O Planeta TV

Em dia bastante competitivo, Fantástico perde telespectadores em 2019

A revista eletrônica é apresentada por Tadeu Schmidt e Poliana Abritta.

por Redação, em 15/01/2020

Apresentadores do Fantástico. Foto: Divulgação/Globo

Com apuração do jornalista Vinícius Andrade e Daniel Castro, do UOL, o “Fantástico” vem perdendo audiência a cerca de três anos. Após um declínio entre 2012 e 2015, a revista eletrônica - apresentada por Poliana Abritta e Tadeu Schmidt - se reergueu e voltou a marcar índices acima de 20 pontos. Uma pontuação considerada razoável, uma vez que domingo é um dia de folga do brasileiro e também bastante competitivo (com várias opções para o telespectador).

Porém, em 2019, o “Fantástico” voltou a perder público e fechou o ano abaixo dos 20 pontos. Na Grande São Paulo, a média anual foi de 19,3 pontos e 29,7%.

No ano passado, notou-se também um crescimento do "Programa Silvio Santos", do SBT, e uma oscilação do “Domingo Espetacular”, da Record TV. O “Encrenca”, da RedeTV!, também fechou o ano em alta, com média de 6 pontos. Um índice altíssimo para os padrões da emissora que raramente ultrapassa a casa de um ponto ou dois pontos.  



Publicidade

Comentários (2) Postar Comentário

Ono comentou:

Também, pudera. Só matérias desinteressantes uma atrás da outra. De todo o conteúdo, menos de 20% se salva. O Fantástico é um bom programa, mas precisa ter uma pauta de matérias mais bem elaborada, com notícias investigativas e abordagens diferenciadas dos acontecimentos da semana. Toda vez que o Fantástico resolve relaxar e exibir bobagens, a audiência despenca. Aí eles se dão conta e reagem, mas depois caem de novo.

Ralf comentou:

Tem tanto assunto interessante que poderiam render ótimas reportagens e entreter, fora as reportagens investigativas, mas ao invés disso só vemos futilidades, lacrações, reportagens tendenciosas, merece cair ainda mais.

Veja também

Publicidade