O Planeta TV

"Flor do Caribe" salva a audiência das 18h e ganha festa da Globo

E mais: Saiba detalhes da sinopse de "Além do Horizonte", a nova novela das sete.

Por: Jeferson Cardoso

Na sexta, 13/09, a Globo exibe o último capítulo de "Flor do Caribe". A trama – simples e solar – escrita por Walther Negrão chega ao fim com o dever cumprido, o de levantar a audiência das 18h da Globo. 

A antecessora "Lado a Lado", apesar de belíssima, não conseguiu conquistar o público, talvez porque faltasse a ela o que "Flor do Caribe" apresentou: vilões, dramas e, principalmente, agilidade e ganchos que prendessem o telespectador.

Negrão, desde o primeiro capítulo, surpreendeu o telespectador com uma novela ágil e reviravoltas que movimentassem todos os núcleos. 

Depois de inúmeras críticas – negativas –, Grazi Massafera finalmente pode brilhar. A revelação Igor Rickli, mesmo com perseguições de alguns, conseguiu mostrar sua evolução ao longo da trama. Com dedicação, Rickli transformou o vilão Alberto no destaque da trama.

Para alguns críticos, "Flor do Caribe" apresentou belas imagens, mas pouco conteúdo e um elenco fraco. Como telespectador, tenho que discordar. Jayme Monjardim conseguiu ótimas imagens do Rio Grande Norte; para o horário das 18h, a sinopse não é extraordinária, mas é muito boa para o horário das 18h; o elenco não possui nomes consagrados, mas todos se empenharam parar entrar no universo do autor, e encontrar os tons ideais de seus personagens, e convenceram o público. 

"Flor do Caribe" pode não ser a queridinha dos críticos, mas agradou as donas-de-casa e injetou um gás num horário crítico da Globo. Não é qualquer produto que recebe muito mal de uma péssima "Malhação", algo em torno dos 15 pontos, e entrega lá em cima (próximo dos 30 pontos). 

A mais do mesmo e bonitinha "Flor do Caribe" sai de cena com festa na Globo. O diretor-geral Carlos Henrique Schroder oferecerá um coquetel aos autores, diretores, elenco, enfim para todo pessoal. Algo semelhante só se viu no término de "Fina Estampa" e "Avenida Brasil".

"Flor do Caribe" não foi um fenômeno de audiência, chega ao fim com 21 pontos de média, estancando a queda da faixa. A novela agradou tanto que algumas pessoas até duvidam que "Joia Rara" – sua sucessora - conseguirá ultrapassá-la, ou pelo menos começará mantendo os seus índices.  

Pecado Mortal

A abertura de "Pecado Mortal" contará com a participação do elenco. Os personagens aparecerão congelados com o cenário ao fundo em movimento. A gravação aconteceu nesta semana. Nenhuma comparação com "Senhora do Destino", por favor.

Quanto à trilha sonora, quatro músicas foram divulgadas, são elas: "Dois pra lá, Dois pra cá", cantada por Elis Regina; "Charme do mundo", com Marina Lima; Bad Girls, com Dona Summer; e Macho Man, com Village People. A música de abertura será Street Life, de Randy Crawford.

"Pecado Mortal" estreia dia 25, numa quarta-feira, após "José do Egito". O dia e horário de estreia são favoráveis à audiência, o problema é no dia seguinte. Às quintas-feiras a Globo costuma esticar "Amor à Vida" até as 22h45. Com isso, a nova "superprodução" da Record deve bater de frente – por alguns minutos – com a novelinha de Walcyr Carrasco. Só um milagre de Santa Clara para evitar uma queda dos preciosos índices do Ibope. 

Além do Horizonte

A próxima novela das sete, assinada por Marcos Bernstein e Carlos Gregório, vai ser uma história de ação, com mistério e aventura. 

Em resumo, a trama mostrará pessoas que, em um determinado momento da vida, perceberam que estavam infelizes, resolvem ter uma nova vida e largam tudo. Elas desaparecem, as famílias não vão saber onde elas estão. No desenrolar da história, vai se criando uma nova sociedade, um novo jeito de se viver em plena Floresta Amazônica. Então, a história será contada por estas pessoas que estão indo para este lugar e as outras que continuam na cidade e não sabem o que está acontecendo. 

Na cidade, Lili e William, personagens de Juliana Paiva e Thiago Rodrigues, vivem uma relação de cão e gato, mas têm um objetivo em comum: ela é uma patricinha que quer encontrar seu pai desaparecido, e ele , um cara bronco e nada dócil, que quer achar o irmão e a tia. Nessa busca para desvendar o sumiço dos seus parentes, vão acabar se apaixonando.

"Além do Horizonte" tem estreia prevista para 4 de novembro, substituindo "Sangue Bom". 

Saramandaia

Não curti a explosão de Dona Redonda. Na medida em que ia engordando, esqueceram de aplicar os efeitos especiais na cabeça da personagem. Ficou patético no ar. 

Apesar dos efeitos serem inferiores aos dos eternos Mutantes da Record, a cena, como um todo, convenceu porque se trata de uma novela com características surreais. 

Vera Holtz é uma ótima atriz, fato, mas, pra mim, estava exageradíssima nesse remake. Diferente de Mateus Nacthergaele que, para variar, rouba a cena. Ele consegue – ao mesmo tempo - divertir e emocionar com o Seu Encolheu. 

Falando em remake

Parece que, por enquanto, é lenda um possível remake de Tieta. Para 2014, a disputa gira em torno de "O Rebu", de George Moura, e "O Semideus", de Maria Adelaide Amaral – que conta com maior simpatia dos executivos da emissora. 

A adaptação de "Dancin’ Days" deve acontecer, mas só depois que Gilberto Braga finalizar a sua próxima novela, que deve estrear no começo de 2015.

O remake da melhor novela de todos os tempos, Tieta, se vingar, será em 2015, na comemoração dos 50 anos da TV Globo. Só Santa Clara na causa!

O Clone

Se não bastasse a terceira colocação no ranking da audiência, a produção do programa "O Melhor do Brasil" resolve copiar os quadros de Eliana. Neste fim de semana, Rodrigo Faro comanda o "Faroscar", que premiará o “pior” vídeo caseiro postado no Youtube. A ideia é semelhante ao que será apresentado pela produção do SBT, que destacará o "Fenômeno do Youtube". Resumindo: uma vergonha!

A Grande Família

O que a Globo fez com esse seriado? A entrada de novos personagens tinha como meta renovar as tramas da atração, já que segundo a emissora as briguinhas entre Lineu (Marco Nanini) e Nenê (Marieta Severo) não estavam mais agradando o público.

Nessa temporada, a penúltima, o seriado foi transformado em uma novela semanal. As histórias passaram a ter continuidade nos outros capítulos. Enfim, "A Grande Família" perdeu a sua identidade. 

Não é qualquer produto que consegue ficar 12 anos no ar. "A Grande Família" é uma série vitoriosa, que vem desgastando e pedindo arrego. Esse desgaste, diga-se de passagem, é natural. Uma pena não ter chegado ao fim no auge, deixando aquela saudade. 

Percebendo a queda de audiência do seriado, que chegou a marcar apenas 20 pontos, a Globo optou por encurtar os episódios da temporada. A partir de outubro, sai de cena dando lugar ao "The Voice Brasil". Uma loucura; uma ousadia. O seriado, no entanto, não tinha mais fôlego para seguir adiante. Que descanse em paz no próximo ano.

Sessão da Tarde

A direção artística da Globo não está nada satisfeita com a audiência da "Sessão da Tarde". Uma ala até apoia o fim das reprises de filmes, e no lançamento de uma nova atração no horário da tarde. Para impulsionar os números, a emissora investirá em filmes mais antigos e clássicos da década de 80 e 90.

Posso estar enganado, mas a audiência da "Sessão da Tarde" só deve melhorar quando a Globo acertar com o "Vale a Pena Ver de Novo". Não adianta apostar numa reprise tardia de "Cobras & Lagartos", se depois reapresentar uma trama desnecessária sem a grande aceitação do público. A emissora, sem pensar, afastou o público do horário da tarde, e dificilmente reconquistará. 

Será?

A Globo convocará Walcyr Carrasco para uma reunião para decidir o futuro de Marina Ruy Barbosa na novelinha das nove. Desde que se recusou a raspar a cabeça, a atriz se tornou figurante de luxo. O nome dela é desejo de Benedito Ruy Barbosa e Aguinaldo Silva. A prioridade é de Benedito, que estreia primeiro.

Será que Marina está satisfeita com a atual fase de sua personagem? Sei não, talvez a própria esteja mexendo os pauzinhos para se livrar dessa estoriazinha de fantasma. 

Novo formato

A Globo estreou um novo formato de chamadas. A novidade tem chamado a atenção, e tão logo será copiado pelas concorrentes. 

Observa-se uma participação mais ativa do elenco da emissora, e dos participantes dos programas; e uma melhor divulgação dos programas que enfrentam baixos índices de audiência. 

As chamadas de "Joia Rara" também estão ousadas; bastante criativas. Globo é Globo! 

É isso. Fico por aqui. Vamos acompanhar a última semana de "Flor do Caribe", e aguardar com entusiasmo as estreias de "Joia Rara", "Além do Horizonte" e "Pecado Mortal". Abraços.



Publicidade

Comentários (31) Postar Comentário

Marcelo comentou:

Pra mim, "Flor do Caribe", por enquanto, é a melhor novela do ano, e das que vão estrear, talvez só "Joia Rara" possa roubar esse posto. Walther Negrao me surpreendeu positivamente com essa novela deliciosa. Igor Rickli é a revelação do ano, e sua atuação deixou muitos atores de sua geração, como Cauã Reymond, no chinelo. Não tenho muitas expectativas para "Pecado Mortal" (detesto as novelas do Lombardi) e para "Além do Horizonte", no entanto, espero ser surpreendido positivamente. E eu gostei da explosão da Dona Redonda, e achei que a Vera Holtz fez o que estava prescrito no papel, criando uma personagem mais caricata, aproximando-se das histórias em quadrinhos. Curti! Gosto mais de "Saramandaia" que de "Sangue Bom". Valeu, Jeff!


Jeferson Cardoso respondeu:

Será que Joia Rara será ótima como Cordel? Assim espero. ;)



Marcelo respondeu:

Também espero. Mas tirando "O Profeta", Duca e Thelma nunca me decepcionaram.


Layon comentou:

FLOR DO CARIBE | A novela é gostosa de se ver. percebo que aos poucos, a Globo trata com carinho este horário. O que devia ser sempre.

PECADO MORTAL | Tomara que a Record não estrague a novela e transformá-la uma arte em um produto. Arte é algo natural, produto é algo feito em escala industrial.

ALÉM DO HORIZONTE | Na verdade, Jef há uma tribo que decidiu viver na floresta. Não são índios, são pessoas que optaram por este tipo de vida. Esqueci quem os são, mas este pessoal é muito desta vertente ecologista e natural.

SARAMANDAIA [2013] | Achei "xoxo" a explosão. Nem voou todas as partes do corpo da Redonda. Queria ver muitos pedaços de pele por aí, mas não vi. Esperava mais.

NOVA DAS 23H | Jef, e aquela sinopse da Lícia Manzo de uma mininovela?inédita? Aliás, a história de "O Rebu" seria ótima e bem atrativa.

"O CLONE" | Ainda não entendo o que quer a Record quer fazer da vida.

A GRANDE FAMÍLIA | Nem vejo mais. Está politizado e ditando 'as modinhas' horríveis do momento., Deixou há tempos de ser um programa de família.

SESSÃO DA TARDE | Tomara que volte a reprisar os filmes legais como 'Curtindo a vida adoidado", "Uma garota muito especial", "Good burger" e "Convenção das bruxas". Se houver a novela "Cobras & Lagartos" como carro-chefe, é campeão na certa!

NOVELA "OS TEUS CABELOS RUIVOS" | Coitada dela. Só será lembrada pelo cabelo. O Walcyr faz coisas infantiloides acerca disso.

NOVO FORMATO | É legalzinho, Jef. Puxa vida, parece [é uma cisma minha] que estão tirando o Dirceu Rabelo aos poucos destas locuções.

Jef, o que acha do remake de "O Rebu", seria inovador, não é? E dos 60 anos da Record. Parece que a própria emissora está desleixada com o assunto. Veja no YouTube que a festa dos 50 anos foi muito mais pomposa do que está hoje.

Tchau!


Jeferson Cardoso respondeu:

Layon, não sei nada sobre O Rebu. Nunca li a sinopse. Então não posso comentar. Não sou a favor de remakes, prefiro obras inéditas. Rsrsrs


Leandro comentou:

Flor do Caribe não tem nomes consagrados em seu elenco? E Laura Cardoso? E Bete Mendes? E Sérgio Mamberti? Não são atores consagrados? Além desses ótimos atores, com exceção de um ou dois nomes, todo o elenco da novela está muito bem em seus papeis. Isso pra mim é o que importa.


Jeferson Cardoso respondeu:

Não generaliza a minha humilde opinião.


César Silva comentou:

Sobre as chamadas de Joia Rara: a voz da locutora é linda, mas não combina com chamadas de novela. Não curti. Parece que ficou faltando algo, não teve a mesma "força" de uma chamada comum de novela.

Ainda assim, tenho boas expectativas sobre Joia Rara. Primeiro, porque é uma novela das sempre excelentes Thelma Guedes e Duca Rachid (vide O Profeta, Cama de Gato e Cordel Encantado). Segundo, porque conta com ótimos diretores. Adoro Amora Mautner e Ricardo Waddington. E terceiro, porque conta com um ótimo elenco (apesar de eu não ter gostado muito da escolha dos protagonistas - achei repetitivo colocar Bianca Bin novamente como protagonista, sendo que a mesma já teve o mesmo papel em Cordel). É isso. (:


Jeferson Cardoso respondeu:

César, também sinto incomodado com essas repetições de atores. É um saco.


Vlad comentou:

Jeff, pega leve!!!!!! Tieta foi uma das melhores novelas do Brasil e a melhor de Aguinaldo, mas para dizer que foi a melhor de todos os tempos falta a voce ter assistido tres décadas anteriores de novelas! Para mim faltou só uma, pois tenho 48 anos e assisto novelas desde 1973, com Mulheres de Areia, por sinal um ícone da TV, minha primeira novela. Sei que voce deve estar fazendo gozação. Mas muita gente pode acreditar ( rsrsrsrsrsrsrsrsr) . No youtube assista algumas pérolas da TV Tupi e mesmo da Globo, mas evidentemente não compare em termos de técnica e modo de fazer novela com os dias de hoje, cada coisa tem que ser avaliada de acordo com seu tempo. Um abraço, amigo!!!!!!!


Jeferson Cardoso respondeu:

Vlad, querido. As opiniões aqui são pessoais, pra mim Tieta é a melhor novela do universo. Algum problema?


diogo comentou:

Oi jef. Gosto mt do site e do blog. Parabéns pelo belo trabalho :)
Sobre flor do caribe acho uma novela boa pra assistir, só um unico problema q vejo é q mesmo sendo ambientada no nordeste apenas 4 personagens tem o sotaque. Em relação a explosão da dona redonda foi o melhor momento da novela e deixou a desejar em mts aspectos. E pecado mortal to ansioso, mas ñ gosto dessa sensação de dejavú q ela mi provoca.
vlw abraços!!


Jeferson Cardoso respondeu:

Diogo, muito obrigado. ;)


Thallys Almeida comentou:

É impressionante a bajulação com Flor do Caribe, uma novela que nem de longe foi essa maravilha toda que pintavam. Aliás, a média geral de audiência é exatamente a mesma de A Vida da Gente, que na época era chamada de fracasso. FdC marca a mesma coisa e chamam de salvação??? E outra, desde quando Lado a Lado não tinha dramas e vilões? E as histórias das mocinhas Laura e Isabel? E o casal Laura e Edgar, que guarda fãs até hoje?? E as vilãs Constância e Catarina, maravilhosamente vividas por Patrícia Pillar e Alessandra Negrini??? Lado a Lado ainda tinha a seu favor a excelente recepção da crítica. "Flor" nem isso tem. E sobre entregar "perto de 30 pontos", percebe-se claramente uma desinformação: isso só aconteceu raramente e devido aos jogos da Copa das Confederações e à cobertura das manifestações, nem foi tanto mérito assim da novela não. Flor teve seus pontos positivos, mas nem de longe foi essa maravilha toda, ainda mais com uma fraquíssima reta final que não elevou os tais índices de sucesso tão alardeados.
Sobre Joia Rara, contradizendo as "dúvidas", as expectativas que se vêem pela nova trama de Duca Rachid e Thelma Guedes são altíssimas, haja visto o histórico de sucesso das autoras e a atraente trama apresentada. O horário das 18h precisa de uma novela de verdade e isso com certeza será visto em Joia Rara.


Jeferson Cardoso respondeu:

Thallys, as expectativas por Sangue Bom também eram altíssimas. Deu no que deu. Não querido, Flor do Caribe entrega com picos lá em cima para o telejornal local, coisa que Lado a Lado não fazia. Não tenho culpa se a antecessora não vingou.


Rafael comentou:

Parabéns pelo post caprichou .....Jeff é vedd q o sbt vai reprisar Maria do Bairro?


Jeferson Cardoso respondeu:

Sim, e não se espante se depois anunciarem "A Usurpadora". Hahahahaahahaha


michel comentou:

Eu acho que quem escreveu o post, tem de rever a ortografia e a falta de concordância. Muitos erros...


Neto respondeu:

Quem escreveu esse comentário também. Não se separa com vírgula o sujeito do objeto. Beijos de luz.


Erick Veronessi comentou:

"Nenhuma comparação com "Senhora do Destino", por favor." Hahahaha! Ironia pouca é bobagem!


Jeferson Cardoso respondeu:

Hahahahha ! Imagina! ;)


Veja também

Publicidade