O Planeta TV

Não vejo novela, só série!

Teledramaturgia nacional muda lentamente para tentar fisgar novo público.

Por: Emerson Ghaspar - Contato: [email protected]

Antes de mais nada, peço desculpas a todos que leem essa coluna. Estive três meses afastado para tratar de um projeto pessoal, mas não quer dizer que não acompanho o que está rolando em nossa telinha. Enfim, estou de volta.

Além do excesso de reality shows de culinária que invadiram nossa TV nesse ano (esse é tema pra outro post), muito tem se falado do sucesso de Os Dez Mandamentos, a queda de A Regra do Jogo e blá bla blá, mas a questão não é essa, mas sim o hábito de comparar nossa teledramaturgia com as séries de fora.

Evidente que há comparações entre produções e tal e que se você não curte ou assiste determinada série você não se encaixa em determinado grupo. Gente, parem com isso, tem gente que tem vida além do Netflix sabiam?

Independente se você curte série e defende o que gosta (o que é direito seu) não quer dizer que a teledramaturgia brasileira peca em criar coisas novas. A Regra do Jogo e sua facção está ai para provar isso, se fosse em uma série vocês amariam. Ah, dai você me diz: “série passa uma vez por semana e não tenho tempo de ver novela diária?”, Para já com isso porque sabemos que vocês fazem maratona. Estamos de olho, viu.

A questão é outra, atualmente há dois tipos de telespectadores de novelas em nossa TV: os mais tradicionais que adoram uma novela folhetinesca, de preferência de época porque é algo que não vivenciaram e remontam na memória afetiva do telespectador algo que gostariam de ter vivido. Olha Além do Tempo e Os Dez Mandamentos ai, sendo um sucesso exatamente porque tem esses ingredientes (não só eles) em suas tramas.

O outro típico é o que adora uma trama rápida, sem delongas (nos dias de hoje esqueça de guardar segredo porque na geração da internet uma notícia resulta em vários curtir nas redes sociais) e mesmo que essa trama não tenha história central forte, personagens secundários salvam a novela por viverem em cada capítulo uma esquete diária. I Love Paraisópolis comprova isso, já que a trama central perdeu folego do segundo mês em diante e nem por isso é um fracasso. Se isso não é importar moldes de sitcom americanos o que seria?

Já as tramas que insistem em contar histórias novas, utilizando o método de folhetim tradicional enfrentam a distância do público que alega ser muito pesado, quando a gente sabe que pesado mesmo é ver as histórias e reconstituições do Cidade Alerta as 16:45 da tarde.

Não há mérito ou desmérito específicos nas tramas que estão sendo apresentadas e sim uma mudança no perfil do telespectador. Não me venha com aquela velha máxima de que a TV a cabo e a internet estão roubando audiência porque se fosse assim Os Dez Mandamentos e Além do Tempo estariam mal também e sabemos que não é bem assim. Falta boas histórias, mesmo que elas estejam se adaptando ao jeito “série de ser”.

Concluindo, as novelas estão se alterando ao jeito de séries aos poucos. Isso é um erro? Talvez não, o público muda e com ele o jeito de ver e fazer novela, portanto não venha desmerecer nossa teledramaturgia nacional, ela tem opções ótimas.

Agora é sua vez de falar e deixar sua opinião ai embaixo.

Até breve.

Twitter: @EmersonGhaspar





Comentários (8) Postar Comentário

Thiago Hideki comentou:

Verdade, sempre considerei isso, grupo de discussão serve só como parâmetro, não é a verdade absoluta como as emissoras pensam que é, isso fora o filtro escurecido das novelas, a escalação mal feita, por vezes o ator aparece em duas novelas seguidas do mesmo autor e diretor, com um personagem bem parecido até. A Regra do Jogo pra mim nem é tão sofisticada assim ,mas parece um suspense jovem de tão "didatizada" que é, pra mim história é estranha, não vejo inovação tão grande assim, acho a narrativa demora a fluir e contar a história de fato, a história está sendo contada bem no estilo folhetim, não tão "seriada" assim.
E outra coisa que é uma máxima q eu digo sempre, Uma novela nada mais é do que uma série contada de um só vez,e não uma história dividida em dez episódios contada por mais de 5 temporadas a cada ano, pq o tempo de arte é mesmo, só muda o jeito de produzir e exibir porque são formatos distintos.

Diogo comentou:

Detesto isso de fazer série em novela, pois na verdade há dois grupos, os que gostam de novela e os que gostam de séries. Geralmente os que gostam de séries se acham inteligents e superiores, mas se continuarem a a acabarem com as novelas dessa maneira, o público que gosta de novela não vai ter mais o que assistir, o que não acho justo. Sou noveleiro, gosto de novela de verdade, e se forem pra continuar acabando com as novelas assim que pelo menos isso não atinja o horário das 6 que é o único que presta atualmente. Também não acho a Regra do Jogo igual série, é simplesmente uma cópia barata, colocam essa história de facção e favela e vem chamar isso de sofisticado, ah faça me o favor, essa novela parece mais um filme do carandiru ou cidade de deus kkkk coisa medonha, a estética então cremdeuspadre, oh coisa horrorosa.

Rick Grimes comentou:

Novela tem de ser como era antigamente, da cabeça do autor e o povo reagia nas ruas as reviravoltas. Hoje é grupos de discussão, merchan, etc, etc.

Mario comentou:

Se teve uma novela boa sobre facção criminosa foi Poder paralelo e passou na Record.
Regra do Jogo não sai do lugar. Ha quantos capitulos a Toia está no apto do Romero
em meio a um jogo de sedução bobo e banal.

Fabio comentou:

Concordo que os autores estão se inspirando em séries. E foi assim sempre. Antigamente se inspiravam em filmes. Hollywood já não é a mesma e hoje as séries dominam o cenário. O cerne de tudo isso continua sendo mesmo é a história. Aguinaldo Silva se inspirou tanto em Breaking Bad que deu ao Comendador o mesmo fim, só que lá tinha uma lógica, aqui ficou uma palhaçada. Os jeitos de se fazer as novelas podem ter mudado, mas espero que as histórias não mudem. Novela é clichê, é brega, é povo, é romance bobo...do jeito que todos nós amamos para sonhar.

Paula comentou:

Eu prefiro séries, elas são mais diretas e normalmente vão direto ao assunto; novelas tem muita enrolação, as vezes vc senta pra assistir e ñ acontece absolutamente nda d nvo ou interessante.
Eu sou fã das series americanas, gosto do formato 1 cap. por semana, assim posso acompanhar varias series, o netflix ajuda pq posso assistir quando quiser e tbm tem a opção de comprar os dvds das seasons.

Lili comentou:

Concordo contigo. As novelas da GLOBO começaram a cair na audiência a partir do momento que resolver seguir uma linha parecida das séries e com a repetição de Elenco isso piorou ainda mais e sempre tratando de temas batidos. Esqueceram que as series americanas sempre tem um gancho ou algum que segura seu publico o oposto de nossas novelas que são história continuar. Uma serie se resumir tudo em um unico capitulo a novela precisa de um gancho ou suspense para próximo capitulo faz tempo que não vejo isso em nenhum novela. Ao meu ver a unica emissora que tem perfil para este tipo de novela com pegada mais de serie ou filme seria a RECORD, mas a faltar de planejamento ali é grande. Tanto que com imenso sucesso ODM não aproveitaram e mandaram toda equipe embora e ainda terceirizaram o unico setor que nunca deveria ser terceirizado assim como jornalismo, mas vai entender um TV que viver de amadorismo, assim com querer que XUXA seja Ellen De Geneves ai fica dificil, espero que Fabio não entre em uma roubada. SBT viver no mundo da Silviolândia, o VIVA da tv aberta uma pena para um a TV que tem um perfil perfeito para séries de humor e sticons, sem falar que tem um imenso perfil para novelas de epoca, rurais e agua com açucar fora as infantis que continua do jeito que vai nem o publico infantil vai querer ver mais que já está cansando as suas tramas longa e sempre com mesmo contexto, cheia de ditaxismo, band não vou comentar, redetv pior, só mais mesmo as redes sociais e netflix. Ali tem história muito mais convincente que as novelas brasileiras atuais

Bernardo comentou:

Eu vejo novela boa, como por exemplo Além do Tempo. O resto eu vejo série e espero que o meme de que Os Dez Mandamentos tá melhor do que as séries da Netflix seja realmente piada.

Veja também