O Planeta TV

Conheça um pouco de Passione, a próxima novela das oito

Por: Silvio de Abreu está ansioso pela a estreia de sua próxima, Passione. Em entrevista a revista Quem, ele comentou que a qualidade das novelas da Record e SBT são inferiores à Rede Globo. \"Não acredito em rivalidade entre a Globo e outras emissoras ness

Conheça um pouco de Passione, a próxima novela das oito

Globo - 21h
Novela de: Silvio de Abreu
Escrita por: Silvio de Abreu, Sérgio Marques, Vínicius Vianna e Daniel Ortiz
Direção de: Natália Grimberg, Allan Fiterman e André Luiz Câmara
Direção geral: Denise Saraceni, Carlos Araújo e Luiz Henrique Rios
Núcleo: Denise Saraceni

O AUTOR

Silvio de Abreu está ansioso pela a estreia de sua próxima, Passione. Em entrevista a revista Quem, ele comentou que a qualidade das novelas da Record e SBT são inferiores à Rede Globo.

"Não acredito em rivalidade entre a Globo e outras emissoras nesse campo. Se a mulher do Silvio Santos quer escrever novela, ela pode até escrever, e se quiser pôr no ar, tudo bem. Mas eu não vou ver. A qualidade de produção é muito inferior", explicou.

O autor comentou, também, que as pessoas eram melhores antes da internet e que acha uma bobagem as pessoas ficarem contando tudo que fazem e pensam na internet. "Não tenho celular, não tenho Orkut. Eu sou mais da realidade, do contato, não vivo nesse mundo de superficialidade virtual".

Já na entrevista exclusiva ao O Planeta TV!, Silvio desmentiu os boatos de que Marcelo Antony interpretará um gay.

Clique aqui para ler a entrevista!

SINOPSE

Escrita por Silvio de Abreu, a próxima novela das oito da Rede Globo, Passione, que tem estreia na próxima segunda, 17 de maio, conta a história da família de Bete Gouveia, personagem de Fernanda Montenegro. Quando conheceu Eugênio (Mauro Mendonça), Bete já estava grávida de outro homem. Mas o amor dele por ela era tão grande e intenso que isso não foi impedimento para que o jovem apaixonado aceitasse assumir a criança de outro. Porém, tanta demonstração de afeto não pode ser colocada em prática, já que, ao nascer, o bebê não resistiu ao parto e morreu.

Sem nunca ter esquecido este filho, Bete seguiu em frente. O casal construiu um império, a Metalúrgica Gouveia, especializada na produção de bicicletas e material esportivo, e constituiu uma bela família, com três filhos - Saulo (Werner Schunemann), Gerson ( Marcello Antony) e a caçula Melina (Mayana Moura), todos filhos do mesmo pai e da mesma mãe, mas com personalidades antagônicas.

O que Bete não poderia imaginar é que, por trás de todo o amor que o marido lhe dedicava, havia um segredo. À beira da morte, Eugênio implora o perdão da mulher e revela que seu primogênito não morreu. Ele conta que não suportou a ideia de criar o filho dela com outro homem e deu a criança, junto com uma boa quantia de dinheiro, para um casal de empregados que retornou ao seu país natal, a Itália.

Do outro lado do mundo, é Totó (Tony Ramos), um camponês italiano viúvo, que se surpreende ao saber que sua verdadeira mãe está viva e mora no Brasil. Em um efeito dominó, a vida das duas famílias, dos amigos e até a dos vizinhos sofrerá as consequências do desenrolar desta história. E, como existe uma herança em jogo, com dinheiro e poder envolvidos, há quem identifique aí a sua grande chance. É quando aparecem os dois grandes vilões da história, Fred (Reynaldo Gianecchini) e Clara (Mariana Ximenes), ambiciosos, amorais e dispostos a tudo para saírem da pobreza em que vivem.

ELENCO

FERNANDA MONTENEGRO - Bete Gouveia
TONY RAMOS - Totó (Antonio Mattoli)
MARIANA XIMENES - Clara
REYNALDO GIANECCHINI - Fred Lobato
MARCELLO ANTONY - Gerson Gouveia
CAROLINA DIECKMANN - Diana Rodrigues
RODRIGO LOMBARDI - Mauro Santarém
ARACY BALABANIAN - Gema Mattoli
IRENE RAVACHE - Clô Souza e Silva
FRANCISCO CUOCO - Olavo Souza e Silva
CLEYDE YÁCONIS - Dona Brígida Gouveia
LEONARDO VILLAR - Antero Gouveia
WERNER SCHÜNEMANN - Saulo Gouveia
MAITÊ PROENÇA - Stella Gouveia
MAYANA MOURA - Melina Gouveia
CAUÃ REYMOND - Danilo Gouveia
DANIEL DE OLIVEIRA - Agnello Mattoli
LEANDRA LEAL - Agostina Mattoli
BRUNO GAGLIASSO - Berilo Rondelli
GABRIELA DUARTE - Jéssica Souza e Silva
VERA HOLTZ - Candê Lobato
LARISSA MACIEL - Felícia Lobato
ELIAS GLEIZER - Diógenes Santarém
FLÁVIO MIGLIACCIO - Tio Fortunato
ALEXANDRA RICHTER - Jaqueline (Jackie)
MARCELO MÉDICI - Mimi
EMILIANO QUEIROZ - Nonno Benedetto
KAYKY BRITO - Sinval Gouveia
TAMMY DI CALAFIORI - Lorena Gouveia
BIANCA BIN - Fátima Lobato
GERMANO PEREIRA - Adamo Mattoli
MIGUEL RONCATO - Alfredo Mattoli
DAYSI LÚCIDI - Valentina
GABRIEL WAINER - Chulepa
GABRIELA CARNEIRO DA CUNHA - Cris
CAROL MACEDO - Kelly
KATE LYRA - Myrna
SIMONE GUTIERREZ - Lurdinha
DEBORA DUBOC - Olga
JÚLIO ANDRADE - Arthurzinho
GIULIO LOPES - Dr. Cavarzere
RODRIGO DOS SANTOS - Noronha
SÓSTENES VIDAL - Cosme
MIGUEL MONTEIRO - Gonçalves
FRANCISCO CARVALHO - Chicão
FERNANDA CARVALHO - Carlinha
ANDRÉA BASSITT
FERNANDO RONCATO
JULIANO CEGLIA
LAÉRCIO FONSECA
PAULA MARIANI
RAPHAEL VAILLANT
ROSANA STAVIS

as crianças
ANDRÉ LUIZ FRAMBACH - Cridinho
EDOARDO DELL'AVERSANA - Dino
PEDRO LOBO - Amendoim
MAICON COELHO
e
MAURO MENDONÇA - Eugênio Gouveia

ITÁLIA

A linda Toscana, na Itália, será o cenário dos primeiros capítulos de "Passione". O nome já diz tudo: tem muita paixão vindo por aí.

O nome já diz: é uma história de paixões avassaladoras, bandidas, inocentes e contagiantes. Paixões que rimam com traições, amores que geram sofrimentos, alegrias que acabam em lágrimas. É folhetim sem pudor.

“Tem uma história ali de perdas, de ganhos, de futuro, de esperança. A novela é novela e a gente é bom nisso, a gente gosta de fazer isso”, diz a diretora de “Passione”, Denise Saraceni.

Começa com a revelação de um grande segredo no coração do núcleo brasileiro da novela, a cidade de São Paulo. O centro geográfico dessa história é a Toscana, uma região da Itália que tem muito a ver com o Brasil: campos verdejantes, imensas lavouras, terra de gente simples e trabalhadora. É nesse cenário deslumbrante que nasce a trama da nova novela das 20h.

“Passione” tem um texto de tirar o fôlego, um elenco de primeira e veteranos contracenando com jovens atores.

A doce Mariana Ximenes, acostumada a viver mocinhas, encarna a malvada Clara, a primeira vilã da carreira da atriz. “Tem todos os ingredientes deliciosos de uma vilã. Dá trabalho, porque na verdade são três personagens em um. Mas quer coisa mais instigante para uma atriz?”, comenta Mariana.

O parceiro, ou comparsa dela, será o Fred ou Reynaldo Gianecchini. “Eles usam da sedução para conseguir o que querem. Passam por cima de todo mundo”, adianta o ator.

O alvo do casal de trambiqueiros é Tony Ramos, ou Totó, o pobre agricultor italiano que não sabe que acabou de se tornar herdeiro de uma fortuna no Brasil.

“Metade desse elenco tem ascendência italiana. De certa forma, estamos em casa. É uma volta à casa do avô e do bisavô”, acredita a atriz Fernanda Montenegro.

Um sentimento que contagia os atores e que faz todo o elenco virar, à moda italiana, uma grande família.

“A gente está fazendo aulas com a professora, maravilhosa, Cecília, desde o final de outubro. Houve uma integração entre a gente. As últimas aulas foram feitas na minha casa”, conta a atriz Aracy Balabanian.

“Você tem de saber bem o italiano para depois desconstruir isso e tornar a novela um espetáculo absolutamente brasileiro, porque você tem de se comunicar em português para o Brasil. Quando você diz: ‘Então, vai ser tudo em italiano?’ É impossível. Você não pode ter essa preciosidade. Esse é um espetáculo de uma televisão brasileira feita para o público brasileiro”, observa o ator Tony Ramos.

NÚCLEO PRINCIPAL

A trama traz o grande império da família Gouveia. Positivismo, incentivo e cooperação. Esses são os sentimentos que possibilitaram e motivaram Bete (Fernanda Montenegro) e Eugênio Gouveia (Mauro Mendonça) a construir o seu legado. Eles começaram com uma pequena fábrica até chegar à grande potencia que é a metalúrgica especializada em bicicletas modernas e inovadoras.

A "Magrela", bicicleta popular mais vendida no Brasil é o principal produto da empresa, já a mais sofisticada, a "Skinny", o grande orgulho do casal, está entres as melhores do mundo. Não é à toa que os pais de Saulo (Werner Schunemman), Gerson (Marcello Antony) e Melina (Mayana Moura), desfrutam das conquistas da Metalúrgica Gouveia e podem dar aos seus filhos uma vida tranquila.

Saulo (Werner Schunemman) é o filho mais velho que conquistou o posto de diretor da Metalúrgica e apesar de estar bem colocado no trabalho, ainda não está satisfeito com o cargo que ocupa. Invejoso e articulador, o seu maior desejo é ser o presidente da indústria. Casado com Stela ( Maitê Proença) , ele é pai de Danilo (Cauã Reymond), Sinval (Kayky Brito) e Lorena (Tammy Di Calafiori).

Ao contrário do irmão , Gerson (Marcello Antony), o segundo filho, é um cara descolado que não gosta dos assuntos administrativos da empresa e por isso resolveu se dedicar a corridas de Stock Car. Campeão da modalidade, Gerson é famoso não só por pelas disputas que venceu, mas também porque organiza promoções e campeonatos de bicicleta. É o tio herói dos sobrinhos.

A temporã e caçula, Melina (Mayana Moura) é uma jovem bonita, moderna, fashion. Ela é a estilista dos produtos para ciclistas da empresa. Desde pequena tem um paixão avassaladora por Mauro (Rodrigo Lombardi), o filho do chofer da casa, que não consegue levá-la a sério, pois a vê ainda como aquela menina rebelde dos tempos de infância. Muito carinhosa, está sempre dando atenção aos avós Brígida (Cleyde Yáconis) e Antero (Leonardo Villar).
Brígida (Cleyde Yáconis) é uma senhora muito ativa, uma figura forte e imponente na família, pois acompanhou todo o crescimento da Metalúrgica. Vive implicando com a nora, Bete (Fernanda Montenegro). Apesar disso, é muito divertida em seu humor e sempre que pode, aproveita para praticar a sua ironia com o marido.

Sogro de Bete e de importante família paulistana , Antero (Leonardo Villar) adora gastar dinheiro e vive como se ainda estivesse nos anos quarenta. Mantém o companheirismo e um carinho muito grande no casamento, preservando a união de tantos anos, apesar das brigas, do ciúmes, mágoas antigas e acusações que são superadas com muito amor. Assim como a esposa é um senhor divertido em suas manias e descontrai o ambiente familiar.

COLETIVA DE IMPRENSA

AS CHAMADAS

O site O PlanetaTV! capturou imagens das chamadas da trama:

O VILÃO

“Quem vê não acredita. É bonito feito um deus, mas é ordinário feito o capeta.’’ É assim que a feirante Candê, interpretada por Vera Holtz, vai se referir ao filho Fred, em “Passione’’, próxima novela das oito da Globo. O rapaz é o vilão da trama e será vivido por Reynaldo Gianecchini a partir de 17 de maio.

Trambiqueiro e sedutor, Fred se unirá à malandra Clara (Mariana Ximenes) para tentar colocar as mãos no dinheiro da família Gouveia, comandada pela diva Fernanda Montenegro e que forma núcleo central da novela de Silvio de Abreu.

Gianecchini está feliz com seu primeiro antagonista na TV - ele não aceitou fazer um vilão gay, em “Cinquentinha’’, série de Aguinaldo Silva, porque já planejava dar vida a Fred. “Eu recebi o convite do Aguinaldo e ainda não havia dado a resposta quando vazou na imprensa que eu não iria fazer o papel. Mas eu já estava comprometido com o Silvio de Abreu e não poderia viver um vilão seguido do outro’’, explica o ator.

“O Fred é um cara sem escrúpulos, um mau-caráter, mas muito divertido de interpretar’’, completa Gianecchini.

O trambiqueiro acredita ter motivos de sobra para se vingar da família Gouveia, já que culpa alguns de seus integrantes pela morte do pai. Fred tinha dez anos quando o pai, operário da Metalúrgica Gouveia, sofreu um acidente na prensa da oficina e perdeu uma das mãos. Quando foi exigir seus direitos, os advogados da fábrica o enganaram, e ele ficou sem a indenização. Amargurado por isso, acabou se suicidando. Agora, o vilão deseja fazer justiça com as próprias mãos. “Ele quer se vingar dessa família, pois ela tem uma relação bem cabeluda com a morte do meu pai [na trama]’’, fala Gianecchini.

O autor da história, por sua vez, acredita que o público não terá raiva de Fred, já que ele construiu um vilão mais leve. “Espero que não rejeitem o Giane, porque ele é aventureiro, carismático. É divertido vê-lo dando golpes. Mas estou curioso para ver a reação do público’’, acrescenta Silvio de Abreu.

Quando Fred e Clara -que formarão ainda um fogoso par romântico - descobrirem que o herdeiro desaparecido dos Gouveia está vivo e mora na Itália, a dupla de vilões seguirá para Toscana em busca do filho que Bete (Fernanda Montenegro) julgava estar morto.

Em princípio, ao menos, o plano do casal sai melhor do que o esperado, já que Totó (Tony Ramos), herdeiro da família, apaixona-se perdidamente por Clara. A vilã se aproveitará desse sentimento, casando-se com ele. São Tony e Mariana que protagonizam a grande paixão, idealizada pelo autor, que dá nome à novela.





Comentários (0) Postar Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Veja também