O Planeta TV

Gilberto Braga e Dennis Carvalho repetirão parceria em novela das seis

O autor fará uma adaptação de “Vanity Fair”, romance de William Makepeace Thackeray.

por Redação, em 12/10/2019

Gilberto e Dennis. Foto: TV Globo

A adaptação de “Vanity Fair”, romance de William Makepeace Thackeray do século XIX, vai mesmo sair do papel. A novela está sendo escrita por Gilberto Braga e terá a direção geral de Dennis Carvalho. A dupla retomará a parceria de sucesso, como em “Celebridade” e “Insensato coração”, entre outras tramas. 

A história que Gilberto está desenvolvendo será fiel ao do romance de William Makepeace Thackeray. Mas, segundo informações do jornal O Globo, o autor fará uma adaptação para os anos 1920 e vai transpor a trama para o Rio. 

“Vanity Fair” terá 104 capítulos, um formato curto que a Globo quer testar na faixa das seis. A obra deverá ser lançada no segundo semestre de 2020.



Publicidade

Comentários (9) Postar Comentário

Bruno Lopes comentou:

Gilberto é um autor maravilhoso. Seu texto é criativo, apesar de elitista, elegante e coerente, mas o GB é preguiçoso também, sempre foi, e ai a coisa pega. Em Vale Tudo era o Aguinaldo quem comandava a novela e as ultimas era o Linhares, até Maneco já trabalhou com ele. Espero que com uma novela menor ele arrase.


Érico Lang Safira respondeu:

Realmente, Gilberto é pra tramas curtas, ele não é mais o mesmo cara que escreveu Escrava Isaura, até por conta da idade. Seria lindo vê-lo no horário das onze com tramas fortes junto com George Moura e Maria Adelaide Amaral, para mim, é ali que deveriam ficar no momento. Mas realmente ele com tramas curtas no horário das seis promete ser glorioso.


Andre Luiz comentou:

Essa novela deverá estrear em outubro do ano que vem, e será uma das mais curtas das 18h, com 104 capítulos.


Érico Lang Safira respondeu:

meu p de chão e 7 vidas tiveram mais ou menos isso também



Andre Luiz respondeu:

Sim. Meu pedacinho de chão teve 96 e sete vidas teve 107 capítulos.


Ralf comentou:

Seria um sonho ter novamente Gilberto Braga, Manoel Carlos, Silvio de Abreu, brilhando no horário das 9 e de quebra espantar esses autores responsáveis por essas ultimas novelas horríveis e descartáveis que tem dominado a TV ultimamente.


Diego Alexandre Rodrigues Ribeiro respondeu:

Ah sim para escrever os mesmos fiascos: quem não se lembra de Em família,Passione e a terrível Babilônia



Bia Falcão respondeu:

Deixar o autor que sabe tudo longe do Horário Nobre! As últimas foram fiascos retubantes!


Érico Lang Safira comentou:

aaaah não, que demora, coloca depois de Eramos seis!

Adami comentou:

Que falta faz Gilberto Braga no horario das 8, adoro o estilo dele de escrever, os dialogos dos seus personagens e os vilões que ele sabe criar, mais em Babilônia ele foi muito mal, foi a unica novela ruim que ele escreveu, espero ainda ver uma novela contemporanea sua no horario das 8.

Mario comentou:

Maneco, pela idade nao tem como escrever pro horario nobre. Uma novela dele curta as 6h. Seria demais com 120 caps talvez. O gilberto acho uma boa tanto seis quanto nove horas. Mas com no maximo 130 caps. Silvio de abreu poderia voltar as 9h com uma trama de suspense e largar este seu cargo. Acho melhor como escritor do que como chefao


Andre Luiz respondeu:

Igual a esplendor que teve 125 capítulos e ciranda de pedra que teve 131.


Ryver comentou:

Li em algum lugar que ele quer Malu Mader e Cláudia Abreu rivalizando novamente nesta novela. Ancioso pra isso.


Galliano respondeu:

Se isso realmente se confirmar, ele poderia muito bem inverter os papeis que deu às duas em "Celebridade": Malu faria uma vilã (pois o mais próximo que ela chegou disso foi em "O Mapa da Mina" e "Eterna Magia", cujas personagens nestas novelas eram mais anti-heroínas do que vilãs) e Cláudia uma mocinha (que não seja songamonga como a Helô, de "A Lei do Amor").


Amanda Josiane Cristal comentou:

O dono do mundo foi excelente. Maneco vai voltar com a trama de Heleninha do leblon, uma patricinha que tem a vida transformada com a bala perdida de um governo exterminador atual.

Televisivo comentou:

Fico ansioso. Gilberto Braga bebe diretamente da fonte de clássicos do cinema, seu texto é rebuscado e seu universo é refinadíssimo, existe um ar particular em suas novelas bem característico.
Odiei suas produções em parceria com o Linhares, a qual o considero limitadíssimo como autor e jamais baterá os universos, é a mesma coisa que unir Walcyr Carrasco com Manoel Carlos, não vai.
Com 104 capítulos e uma produção de época e com suas musas no elenco, estou realmente ansiosíssimo e esperando o melhor dele, como nos áureos tempos.

Veja também

Publicidade