O Planeta TV

Exclusivo: Novelas da TV Globo estão abaixo da meta da emissora

por jeferson, em 16/09/2007

Exclusivo: Novelas da TV Globo estão abaixo da meta da emissora

As novelas da TV Globo estão em crise. Há cerca de 20 dias todas as novelas da emissora vem registrando quedas preocupantes, uma vez que, todas estão abaixo da meta estabelecida pela a emissora.

O motivo da tal queda é o baixo número de TVs ligadas e o calor que atingiu São Paulo nos últimos dias, porém deve-se levar em consideração, que uma novela quando caí no gosto do popular, não tem chuva nem sol que atrapalhe bruscamente a sua audiência, uma vez que todo ano existem fases de calor e frio.

O site O Planeta TV! resolveu analisar a audiência das atuais novelas da Globo desta última semana, com a "meta" que a Globo tem para cada uma delas.

"Da Cor do Pecado" entre os dias 10/09 a 13/09 marcou apenas 17 pontos de audiência. A meta do horário é de no mínimo 18 pontos.

"Malhação" entre os dias 10/09 e 13/09 amargou apenas 21 pontos. A meta do horário é de 25 pontos. A Globo resolveu reformular a atração no próximo mês, em busca de audiência.

Eterna Magia entre os dias 10/09 a 13/09 ficou com apenas 24 pontos de audiência. A meta do horário é de no mínimo 30 pontos.

Sete Pecados que a TV Globo tinha como esperança a recuperação do horário não vem fazendo bonito. Entre os dias 10/09 a 13/09 ficou com apenas 28 pontos. A meta do horário é de no mínimo 35 pontos, segundo a emissora. Será?

"Paraíso Tropical" que está em sua reta final, não vêm conseguindo bater os recordes das tramas anteriores. Entre os dias 10/09 e 13/09 ficou com apenas 45 pontos, mantendo assim a meta do horário. Porém na média geral, está bem abaixo disto.

Percebe-se então que todas as novelas da Globo estão abaixo da meta estabelecida pela emissora. Qual seria o motivo destas quedas? Uma fuga do telespectador para os outros canais? Ou a emissora precisa reformular suas novelas, apostando em novos autores e novas abordagens? É difícil analisar!





Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também