O Planeta TV

Tem que ser um bom personagem, diz Renata Sorrah

por jeferson, em 22/09/2007

Tem que ser um bom personagem, diz Renata Sorrah

A última participação de Renata Sorrah nas novelas aconteceu em Páginas da Vida da Globo, como a honesta promotora Tereza, mas antes disso uma personagem da atriz deu o que falar... Nazaré, a vilã capaz de roubar doce de criancinha em Senhora do Destino também da plim-plim, por incrível que pareça, com incrivel bom humor a malvada ganhou a simpatia do público.

De acordo com a atriz, ela deu sorte ao encontrar uma veia cômica na construção da megera, já que uma outra atriz, por exemplo, poderia ter ido por outro caminho. Agora, pelas mãos do próprio Aguinaldo Silva que lhe escreveu Nazaré, ela volta para a teledramaturgia, mas longe da vilania outrora explorada. Renata integra o elenco, do bem, de Duas Caras, próxima trama global das oito com estréia marcada para o dia 1 de outubro.

- Não tem que ser vilão ou não vilão, tem que ser um bom personagem, revela a atriz.

Contudo, uma coisa ainda é comum ao papel encarado em Senhora, afinal, a rivalidade com a personagem de Susana Vieira continua perseguindo Renata. Se no passado Nazaré roubou a filha de Maria do Carmo, dessa vez Célia Mara passa a mão no marido de Branca.

- Ela é casada, tem um amante e lida bem com isso. É uma paixão quase adolescente que continuou. É a vida dela aquele homem. Ela não tem culpa de ser amante, explica Renata, intérprete de Célia Mara.

Na história, Célia foi noiva de João Pedro, interpretado por Herson Capri, mas eles se separam quando ele se casa com Branca para garantir o futuro. Célia, por sua vez, não fica solteira e se une a Antonio José, vivido por Otávio Augusto, no entanto passa a ser amante do ex. O problema é que João morre atingido por uma bala perdida enquanto assiste a um espetáculo de circo com a amante e, no dia seguinte, todos os jornais divulgam a foto dos dois juntos como se fossem marido e mulher.



Publicidade

Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também

Publicidade