O Planeta TV

Record adia exibição de Escrava Mãe para abril

Novela, inteiramente gravada, sucederia a Os Dez Mandamentos.

por Redação, em 14/01/2016
Publicidade

Foto: Divulgação/Record

Planejada para ser a substituta de Os Dez Mandamentos, o elenco de Escrava Mãe já recebeu informação que a obra pode entrar no ar. Escrita por Gustavo Reiz, a trama deve ser exibida no mês de abril, no segundo horário de novelas que a Record pretende lançar.

Ainda assim, a insegurança é o sentimento dominante nos bastidores. É que, pelo histórico da emissora, tudo pode mudar. A informação é da jornalista Patrícia Kogut (O Globo).

Escrava Mãe sucederia a Os Dez Mandamentos, mas direção artística da Record, a pedido do Bispo Edir Macedo, decidiu pelas reprises de minisséries bíblicas. 


Deixe o seu comentário


Publicidade


Comentários (8) Postar Comentário

Gilson comentou:

Uma pena porque, a julgar pelas chamadas que a Record colocou no ar, e até pelo mote histórico e pela novela que a originou, "Escrava Mãe" tinha tudo (e tem) para segurar as pontas no horário. Esse afã em querer manter apenas as tramas bíblicas, nesse caso, não ajudou em nada. Tomara que não se postergue tanto a estreia da novela.

Marcelo comentou:

E ainda têm quem afirme que a Globo têm medo da Record. A Record está mais perdida que cego em tiroteio.


Gilson respondeu:

Marcelo, medo de fato pode até não ter, mas vamos combinar que andou tendo. A enrolação do JN e o atraso do início da novela das nove na época dos tempos áureos de ODM nos fazem suspeitar disso. E agora, com a correria para que a próxima das nove estreie antes da segunda fase de ODM pode também ser um retorno desse medo. Ta bom, vamos trocar a palavra "medo" por "vantagem competitiva".



Marcelo respondeu:

Gilson, concordo com você. A Globo sentiu a cutucada da Record durante Os Dez Mandamentos, principalmente durante a fase Pragas do Egito e Mar Vermelho, tanto que ela encheu o JN de reportagens água com açúcar, para evitar ao máximo o confronto de A Regra do Jogo com a trama bíblica. O fato é que, em se tratando de incomodar a Globo, a Record se comporta, como dizem nos sites por aí, como um golfinho. Ela sempre tropeça na questão do planejamento da programação a longo prazo. Se ela tivesse substituído ODM por Escrava Mãe, provavelmente manteria ao menos uns 16 pontos no horário. Mas ela preferiu reprisar as minisséries bíblicas e se contentar com 11, 12 pontos, enquanto corre para gravar mais novelas bíblicas, crédula de que esse "filão" vai garantir eternamente médias superiores a 20 pontos e a liderança isolada no horário de exibição. O ponto a que eu quero chegar é que a Globo têm uma grade de programação estruturada e planejada com muita antecedência, enquanto a Record continua insistindo no erro de se apoiar no sucesso de um produto só e sempre querer espremer esse sucesso até a última gota. Desse jeito, ela vai continuar incomodando a Globo de vez em quando, mas nunca tirando totalmente a liderança da mesma, como tanto quer.


Edu comentou:

Uma decisão amadora, ridícula, sem planejamento algum, se Escrava Mãe substituísse Os Dez Mandamentos com toda certeza do mundo estaria dando mais audiência que essas reprises, poderia depois de Escrava deixar o horário somente pra novelas bíblicas, mas poderiam exibir a trama sem problema nenhum.... coisa de emissora de quinta, jamais a Globo faria uma estupidez dessa...por isso a Record jamais na história chegará ao nível da Globo.

Beth Morena comentou:

Ansiosa pela estreia de escrava mãe. Tinham q ter colocado no ar assim q acabou os dez mandamentos. Vai falar sobre a escravidão. Fato. louca para assistir!

carlos comentou:

Nem perco meu tempo com a RECÓPIA... pior emissora desse país!

Guto comentou:

A record é uma bagunça mesmo... manda qm for Edir Macedo e obedece quem tem juízo, ou precise dele... e tem que ser assim: ou dá ou desce... rsrsrs

kleber comentou:

adoro novelas de época, e com certeza sera ótima. bagagem histórica.... torcendo para começar logo...

marilaine comentou:

Não vou perder um capitulo, na expectativa pra que comece logo


Publicidade

Veja também

Publicidade