveu aquela época. Imagina daqui alguns anos a gente buscando referências dos anos 2000, 2010, 2020...não teremos nada de interessante.


Henrique respondeu:

Antigamente se tinha talento. Hoje em dia se tem bunda. Triste.



Mario respondeu:

Entendo o que quer dizer, hoje confundem humor com grito. O chico anysio foi o maior exemplo da injustiça no humor. Mas hoje os programas de humor sao só gritaria.



Ralf respondeu:

Hoje em dia investem em ex BBB como artista, é uma vergonha.Culturalmente estamos em um nível de mediocridade assustador e a tendência acho que é piorar. Hoje não existe humor, é só gritaria, falta sutileza, nuances. Imagina o humor de antigamente sendo exibido hj? A turma do mimimi iria sair de tudo e qualquer buraco pedindo boicote, pois suas almas frágeis e delicadas não suportariam o humor sem o politicamente correto.



vlad respondeu:

Pois é , Mários, acho estranho é que todo programa de humor hoje tem obrigatoriamente que mostrar as pessoas dançando, se mexendo, fazendo algazarras, enfim, tem que ter impacto visual no corpo....é uma linguagem diferente, eu diria....eu sou saudoso do humor inteligente, respeitando as novas gerações, é claro....


Televisivo comentou:

Didi tem pé de meia gordo, já produziu muito e hoje, realmente não tem mais espaço. Não tem porque ter contrato. Que ele vá curtir o dinheiro dele.

Diogo comentou:

Até parece que vai surgir “projetos” pra esse senhor - ou melhor, doutor... Querendo pagar de novinho, mas nós sabemos que não tem projeto nenhum em vista.

Se bem que o humor dele combinaria com as pegadinhas da RedeTV. Quem sabe aí surge um projeto pras “palhaçadas” dele. (#ficaadicaredetv)

JR comentou:

Com todo respeito aos outros comentários, o nome dele é Renato e não Didi. A minha opinião é praticamente a mesma da KEILAH. O próprio Renato, como tantos outros, ficou grato à TV Globo por tantos anos de contratos e muitas mordomias. Também, chegou o momento dele descansar. Ele está com 85 anos. Tem que dá lugar para outros mais novos, com mais gás e outro tipo de humor.

Veja também

Publicidade