O Planeta TV

A Lei do Amor: Autora comenta separação de Pedro e Helô

 "Existe um agravante sério: a própria Letícia", disse Maria Adelaide Amaral.

por Sergio Gustavo, em 30/11/2016

Pedro (Reynaldo Gianecchini) e Helô (Claudia Abreu). Foto: Globo

Depois de retomarem o romance de 20 anos atrás, Pedro (Reynaldo Gianecchini) e Helô (Claudia Abreu) se separaram com a revelação da verdadeira paternidade de Letícia (Isabela Santoni). Maria Adelaide Amaral, que escreve A Lei do Amor com Vincent Villari, revelou que será a filha do casal o maior obstáculo: "Existe um agravante sério: a própria Letícia. Descobrir-se pai de alguém que te odeia deve ser uma experiência terrível. A dor causada pela simples existência da Letícia e suas atitudes em relação ao pai é o maior obstáculo para tornar o amor de Pedro e Helô viável novamente" 

Em entrevista ao Gshow, a autora também revelou que a separação ainda deve durar um bom tempo. "Tanto Pedro como Helô são personagens corretíssimos, e que se amam profundamente. Logicamente, a descoberta da paternidade não fará com que este amor se acabe. Porém, a confiança entre os dois foi abalada em seu nível mais profundo. Pedro nunca imaginou que Helô teria coragem de fazer o que fez. Para ela, a situação é diferente: durante anos ela pensou que havia sido traída. Este é um fator-chave para que Pedro entenda a atitude dela. Racionalmente, isto já não é fácil de se fazer, instintivamente, pior ainda!", avaliou Maria Adelaide.

 



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade