O Planeta TV

"Avenida Brasil", mais uma surpreendente novela de João Emanuel Carneiro

Por: Jeferson Cardoso

"Avenida Brasil", mais uma surpreendente novela de João Emanuel Carneiro

Oi, oi, oi, oi... amadinhos, quede meu cheiro?

Brincadeiras à parte, vamos discutir sobre "Avenida Brasil", a novela das nove que fascina milhões de telespectadores.

Não é de hoje que o gênio João Emanuel Carneiro revoluciona as telenovelas. Depois de "Cobras & Lagartos" o horário das 19h nunca mais foi o mesmo. Vide às 21h, após a fantástica "A Favorita".

JEC, sem dúvida, é o melhor autor da atualidade. É incrível a sua capacidade de surpreender o telespectador, com tramas ágeis, dramáticas e, por mais que pareçam previsíveis, são incríveis.

Hoje, nenhum autor pode brincar com telespectador, que está cada vez mais exigente. Eu, particularmente, sou chato e não consigo mais acompanhar novelas arrastadas, paradas no tempo. Como, por exemplo, "Aquele Beijo" e "Amor Eterno Amor". São boas, mas não prendem a atenção do público justamente pela falta de ritmo, a chamada agilidade.

Em "Avenida Brasil", por apresentar um ritmo mais lento que seus últimos trabalhos, JEC é criticado. Só que "Avenida" em momento algum perdeu o ritmo. Acontece que o telespectador chato, como eu, quer que uma novela seja contada em 100 capítulos. Impossível.

Deixando a chatice de lado e sendo sincero, JEC conduz muito bem "Avenida Brasil". Enquanto o público se irrita com as idas e vindas entre Carminha e Nina, o autor explora os núcleos paralelos sem deixar a trama central de lado. Essa é a fórmula ideal para que não se crie a chamada "barriga". Esse adjetivo não condiz com a novela em questão.

O jogo de gato e rato entre Nina e Caminha é fundamental para a segunda parte da novela. Primeiro é preciso apresentar as tramas para que o público possa realmente mergulhar de cabeça. Ponto para o autor, que deixa os fãs super ansiosos.

Alguns personagens continuam chatos, entre eles Jorginho. Infelizmente, Cauã Reymond está com uma tonalidade aquém do esperado. Silas, Leleco, Monalisa são outros chatos da galocha. Meus favoritos são: na ordem: Carminha, Nina, Débora, Suellen, Noêmia e Muricy. Só lamento a pequeníssima participação do talentoso João Fernandes, o inesquecível Eroniiiiiiildes, de Cordel Encantado.

Muito se fala na grande reviravolta da trama envolvendo as protagonistas. JEC, craque, fará o telespectador duvidar do caráter de Nina. A mocinha, enfim, se comportará como vilã. Uma nova novela irá começar. Se já é boa, certamente, ficará excelente. Diferente de sua antecessora, "Fina Estampa", que do meio para o fim ficou morna e desencantou.

"Avenida Brasil" pode até não superar a audiência de "Fina Estampa", mas tenho certeza que no seu término observaremos uma superioridade de narrativa. Espero concluir que foi mais uma novela fantástica do gênio JEC.

OBS:

1) "A Favorita" fantástica? Como assim? Sei que muitos questionarão esta afirmação e dirão que estou entrando em contradição. De forma alguma. Foi uma novela bem mexicana (é isto que tanto implico nesta obra), porém excelente. Como vocês sabem, tive o prazer em acompanhá-la na íntegra no ano passado.

2) Quando digo que "Fina Estampa" é a NOVELA da década refiro-me APENAS à audiência. Por outro lado, até o momento (considerando o mesmo número de capítulos), no quesito narrativa, sem puxa-saquismo, considero "Fina Estampa" melhor. Porém, repito, a novela de Aguinaldo Silva perdeu o sentido nos últimos três meses. Esse, pode ter certeza, será o grande diferencial de "Avenida Brasil".

Loucura, loucura, loucura!

Sem alternativas, a direção de "A Fazenda" desistiu de um novo participante. Consequência: o cancelamento da Roça, frustrando o telespectador.

Concordo que nesta altura do campeonato seria injusto colocar um novo participante. Entendo também que para a Record não valeria a pena contratar mais uma sub-celebridade para ser eliminada na semana seguinte. Seria frustração e prejuízo.

Sem roça, a produção do reality, que é ótima, terá que se desdobrar pra esquentar o jogo e prender a atenção do público. A atração perdeu muito com a saída de Gretchen.

Continuo sem nenhum participante favorito, mas trocando ideias percebi que Nicole e Viviane são fortes candidatas ao prêmio de R$ 2 milhões.

Curiosidade?!?!

Muito se fala na próxima reprise da Globo. Tenho uma curiosidade. Qual destas novelas vocês fariam questão de assistir novamente: Páginas da Vida, O Profeta, Anjo Mau, Cobras e Lagartos, Um Anjo Caiu do Céu, Uga Uga ou O Beijo do Vampiro?

É apenas uma curiosidade, amadinhos.

Abs.





Comentários (243) Postar Comentário

Marcio comentou:

ANJO MAU!

Roberto comentou:

Avenida Brasil é, sim, uma ótima novela. Apesar de em alguns momentos eu a tenha achado chata, com essas idas e vindas que você mesmo disse. E alguns histórias dos nucleos paralelos são chatas, chatíssimas, pra falar a verdade. Mas a trama central faz com que isso seja superado. Gosto da Debora, mas acho que a Nathalia Dill tá sendo uma figurante de luxo, infelizmente. Até agora, ela não teve muito destaque. Quanto a reprise, Cobras e Lagartos foi ótima, gostaria de revê-la, seria uma overdose de João Emanuel Carneiro, rs. Páginas da Vida também seria uma opção, a minha segunda, só por causa da fabulosa Lilia Cabral.

lucas cassiano comentou:

eu prefiro sem dúvidas anjo mau já que a globo está apostando em re-reprises,eu prefiro anjo mau,claro que é sensacional e aumentaria a audiencia com certeza


aliás todo mundo gostaria de ver glória pires a tarde! :flora:

lucas santana comentou:

Olha Jefferson concordo em genero, numero e grau tudo q vc falou, só que na minha humilde opinião fina estampa era super chata, de longe uma das piores novelas do MAGO! A História clichê, previsivel, enfim numa novela que logo logo cairá no esquecimento. (SERÁ???)
Me tire uma duvida, com toda sinceridade, você acha que a Record tem chance de reverter a sua atual crise, pelo menos na parte da dramaturgia? E a novela de Gisele Joras tem capacidade de levantar os indices da emissora vice-lider????

E sobre as proximas reprises do VPVDN axo que a rede globo deveria reprisar àquelas novelas que na minha opinião revolucionou o horário das 19 horas: UGA UGA (sensacional, muito divertida e leve) e Cobras e Lagartos (Genial, instigante, surpreendente) seria ótimo rever as aventuras de Foguinho e sua turma em nome do poder e da ambição, e como não se lembrar do ótimo trabalho de Marília Pêra como Milu Montini, Mara Manzan como Marilene e Carolina Dieckmann no auge da beleza como a inesquecível Leona?

Valeu Jefferson e até a próxima! Aguardo respostas!


Jeferson Cardoso respondeu:

Tem sim e irá reverter. Não será da noite para o dia, obviamente. O problema é que repetem-se os erros e desaba novamente.


Camila comentou:

Amadinho Jeff,
Avenida Brasil tá arrasando! Eu não vejo a hora da Carminha descobrir quem é a Nina. Que maravilha de novela! Amo o JEC.
Com relação a próxima reprise, ficaria MUITO FELIZ com a volta de Cobras e Lagartos, também do queridíssimo JEC. Mas Páginas da Vida seria interessante, foi uma boa novela, apesar de não gostar muito do estilo do Maneco.
Mais uma vez parabéns pelo blog e um Grande Beijo.


Jeferson Cardoso respondeu:

Avenida deve se tornar um novelão daqui a duas semanas. Ansiedade define. Rsrsr


Andre comentou:

Espero que a Globo seja sensata e não coloque O Beijo do Vampiro, uma vez que já houve especulação de reapresentar nas férias do ano passado, mais o Video Game Verão ocupou o lugar ... O novelinha rs
Prefiro O Profeta ou Cobras e lagartos ( O NOVELÃO DO JEC) mais emfim oremos para uma reprise que vale a pena ver de novo mesmo! :angelical:

Douglas comentou:

Adorei seu post jeff.
Sou suspeito pra falar de "Avenida" já que quando eu amo uma história é difícil achar algum defeito. Ainda mais agora sabendo que, após ser dada como morta, Nina vai aterrorizar Carminha. E depois ela volta com tudo, não revelando o segredo a Tufão, ms para chantagear a ex madrasta. Nina fará de Carminha uma escrava dentro da sua própria casa, João Emanuel fará referência a obra de Eça de Queiroz "O primo Basílio", obra que Tufão está lendo, indicada por Nina.
A próxima reprise gostaria que fosse alguma do Walcyr Carrasco (kkkkkkkkkk jura né! Deus é mais!) brincadeiras a parte, há anos espero por Cobras e Lagartos (melhor novela de JEC), se não for que venha Páginas da Vida.

Abraço!


Jeferson Cardoso respondeu:

Carrasco? Seu pedido é uma ordem! kkkkkkkkkkk brincadeirinha! Rsrsrs


Adalberto Thiago comentou:

O meu sonho seria no "Vale a Pena Ver de Novo" Cobras e Lagartos ou Celebridade, mas diante da atuação do nosso queridíssimo Ministério da Justiça aposto em uma reprise de O Profeta. #aposta

E o que dizer de "Avenida Brasil"? Como é bom ver o trabalho de um autor como o João Emanuel Carneiro, né? Um autor cheio de ideias, oxigenado, ousado, que escreve uma novela como ninguém... É sempre um prazer assistir à abertura da trama e vê "Uma Novela de João Emanuel Carneiro". Vem a tona todas as novelas de sucesso dele. É muita admiração. Não comparo "Fina" com "Avenida". Também sou fã do Aguinaldo Silva, mas realmente o trabalho final da novela foi péssimo ao contrário da atual que pelo visto vai ter uma saga final impressionante.
Podem me julgar, mas amo a Carminha e não suporto Nina e Jorginho. Esse casal é UÓ. :sofrendo:
A minha única queixa com relação à trama é o mau aproveitamento da Nathalia Dill. A atriz está sem função alguma. Uma pena! :sofrendo:
Por outro lado estamos sendo brindados com a volta de Betty Farias às novelas.

Então é isso.

Obrigado JEC por existir e por fazer nossas noites mais movimentadas. :ebaeba:

E pra não perder o costume:
Beijos, Sucesso e Muita TV... Pra todos! :tchauGrazi:

Adryan comentou:

Seria um sonho assistir novamente a espetacular Cobras e Lagartos! Mas acho impossivel, já que o MJ reclassificou a novela!
:triste1:

Luiz comentou:

Respondendo sua curiosidade, gostaria de Cobras e Lagartos, que foi fantástica :parabens1: Acho que daria uns 17/18 pontos no Vale a pena ver de novo. Tudo bem que você não quer comentar sobre isso, mas você sabe qual é a substituta, mesmo não podendo falar?

Veja também