O Planeta TV

Boatos: Pai de Daniel seria o assassino de Taís?

por jeferson, em 11/09/2007

Capítulos falsos, cenas escritas e gravadas só para despistar, gravação no último dia da novela — um esquema de segurança está armado para o capítulo final de ‘Paraíso Tropical’. “É um aparato de guerra. O grande articulador dessa engrenagem de gravação é o Dennis, (Carvalho, diretor), que é fera”, diz o autor Ricardo Linhares. Um desses roteiros vazou na internet e mostra Nereu (José Augusto Branco) como o assassino de Taís (Alessandra Negrini).

Na suposta versão, Nereu vai à casa do filho, Daniel (Fábio Assunção), para encontrá-lo, mas acha Taís. Ela o ameaça com um rolo de macarrão, ele revida e ela bate com a cabeça na mesa, desmaiando. Até agora apenas nove pessoas conhecem o final. “Nem minha mãe sabe quem matou Taís. Além de nós sete (Gilberto, eu e a equipe de escritores), Dennis e José Luís Villamarim (também diretor) sabem o final”, afirma Ricardo.

Se o nome do assassino verdadeiro vazar, não há possibilidade de ser alterado na última hora. “‘Quem matou Taís?’ não é um jogo escrito ao acaso. A trama foi bolada com início, meio e fim. Tem base e coerência”, responde o autor. O assassinato será gravado na tarde do último capítulo, dia 28, e poucos atores foram convocados para estar no estúdio.

Além da morte da vilã, o final mais esperado é o da prostituta Bebel (Camila Pitanga). Os autores já avisaram que ela será punida, o público não quer vê-la na cadeia, há a possibilidade de ela ser morta. Mas segundo a versão da Internet, Bebel e Olavo (Wagner Moura) fogem do país com o dinheiro desviado do fundo de pensão do grupo Cavalcanti.




Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também