O Planeta TV

"Gênesis" perde audiência no Painel Nacional de Televisão

A trama bíblica é vice-líder isolada na faixa das 21h.

por Redação, em 26/02/2021

Rei Ibbi-Sim (Felipe Roque). Foto: Reprodução/Record TV

Em algumas capitais, "Gênesis" começou em alta, com liderança. Um mês depois, a trama bíblica da Record TV perdeu o pódio, mas assegura a vice-liderança isolada  na faixa das 21h.

No Painel Nacional de Televisão (PNT), entre os dias 19 a 31 de janeiro, "Gênesis" sobre o livro inicial da Bíblia Sagrada registrou 15,5 pontos de média no ibope nacional e abriu uma vantagem de 10,0 pontos na briga pela segunda colocação contra a emissora de Silvio Santos, que ficou com 5,5,. Líder, a Globo anotou 24,4 de média.

Na semana seguinte, "Gênesis" fechou com 12,5 de ibope, o que significa que o folhetim perdeu um em cada cinco telespectadores. Já a Globo cresceu 11% e marcou 26,7 nesse espaço de tempo; em terceiro, o SBT teve média de 5,7 pontos e aumentou em 4% a sua audiência.

Em fevereiro, em Gôiania, "Gênesis" voltou a ficar atrás do "Jornal Nacional", com uma média de:16,8 x 20,5.

Segundo observações do jornalista Daniel Castro, do UOL, apesar da queda considerável ao redor do Brasil, Gênesis, ainda a única novela brasileira inédita no ar atualmente, cumpre a missão de manter a Record como vice-líder isolada no Ibope.


Publicidade

Comentários (2) Postar Comentário

IMPARCIAL comentou:

Não esteva torcendo contra a produção da Record TV, mas havia postado que perderia consideravelmente audiência com o passar dos tempos...
Só não está pior ainda, porque o SBT insistes na reprise de Chuiquititas;
Acredito que se colocasse uma boa novela na faixa das 20:30h e outra na por volta das 21:20h ou 21:30h iria dar trabalho as outras emissoras! Nesse seguimento o SBT perdeu a "receitinha" e o jeito de planejar toda a grade!

Evaldo comentou:

Esse lixo de novela bíblica ate começou bem mas as demais histórias sao ridículas, infantis, de autores totalmente sem experiência e o afundamento mesmo foi na era Terá, ruim demais, com a esposa chatíssima e péssima atriz que mostra a mesma cara de múmia em todas as as cenas, historia ingênua e sem cérebro nos demais personagens, onde odiamos a Globo mas sao anos luz a frente em dramatização, sem fôlego ao telespectador e sem muita infantilidade, apesar de péssimo canal e manipulador. A Record com essa infantilidade e invenção de personagens inexistente e historias inaceitável, vai acabar afundando seu file mignon, do Abrao, como o ridículo Terá que começa como mocinho e termina como bandido polígamo. De onde tiraram isso, ou a ingenuidade inexistente, desde Adao, de um Rei sequer vigiar 24hs seu filho ou guardas junto, e Abrao criança totalmente descerebrado (e de repente vira um gênio líder da humanidade, pode?). Dizem que aí teve a mao da dona....sabem bem quem... essa novela já era, já foi, sobra seu enterro, onde antes se esperava muito dela. Boa só de efeitos e mais nada.

Publicidade

Veja também

Publicidade