O Planeta TV

TV Brasil estreia quinta temporada do seriado Brasil Visto de Cima

Produção documental traz programas inéditos na televisão aberta pela telinha da emissora pública.

por Redação, em 16/01/2021

Foto: Divulgação/TV Brasil

A quinta temporada inédita da série documental Brasil Visto de Cima estreia na programação da TV Brasil nesta segunda (18), às 20h, com uma sequência de 26 episódios exclusivos na televisão aberta, de segunda a sexta, sempre no mesmo horário. O primeiro destino é o centro histórico do Rio de Janeiro.

Com a narração do ator Caio Blat, a produção nacional apresenta impressionantes imagens aéreas de diversas regiões do país com paisagens belíssimas. O seriado reserva aos telespectadores da emissora pública cenas do Rio de Janeiro, da Floresta Amazônica e de Fernando de Noronha.

Essa fase do programa destaca ainda lindos cartões-postais de estados como Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Pará e Rio Grande do Sul. As edições da série Brasil Visto de Cima também podem ser conferidas no aplicativo TV Brasil Play.

Rio antigo é a primeira atração

O episódio de estreia da nova temporada do seriado na TV Brasil sobrevoa a região central do Rio de Janeiro. O passeio é uma aula de história sobre a Cidade Maravilhosa e, ao mesmo tempo, uma lição de arquitetura.

Em meio a paisagens exuberantes, monumentos da fase colonial se misturam a exemplares da Belle Époque e do modernismo brasileiro e internacional. Essa edição da série Brasil Visto de Cima resgata acontecimentos marcantes do país que aconteceram no Rio antigo.

A semana segue com um panorama sobre a Zona Oeste do Rio de Janeiro, na terça (19/1). O programa recorda que desde os anos 1980 essa é a região da capital carioca que mais cresce. Em meio a lagoas, praias e parques, surgem joias da arquitetura contemporânea como a Cidade das Artes e o Parque Olímpico especialmente construído para os Jogos de 2016.

O terceiro programa inédito visita alguns trechos da Zona Sul do Rio de Janeiro, o maior polo turístico do país na quarta (20/1) na TV Brasil. O plano de voo inclui a Lagoa Rodrigo de Freitas, a Gávea, a Urca, a enseada de Botafogo e os palácios centenários do bairro.

Já na quarta edição do seriado o passeio vai até a Região Norte mostrar as ilhas em torno de Belém na quinta (21/1). Banhada pelo Rio Guamá e pela Baía do Guajará, a capital paraense fica próxima a dezenas de ilhas de diferente formas e tamanhos. A série mostra lugares onde a exuberância da amazônica esconde surpresas como as ruínas de um presídio e a segunda igreja mais antiga do Pará. 

O ultimo programa da semana, na sexta (22/1), leva o público até a Zona do Salgado, no nordeste do Pará. Em meio a matas, mangues, igarapés e encontros de rios com o mar, despontam cidades como Vigia, tida como a mais antiga da Amazônia.

Sobre a atração

A faixa nobre da programação da TV Brasil exibe grandes produções nacionais e do exterior. A emissora pública reúne obras de cunho ambiental e atrações documentais como a série Brasil Visto de Cima. O ator Caio Blat relata as aventuras exibidas na telinha.

No ar de segunda a sexta, às 15h, às 20h e à meia-noite, e aos domingos, às 18h e à 0h30, esse conteúdo nacional mostra as belezas naturais em janela diária no canal público que adquiriu os 135 episódios das cinco temporadas do programa inéditas em sinal aberto, com cerca de 26 minutos cada.

Além dos horários alternativos na programação da emissora pública, os documentários do seriado também podem ser assistidos pelos interessados no aplicativo TV Brasil Play, disponível nas versões Android e iOS, e no site http://play.ebc.com.br.

Com uma nova forma de mostrar o país, através de imagens feitas em helicópteros e drones, a produção oferece ângulos, visões e reflexões sobre encantos, belezas, curiosidades e contradições de uma nação imensa e cheia de surpresas.

A obra audiovisual visita os lugares mais famosos, considerados cartões-postais, mas também revela as maravilhas de pontos espetaculares e ainda desconhecidos pela maioria dos brasileiros, de norte a sul do país.

Serviço

Brasil Visto de Cima – segunda-feira, dia 18/1, às 20h, na TV Brasil

Brasil Visto de Cima – segunda, dia 18/1, para terça-feira, dia 19/1, à meia-noite, na TV Brasil

Brasil Visto de Cima – aplicativo TV Brasil Play, disponível para Android, iOS e no site http://play.ebc.com.br

Série documental Vida Selvagem estreia na TV Brasil nesta segunda (18/1)

Episódios apresentam histórias de esperança, luta e sobrevivência da fauna em seu habitat natural

TV Brasil esteia a produção documental Vida Selvagem com imagens incríveis sobre o desafio da sobrevivência de diversas espécies da fauna nesta segunda (18), às 20h30. No continente africano, o seriado mostra como os animais superam adversidades em seu habitat natural. Com quatro edições semanais de 60 minutos, a obra traz sequências de cenas que revelam esperança, luta e conservação.

A série internacional acompanha a jornada enfrentada pelos seres vivos para preservar a vida e perpetuar as novas gerações das espécies. O programa destaca como o homem pode fazer diferença ao proteger aqueles animais que estão sob ameaça, desde apenas um único ser de grande importância até espécies inteiras à beira da extinção.

Primeiro episódio visita reserva natural

Antílopes, zebras, aves e baleias representam algumas das espécies africanas severamente ameaçadas de extinção que encontram proteção em um modesto refúgio: a Reserva Natural de De Hoop, na África do Sul, considerada Patrimônio Mundial da Unesco Áreas Protegidas. Esse é o tema do programa "Lar de Esperança", edição de estreia da série Vida Selvagem, na telinha da TV Brasil.

Esse episódio vai até a região com 36 mil hectares que serve de abrigo para espécies que sofrem com a ameaça de extinção. O programa traz registros com a rara e corajosa zebra-da-montanha, o belo antílope, a ave ostraceiro negro africano e a poderosa baleia-franca-austral.

Caçados à beira do extermínio, esses animais singulares estão conseguindo uma recuperação notável. O seriado acompanha o desenvolvimento dessas espécies à medida que as estações do ano impulsionam os ciclos de vida na reserva.

A produção revela a chegada das baleias no final do inverno, destaca a temporada de reprodução na primavera para os ostraceiros e mostra as incríveis demonstrações de poder dos antílopes machos no cio do verão.

Enquanto as criaturas africanas vivem suas vidas, a equipe incansável do parque ecológico embarca em sua própria busca para capturar uma zebra-da-montanha para espalhar a espécie ainda mais em sua antiga área natural.

Ficha Técnica

Título Original: Wild and Alive

Produção: Homebrew Film

Ano: 2018

Episódios: 4

Duração: 50 minutos

Gênero: documentário

Classificação indicativa: Livre

Serviço

Vida Selvagem – segunda-feira, dia 18/1, às 20h30, na TV Brasil

Vida Selvagem – segunda, dia 18/1, para terça-feira, dia 19/1, à 0h30, na TV Brasil


Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!
Publicidade

Veja também

Publicidade