O Planeta TV

Rafael Cardoso se esforça para convencer em "Beleza Pura"

por jeferson, em 29/03/2008

Rafael Cardoso se esforça para convencer em "Beleza Pura"

Intérprete do skatista Klaus de Beleza Pura, Rafael Cardoso sente que superou uma das maiores dificuldades que sua composição de personagem trouxe.

O ator, de 22 anos, percebe pelo retorno de público e pelos comentários que ouve dos conhecidos que a diferença de idade entre ele e Klaus, de cinco anos, passa despercebida no ar.

A preocupação de Rafael com esse detalhe era tanta que ele chegou a fazer um laboratório "adolescente", que incluiu desde "baladinhas" à tarde a aulas de skate.

"Como sou estreante, não posso dar espaço para medo algum. Essas precauções me trouxeram segurança e acho que isso vem se refletindo no ar", afirma, com autoconfiança.

Para parecer mais novo em cena, Rafael teve que fazer uma dieta. Além de diminuir o ritmo de malhação para não ficar tão forte, perdeu seis quilos.

Além disso, seu cabelo foi pintado cinco vezes até chegar ao tom escolhido. "Agora preciso fazer hidratação e essas outras coisas que as mulheres fazem para se cuidar", brinca, com cara de quem não curte esse lado da profissão.

Outra recomendação sugerida pela emissora foi a de tomar mais sol e cortar um pouco o cabelo, para deixá-lo menos ondulado. "Essas transformações são úteis para o ator também. Depois desse processo, eu mesmo já estava me achando bem mais jovem", avalia.

Rafael imagina que estrear como adolescente na televisão pode atrasar uma aparição do ator em um papel de adulto. Mas isso não o preocupa. Principalmente porque antes de conseguir o papel em Beleza Pura, Rafael fez testes para outros cinco papéis em dois anos.

Dois para Malhação e outros para Eterna Magia, Sítio do Picapau Amarelo e Paraíso Tropical. Este último, perdeu para um atual colega de elenco, Gustavo Leão.

"É claro que eu ficava chateado com as respostas negativas, mas os produtores de elenco sempre me davam esperança. Eu sempre batia na trave", lembra.

Antes de começar a estudar teatro, Rafael pensou em seguir carreira esportiva. O porto-alegrense chegou a jogar nas categorias de base do Grêmio, mas aos 15 anos decidiu abandonar os campos de futebol.

Na época, foi convidado para estampar algumas campanhas publicitárias e, depois que começou a ganhar dinheiro com isso, ficou mais motivado para se dedicar à profissão. E foi gravando seu primeiro comercial que Rafael decidiu estudar interpretação.

"Não sei o que aconteceu, fiquei completamente alucinado com todos aqueles equipamentos. Bateu uma vontade forte de trabalhar com isso", recorda.

As primeiras experiências como ator vieram depois que Rafael se matriculou em uma escola de teatro gaúcha. Foram dois anos de curso que lhe renderam um convite para ingressar na primeira turma de 2006 da Oficina de Atores da Globo. Depois de quatro meses de aulas, o ator foi surpreendido com outra vaga para o curso, desta vez no segundo semestre do mesmo ano.

Por isso, se mudou para o Rio e começou a batalhar trabalhos na capital carioca. Conseguiu algumas participações especiais em programas como A Diarista, Turma do Didi e Minha Nada Mole Vida, além de uma aparição nos capítulos finais de O Profeta.

Agora, com contrato por um ano com a Globo, espera não precisar mais de esperar tanto para conseguir outro personagem depois que a novela acabar. "Ainda falta muito tempo, mas espero que meu esforço agora me recompense no futuro", torce.





Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também