O Planeta TV

Malhação ID estreia hoje e discute identidades

por jeferson, em 09/11/2009

Malhação ID estreia hoje e discute identidades

Qual profissão seguir? A qual tribo pertencer? Gostar de meninos ou de meninas? Esses são alguns dos dilemas que os personagens de Malhação irão encarar a partir desta segunda-feira, quando estreia a nova fase da trama que vai ao ar de segunda a sexta, às 17h35min, na Rede Globo. A grande questão desta temporada será a busca pela nova identidade.

Não à toa, Malhação ID (a novela ganhará um novo título) irá reunir as mais diferentes tribos no colégio Primeira Opção, onde boa parte das histórias irá ocorrer. Haverá patricinhas, antenados nas novas tecnologias, esportistas e autênticos “pegadores” como será o caso do protagonista Bernardo, interpretado por Filipe Galvão.

– Ele não resiste a um rabo de saia – afirma o ator, filho do cantor Fábio Jr. e vocalista da banda Hóri.

Na novela, ele será disputado por três garotas: Tati (Élida Muniz), Bia (Mariana Molina) e Nanda (Giovana Echeverria). No entanto, quem realmente deverá conquistar o rapaz será Cristiana (Cristiana Peres).

– Ela é uma menina de muita atitude. Mas, por se preocupar tanto com as pessoas ao seu redor, acaba se esquecendo um pouco dela – afirma Cristiana, que interpretou a personagem Flora (Patrícia Pillar) quando jovem em A Favorita.

Os dois demorarão a se acertar. No início, ela irá esnobá-lo.

– Eles são muito diferentes e, a princípio, será impossível haver uma boa relação – diz Cristiana.

– O Bernardo chega a ser um irresponsável, que só quer curtir a vida – acrescenta Filipe Galvão.

Ricardo Hofstetter, novo autor da novela, salienta que todos os núcleos da trama terão papel importante na trama.

– Haverá uma garota iraniana (Thaís Botelho) e um jovem com dúvidas quanto à orientação sexual (William Barbier) – explica ele.

Outra novidade de Malhação ID será a inserção da cultura dos anos 1980 no cotidiano dos jovens do Primeira Opção.

– Queremos relançar a moda dos patins. Além disso, o figurino dos personagens será bastante influenciado pela estética e pelas cores daquela década – garante o autor.

Os principais hits dos anos 1980 também estarão presentes de forma repaginada na voz de NX Zero, Fresno e outros grupos atuais na trilha sonora da novela. Quem Eu Sou, cantada pela banda Hóri, será a música de abertura.





Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também