O Planeta TV

"TEMPOS MODERNOS": MAIS UMA QUE NÃO DEU CERTO!

Por: Jeferson Cardoso

"TEMPOS MODERNOS": MAIS UMA QUE NÃO DEU CERTO!

Ufa! Finalmente "Tempos Modernos" chega ao fim. Depois de 161 capítulos, a trama de Bosco Brasil sai de cena com sensação de que nada deu certo. Que coisa!

Como já disse, acredito no talento de Bosco Brasil (torço para que tenha mais uma chance), mas a sinopse de Tempos Modernos jamais deveria ter sido aprovada. Ele tentou inovar e esqueceu de criar núcleos interessantes e deixou de lado o ingrediente principal, a comédia.

Outros fatores favoreceram o fracasso, tais como, escalar Grazzi Massafera e Marcos Caruso para encabeçar a dupla de vilões. Não tenho nada contra a Grazzi, mas não consigo entender porque a direção da Globo e até mesmo os autores, insistem que ela já tem a capacidade para encabeçar grandes personagens. Muita calma nesta hora! Ela é esforçada, mas para ser protagonista ou vilã, precisa melhorar e muito. Um personagem coadjuvante é o ideal para a atriz, diga-se de passagem. Quanto a Caruso, meus quereedos, preciso escrever alguma coisa? Não convenceu!

Não houve química entre os protagonistas, meu Deus!!! O que um autor faz quando não funciona o casal principal? Tenta explorar os antagonistas, que neste caso foram interpretados por Priscila Fantin e Danton Mello. Fantin, diferente de outros trabalhos, não entrou no universo da personagem e sua interpretação ficou aquém do esperado. Já Danton foi bem, mas seu personagem entrou em um momento turbulento, quando o autor realizava ajustes, e ficou desapontado, com um enredo confuso.

E Antonio Fagundes, Jesus!!! O ator parece não ter conseguido se livrar dos trejeitos e do modo de falar de Pedro, seu caminhoneiro de Carga Pesada, ou até mesmo de Juvenal Antena. Será que Fagundes vai levar esse sotaque para Insensato Coração? Oremos.

O único núcleo cômico, se é que pode ser chamado assim, foi representado por Goretti e Bodanski, o casal interpretado por Regiane Alves e Otávio Muller. Se inutilizou em cenas de comédia quase pastelão. Parecia o Zorra Total!

No mais, a direção geral de José Luiz Villamarin deixou a trama ainda mais arrastada e chata. A promessa de ação e aventura dos primeiros capítulos se perdeu e alguns personagens, principalmente da galeria, apresentavam tons teatrais. Quem sabe, talvez, o diretor não se perdeu com a narrativa pra lá de confusa.

Detalhe: A direção geral de "Três Irmãs" foi de José Luiz Villamarin. Aí tem!

Infelizmente, "Tempos Modernos" não tinha uma história atraente para contar, o que resultou em um dos maiores fracassos do horário das 19h. Termina com uma média de 24 pontos, o mesmo que Três Irmãs, de Antonio Calmon.

O que eu espero, meus quereedos, é que todo esse fracasso de Tempos Modernos não prejudique sua substituta. Sou contra remakes, mas não posso perder a adaptação de Maria Adelaide Amaral em homenagem a Cassiano Gabus Mendes. A verdade é que, uma semana antes de sua estreia, a nova novela das sete já causa um Ti-Ti-Ti daqueles. Óh céus!




Comentários (44) Postar Comentário

Phelipe Vieira comentou:

Discordo de tudo, a novela foi excelente, e só não entendia quem não via.

Grazi se firmou como atriz agora, assim como fez em Negócio da China. Deodora foi IMPECÁVEL, principalmente nessa fase final, como "boa moça".

Niemann foi O papel do Caruso. Uma vez li uma entrevista com ele dizendo que nunca havia feito um personagem MUITO importante numa novela e que sempre queria... FATO que Niemann foi um presente pra ele em Tempos Modernos, já que a história GIRA em torno dele e do Leal. E ele se entregou como ninguém ao personagem, NENHUM ator no ar na TV atualmente chega AOS PÉS da atuação do Marcos Caruso.

E dizer que não há química entre Thiago Rodrigues e Fernanda Vasconcellos (em qualquer dos 3 pares românticos dos dois) é como dizer que não há quimica entre o Queijo e a Goiabada, ou seja, uma HERESIA.

A direção do Villamarin não foi nem um pouco ruim, quem diz isso com certeza não conhece nada de direção. Claro que não se compara à direção do Papinha, na novela das seis, mas foi muito boa. JLV, apesar de ter cometido deslizes com o passar do tempo, conseguiu comandar magistralmente em cenas externas. MUITO melhor que a direção escraxada e forçada de Jorge Fernandom, seu predecessor e sucessor.

O texto do Bosco não é pra qualquer um, e aliás, não é pro horário das sete. A primeira fase Tempos Modernos foi a melhor coisa que já vi na vida nesse horário das sete, e uma pena que a Globo tenha e impedido-a de continuar, fazendo mudanças terríveis, o que acabou caindo um pouco o nível da novela. Bosco não soube se adaptar bem no inicio das mudanças, e fez uma fase extremamente dramática. Mas na reta final, finalmente descobriu o que chama público e com certeza entendeu que nunca deveria ter feito sua estreia com uma sinopse que seria tão incompreendida.

Mas PRA MIM, mesmo com as mudanças e escorregadas, acho o Bosco Brasil um dos melhores autores em atividade atualmente. Vida longa.

Tempos Modernos terminou como uma novela excelente, ao meu ver, mas não uma novela-comédia, como as que costumam fazer sucesso no horário (apesar de eu gostar bastante do humor da novela, e não achar nenhum pouco Zorra Total como o post aqui presente fala). Foi uma novela mais densa que o costumeiro pro horário, a exemplo da excelente Desejos de Mulher, em 2002 e da terrível Começar de Novo, em 2004. Mas por que o horário das sete TEM que ter humor? Fica a dúvida.

Desculpe-me, Jeferson, mas esse seu post foi totalmente infeliz. Tempos Modernos deixará saudades, e só espero que Zeca possa terminar com Nelinha, e Hélia com Leal, em seu derradeiro momento.

Resposta Jeferson: Está certo, vamos enxugar as lágrimas. Rsrsrsrs. Abs.

SeH comentou:

Não acompanhei Tempos Modernos, detestei desde o primeiro capítulo e parei de ver ainda na primeira semana. De vez em quando assistia, e nada me convenceu. Acho que todo mundo que gosta de novelas, sabia que não daria certo. Depois do sucesso de caras e Bocas, não entendi essa novela como susbtituta. Mas vamos ver o que Bosco guarda para o futuro. Quem sabe uma novela de época às seis horas? é um homem culto, premiado no teatro.. enfim, ainda pode fazer um obra-prima. E vamos combinar, estamos carentes de obras-primas... Acho que a última novela que realmente gostei, em todos os horários, foi A Favorita. Pra mim, figura, facilmente, entre as grandes novelas, como Vale Tudo, Roque Santeiro e Senhora do Destino. Novelão, com cheiro de novela, gosto de novela... É disso que precisamos!

Resposta Jeferson: Bosco é ótimo e terá uma nova oportunidade. Será interessante juntá-lo a Alcides Nogueira. Abs.

Adalberto Thiago comentou:

Vai tarde Tempos Modernos! Na primeira grande oportunidade que a Globo deu ao Bosco Brasil ele faz essa burrada que foi " Tempos Modernos" mas creio que mais pra frente ele volte pra ter outra oportunidade na Globo. A Elizabeth Jhin foi muito criticada por " Eterna Magia" e na sua volta ao horário das 18 horas com " Escrito nas Estrelas" simplismente está triunfal.

Bosco tentou inovar mas esqueçeu que o grande segredo pra uma novela das 19 horas emplacar é o humorm pode ser a novela mais boba possível mas se tiver núcleos interessantes, personagens populares e um belo humor no recheio da trama o sucesso é certo. Agora não vale culpar o fracasso da novela por alguns atores como Grazi Massafera e Marcos Caruso a novela foi um fracasso é porque era ruim mesmo e se teve artistas que se mostraram motivados pela novela foram estes. Grazi é escalada para papel de destaques porque a Globo confia no carisma dessa e Marcos Caruso foi uma das poucas boas atuações nesta novela para mim.

Espero que a Grazi cresça muito em sua carreira e em breve faça uma nova protagonista e cale a boca de metade de invejosos e invejosas que não aceitam o fato de uma ex- BBB ter tanto sucesso no mundo teledramaturgico.

Mas sabe quem é o real culpado pelo fracasso de Tempos Modernos?
A Globo que não deveria nem ter aceitado essa sinopse e jogado no lixo. " Caras e Bocas" entregou tão bem pro Bosco Brasil e vai entregar na lama para " TITITI".

VIVAAAAAAAAAAAAAAAA! ACABOU TEMPOS MODERNOS" E QUE VENHA TI TI TI!

Resposta Jeferson: Ainda bem que não faço parte desse grupo que critica Grazzi por ser ex-BBB. Nem lembrava deste detalhe! Para se manter como protagonista, Grazzi vai ter que estudar um pouco mais. É esforçada e vai conseguir! Abs.

José comentou:

Pois bem, Tempo Modernos acaba com um impressão estranha, nem ruim, nem boa. NO inicio, a história foi de muitas cenas de comédia (não sei se da melhor impressão) depois entrou numa fase dramática e no final voltou ao folhetim. Dizer que Marcos Caruso não foi bem como vilão é insensato. Talvez porque nos acostumamos a ve-lo somente como bonzinho, como em Mulheres Apaixonadas, Paginas da Vida, Desejo Proibido. etc.

Talvez o texto de Bosco Brasil é mio denso para o Horário, e até o grande Antonio Fagundes (nunca fui seu fã como o de Tony Ramos) não se ajeitou, ficou caricato. Mas podemos ter vários destaques: Alessandra Maestrini conseguiu se librar da Bozena e fez muito bem, assim como Debora Duarte.
Em relação aos protagonistas, acho que o que foi gerado foi a cansativa repetição de seus pares. Não existem mais Tony Ramos e Elizabeth Savalla para repetir par em mais de uma novela para o publico gostar.

Sendo assim, Tempos Modernos vai embora com um impressão que poderia ter sido melhor, entretanto, não foi a pior de todas.

Em relação a Ti-ti-ti, espro grande sucesso, uma vez que a ideia central é perfeita do inesquecivel Cassiano Gabus Mendes (quem o viu, realmente não se contenta com as historias de hoje) e com o brihantismo de sua pupila Maria Adelaide Amaral. Vamos ver se Murilo Benicio e Alexandre Borges vão consegui fazer o mesmo que os inesqueciveis Luiz Gustavo e Reginaldo Faria.

Fábio Dias comentou:

Assim como o primeiro comentário Phelipe Vieira - 14/07/10 - São Paulo
Discordo de tudo, a novela foi excelente, e só não entendia quem não via. PORÉM EM PARTES! NÉ, NÃO VAMOS EXAGERAR!

Acho que deveria comentar de algo que realmente viu do inicio ao fim, pois você fez um julgamento da novela por inteiro. Não vou defender a novela pois realmente foi tulmutuada; porém teve seus bons momentos; e terminou com uma audiência melhor do que o final de Três Irmãs que começou com 33 e no final conseguia de 20 a 22 23, essa pelo menos se manteve no final com 27 28 30, ou seja o autor conseguiu se aproximar um pouco do público, mas concordo em alguns pontos:

Não funcionou muito bem:
Antônio Fagundes demorou para dar tom certo ao personagem. Mas até que conseguiu se encontrar, foi muito feliz nos momentos em que descobriu que Zeca era seu filho.
O casal pastelão Goretti realmente é um Zorra Total! Bosco Brasil é um autor dramático não serve para comédia, os texto dramáticos são impecáveis, tais como conflito de Zeca, Nelinha e Leal.
E ainda acrescento:
Abertura e música péssimas.
História inconsistente.
Não concordo:
Não se pode crucificar Grazi por esse personagem que o que foi mais alterado, pois ela arrasou em suas outras três novelas: Páginas da Vida, Desejo Proibido e Negócio da China.
Marcos Caruso é um excelente ator salvou o buraco de vilão que faltava para a novela, ainda bem que tiraram Guilherme Webe, esse sim estava péssimo.

Não se pode cobrar muito de atores quando toda a trama foi reescrita diferente do projeto inicial.

Salve, que venha Ti ti ti, que tem tudo para ARRASAR!

:tonto2:

Alan Viana comentou:

Achei que não ia haver post pela última semana de TEMPOS MODERNOS, até me surpreendi!!! Vamos lá...

Eu não vou ser hipócrita em dizer que nesse momento eu não queria dar um tchau bem grande pra TEMPOS MODERNOS, qndo na verdade, a minha vontade é de vê-la pelas costas, rsrsrs, sim, pessoal, eu quero ver TEMPOS MODERNOS bem longe, guardada, esquecida! TEMPOS MODERNOS, a novela. Mas, de toda aquela salada picada por BOSCO BRASIL, eu sei aproveitar alguns legumes bons, saborosos, da mesma forma que sei vomitar, alfaces podres, coisas estragadas... rsrs

Os legumes bons de TM - As interpretações de Grazzi Massafera (que se firma como ATRIZ), ela segurou bem sua personagem, é esforçada, carismática, e foi muito bem! Marcos Caruso sempre ótimo, Paula Polaine (acho q é esse o nome da atriz), que interpreta Maureen foi a grande revelação de TM, Regiane Alves tinha uma personagem difícil com um pé na comédia e outro no drama, a atriz se saiu bem, Mallu Galli é sempre um coringa, sua Iolanda era encantadora, Eliane Giardini esteve bem com sua Hélia, Thiago Rodrigues (longe de Fernanda Vasconcellos!!!), se saia muito bem, o estreante João Baldasserini tbm foi uma boa revelação!

As alfaces podres de TM - A limitação de FERNANDA VASCONCELLOS, essa moça sim, que deveria fazer coadjuvantes!! E tenho dito! Antonio Fagundes faltou à sessão de descarrego dos seus antigos personagens, e eles estavam todos lá com ele em TM, foi fraco o seu desempenho. O núcleo da galeria destoava de toda a ação, e como Jef disse, era teatral, os atores são talentosos, mas não deu liga na novela, Leonardo Medeiros encontrou o tom no decorrer da trama, e Alessandra Maestrinni, baixou seu rendimento, engraçado né? Um foi na contramão do outro! Rs. A trama em si era fraca, não tinha apelo popular e seu humor rebuscado não agradou o telespectador das 19h acostumado à trama popularesca que a antecedeu, a saudosa CARAS E BOCAS!!! A ideia inicial de trazer uma trama inovadora e cheia de aventura se perdeu na não aceitação do público e a novela trilhou pelo drama e se arrastou de forma chaaata por vários meses, causando a sua rejeição, fato que se observa até na sua última semana, onde não há qualquer vontade de acompanhar as ultimas emoções!!!

Vencedores do troféu "HEIN?" de TEMPOS MODERNOS - Os atores que interpretaram os filhos de Ramón e Ditta, são uma completa charada pra mim! Não consigo estabelecer um comentário positivo ou negativo sobre a presença desses 2 na novela, as vezes tinham aproveitamento bom e as vezes não, deixando uma dúvida no ar! Eles são bons? MISTÉÉÉÉÉRIO!

Nossa, TEMPOS MODERNOS foi um erro tremendo! Ou melhor foi uma vontade tremenda de acertar! Um risco que a :globo1: tinha de correr depois de um sucesso esplendoroso como CARAS E BOCAS! Sim, gentxi! Qualquer trama que sucedesse o sucesso de Walcyr Carrasco seria um tiro no escuro!

Mas, acredito na competência de BOSCO BRASIL e de toda a equipe da novela, outras oportunidades virão! E o sucesso é algo alcançável, vide Elizabeth Jihn!!! :confuso21:

Parabéns, à equipe pelos pontos positivos, e melhoras aos pontos negativos para próximas empreitadas!!!

Nota Final de TM - 6,7

Boas Vindas a TI TI TI! Muita ***** pra vcs!

Bjo me liga! :lingua21:


Resposta Jeferson: Alan, meu quereeeedo, que exagero! Que salada é esta? Hahahahahahahahaha!Caruso foi bem, mas seu "jeito santo" não me convenceu. Veja bem, só disse que o ator não convenceu e algumas pessoas - que não sabem interpretar as palavras - acham que eu o considero um péssimo ator. Coitados! Quanto a Grazzi só escapou porque deixou o posto de vilã e passou a ser coadjuvante. Rsrsrsrsrsrs. Abs.

Julio Mendes comentou:

Eh mesmo Jeferson vc só deve ter assitido TM no inicio de Janeiro e começo de Fevereiro qdo estava ruim d+ ... mas depois que Regaene ficou desaparecida a novela melhorou e mto;;

Marcos Caruso foi um otimo vilão e Malu Galli que vc esqueceu de falar.....

Resposta Jeferson: Que coisa, não!?!?!?! Merecem troféus! Sim, graças a Deus só vi até o capítulo 30. Depois, obviamente, vi trechos e cenas dos atores citados neste tópico. Não retiro uma palavra do que disse. Carimbo quantas vezes for preciso. Rsrsrsrs.

Matheus Oliveira comentou:

Bom, realmente Jefferson você só viu Tempos Modernos no começoporque conforme foi passando melhorou muto

- Malu Galli, rendeu tanto que a atriz que era pra ser uma mera governanta das 4 Marias, agora disputa o coração de Leal.

- Paula Possani, que era pra ser apenas uma "professorinha de dança", virou uma das vilãs, prova de seu talento.

- Grazi não convenceu, ainda, como vilã,mas como coadjuvante a atriz se saiu bem, e eu estou na torcida por Deodora e Portinho, mas acho que isso será impossível com a volta de Pasmanter com sua Regeane a novela

- Bosco errou em tirar Frank, se cogitou da novela se chamar Bom Dia, Frankenstein, e o Frank saiu no meio da novela, erro total

- No geral dou 7 pra novela, mas a novela não foi a pior de todas, mas também não foi a melhor, acredito que Bosco se saia melhor no ho´rario das 18h, onde o tema é o romance não o humor, ou até que sabe no horário das 21h, onde o tema é o drama. 2 temas que ele faz muito bem.

QUE VENHA TITITI

Resposta Jeferson: Ela não é a pior de todas, só não perde para Três Irmãs. Tá vendo? Grazzi funcionou como coadjuvante. No fundo, mesmo com pedradas dos fãs dela, tenho razão. Rsrsrsrsrs.

anônimo comentou:

Jeff, sou leitor do seu site e há mto tempo quero lhe dizer o que vou dizer agora. O planeta TV é, sim, o único que mata a sede de quem gosta de televisao e não fofoca, por isso, meus parabens.

Eu sou fã disso aqui e me sinto no direito de criticar, afinal estou entre as pessoas que comentam e dão audiência ao site. As vezes te sinto mto arredio, até mesmo grosseiro e justamente com os que se dão ao trabalho de comentar seus posts. É como numa das respostas acima, vc chamando de 'coitados' aqueles que te dão respaldo de continuar, imagine se ngm mais comentasse? Se as pessoas compreenderam mal o que vc disse, foi por uma falha de comunicação, o que se escreve pode ter inúmeras interpretações e deve se tomar cuidado para escrever um texto o mais impecável possível. E se mesmo assim for incompreendido, seja mais delicado conosco. Outra coisa são alguns errinhos de português. Observo que seus leitores tb tem falhas graves, de ortografia mesmo. No seu caso é mais de concordância, talvez pq vc não tenha tato tempo, não sei se vc tem outras ocupações além do site. Olha, não fique magoado, estou dizendo pq mesmo sem te conhecer quero ver seu site cada vez maior. Divulgo pra todo mundo, recomendo mesmo.

Não é necessário aceitar este comentário, fiz apenas para que vc leia e reflita e não para causar polêmicas entre os leitores, ok??? Boa sortee!

Resposta Jeferson: Exatamente, COITADOS daqueles que tentam colocar palavras em minha boca. Em momento algum disse que Caruso é péssimo ator. Quanto aos erros de português, às vezes, na correria passa despercebido. Magoado, imagina quereeedo, o espaço é de vocês. Quando escrevi este tópico, já estava preparado para as pedradas dos fãs de Grazzi Massafera. Abs.

Mirian comentou:

Eu acredito que antes de fazer um julgamento como o que vc fez, devemos ao menos estar por dentro do assunto, informação é tudo! A impressão que eu tive sobre seu tópico referente a novela é de que vc criticou algo que sequer se deu ao trabalho de assistir, tamanha a divergência de informações. E se vc me disser que assistiu a pelo menos UM capítulo inteiro, direi que foge a sua alçada fazer críticas de TV :pensando1:

A começar pela escalação dos vilões... Marcus Caruso é um dos atores mais respeitados do nosso país, tanto do teatro quanto da TV, sempre muito elogiado pelos seus trabalhos e não foi diferente dessa vez. Se ele não estivesse no papel, certamente perderia espaço, o que não aconteceu, pelo contrário. O ator Guilherme Weber que interpretava o Albano era alçado o antagonista principal, mas saiu de cena e passou o bastão para o Marcos, pra vc ver a confiança que têm nele. Já sobre Grazi não tenho nem o que falar... Ela foi espetacular nessa novela, transitou pelos universos da mocinha e da vilã, e, já está confirmada em outro trabalho tbm pra papel de mocinha. Lembrando que na época em que ela fez Negócio da China recebeu diversas indicações na categoria de Melhor Atriz pelo seu bom desempenho...

Danton Mello não tinha um papel antagonico na novela, seu personagem era um dos protagonistas, e, a química dos protagonistas vem de outros trabalhos, dai veio a certeza de que daria certo mais uma vez.

Só concordo com vc qd o assunto é Antônio Fagundes, ele deixou a desejar e o próprio já havia manifestado a vontade de deixar a novela.

A novela começou ágil, inovando, com forte pegada cômica sim, mas o público ainda não ta pronto pra isso. Eles querem o mesmo do mesmo, e a vontade deles é que prevalece, tanto que vem ae mais um remake.

No mais, vc precisa estudar mais antes de fazer uma crítica de TV, Jeff!

Resposta Jeferson: Mirian, minha quereeeda, não sou crítico de TV, mas deixo uma pergunta no ar: SERÁ QUE TODOS OS CRÍTICOS DE TV ASSISTEM AOS 200 CAPÍTULOS DE UMA NOVELA? Este espaço é Blog e expresso minhas opiniões. Não retiro uma palavra do que disse, pelo contrário carimbo quantas vezes for preciso. Adeus Tempos Modernos, que junto com Três Irmãs é a pior novela da história da teledramaturgia brasileira. Péssimos trabalhos de Grazzi, Caruso e cia. Abs.

Veja também