O Planeta TV

Gabriel Stauffer é uma das novidades de O Sétimo Guardião

Ele surgirá na trama na pele de Walid, o patrocinador que quer investir em Diana.

por Redação, em 03/01/2019

Foto: Estevam Avellar/TV Globo/Divulgação

Gabriel Stauffer, que se destacou em A Força do Querer, será uma das novidades de O Sétimo Guardião nos próximos dias. Ele surgirá na trama na pele de Walid, o patrocinador que quer investir em Diana (Laryssa Ayres). Ao lado de Atalla (Gustavo Novaes), ele vai até Serro Azul falar com Nicolau (Marcelo Serrado) e Rivalda (Giulia Gayoso) se derrete toda. "Nossa! Que perfeição!", diz ela.

Walid dá alguns passos em direção ao quiosque e todos percebem que ele manca. "Perfeito ele não é... Hei, agora que me dei conta. Que assanhamento é esse, Rivalda", questionará Nicolau.

O chapeiro pergunta pelo pai de Walid: "Não é ele que quer patrocinar minha filha?". "Não. Sou eu mesmo. Podemos conversar?", diz o empresário.

Walid, então, explica seu passado para Nicolau. "Hoje eu sou sensei, instrutor e mestre de outros lutadores. Mas já fui atleta profissional. Venci vários torneios de karatê mundo afora... Sofri um acidente que abreviou a minha carreira. Em uma disputa valendo medalha de ouro, o oponente me projetou em um golpe e ao cair no tatame, tive fratura exposta... Passei por várias cirurgias, mas infelizmente não consegui mais competir", explicará ele.

Walid fala que tem família rica e que quer investir em Diana: "Eu vi a Diana lutando karatê no tatame, lá em Greenville... E posso lhe dizer que ela nasceu pra isso". Ao falar em muito dinheiro, o rapaz deixará Nicolau interessado.

Com informações do jornal Extra.



Publicidade

Comentários (4) Postar Comentário

ALTAMIRO RÔLERRETÉ comentou:

Ao invés de colocar mais personagens no núcleo do chapeiro, deveriam excluir este núcleo, que só atrapalha a história. Nunca vi história mais desinteressante.

BRUNO comentou:

Silvio de Abreu errou feio. Não tem como salvar essa bobagem.

Vagner comentou:

Núcleo insuportável

Patrick Harris comentou:

O ator deve estar deprimido por estar entrando nessa historinha tosca e sem sentido. Encenar bobagens é um desestímulo para qualquer profissional. Pobre Gabriel. Só mesmo a velha Agnalda para colocar mais personagens numa trama que é uma completa perda de tempo. Esse núcleo do chapeiro é simplesmente ridículo e sustentar 6 meses uma palhaçada de uma menina que quer lutar e o pai não deixa é o cúmulo da falta de criatividade e um insulto aos atores que estão tendo que passar por esse papelão.

Veja também

Publicidade