O Planeta TV

"Joia Rara", conheça a história da nova novela das seis

E mais: "Amor à Vida", por enquanto, é uma ótima novela ruim!

Por: Jeferson Cardoso

"Joia Rara", a nova novela das seis da dupla Thelma Guedes e Duca Rachid, traz a história de um jovem muito rico, interpretado por Bruno Gagliasso, que sofre um grave acidente durante uma viagem ao Tibete. Ele acaba salvo por monges e é cuidado num mosteiro por um budista muito sábio. 

Um pouco da história

Compaixão. Amor ao próximo. Liberdade. Prática do bem. Imbuir-se da filosofia budista é mergulhar na busca incansável por um mundo melhor. É lapidar a joia rara que existe dentro de cada um para tornar bom o que é ruim; etéreo o que é mundano.

A história desta poderosa força transformadora será contada em Joia Rara, a nova novela da Globo das seis, escrita por Thelma Guedes e Duca Rachid, com direção de núcleo de Ricardo Waddington e direção geral de Amora Mautner.

Tudo começa com um grande amor e polos que se atraem. De um lado Franz (Bruno Gagliasso), rapaz milionário, materialista e mimado; do outro Amélia (Bianca Bin), moça pobre, desprendida e batalhadora. Desta paixão à primeira vista, que enche de ódio os vilões Manfred (Carmo Dalla Vecchia) e Silvia (Nathalia Dill), nasce Pérola (Mel Maia). Como diz seu nome, a menina é pura e preciosa.

Com sua ajuda, os pais percebem que o amor que os uniu um dia nunca teve fim; unicamente por ela, o coração duro e preconceituoso do avô Ernest (José de Abreu) se ilumina de afeição. Pérola é mesmo valiosa e especial, o que pode ser explicado pelos monges: ela é a reencarnação de Ananda (Nelson Xavier), um líder espiritual budista. Pérola tem, portanto, uma missão: ensinar as pessoas a amar incondicionalmente.

O ponto de partida de "Joia Rara" é no monte Everest, onde Franz (Bruno Gagliasso), Manfred (Carmo Dalla Vecchia) e Eurico (Sacha Bali) participam de uma escalada, em 1935. Há uma avalanche na montanha, e Franz é resgatado por monges.

Muito ferido, é acolhido por Ananda (Nelson Xavier) e passa semanas convalescendo no mosteiro. Do convívio de Franz e Ananda nasce uma profunda amizade, que será muito importante para a trama da novela.

O discípulo do líder espiritual Ananda, o monge Sonan (Caio Blat), vai receber a missão de procurar a reencarnação do mestre depois que ele morrer.

Pérola, filha de Franz e Amélia, é a reencarnação de Ananda.. A garota é pura e preciosa, tanto que será a única a amolecer o coração do avô, Ernest.

“Joia Rara” será apresentada em duas fases: a primeira em 1934 e a segunda em 1945. A trama apresentará cenários exuberantes como os Himalaias e o Rio de Janeiro, com sua Copacabana, a Lapa boêmia e o brilho de seus cabarés.

O elenco: Ana Lucia Torre,  Rosi Campos, Tânia Kalill, Nicete Bruno, Natalia Dill, Carmo Dalla Vechia, Letícia Spiller, Bruno Gagliasso, Bianca Bin, Carolina Dieckmann, José de Abreu, Luiza Valdetaro, Rafael Cardoso, Miguel Rômulo, Leopoldo Pacheco, Marcos Caruso, Juliana Lohmann, Pedro Neschling, Domingos Montagner, Ana Cecília Costa, Tiago Abravanel, Mariana Ximenes, Tiago Lacerda, Simone Gutierrez, Fabiula Nascimento, Cláudia Missura, Cacau Protásio, Nelson Xavier, Caio Blat, Ângelo Antonio, Mel Maia, João Fernandes, Giovanna Ewbank, Guta Ruiz, Adriano Bolshi, Fabio Yoshiara e Adriano Alves.

"Joia Rara" tem estreia prevista para o dia 16 de setembro, substituindo "Flor do Caribe".

Amor à Vida

Não assisto, portanto, não posso falar sobre a história da trama de Walcyr Carrasco. Mas quanto a outros aspectos, preciso. A trama se aproxima do centésimo capítulo com uma média de praticamente 35 pontos, são cinco pontos a mais que "Salve Jorge".  Não é um fenômeno, mas também não é um fracasso. Não farei comparativos com as novelas exibidas antes de 2010, porque não tem fundamento. Muita coisa mudou nesse período. 

Walcyr Carrasco pode negar, mas é viciado em audiência, e fará de tudo para que "Amor à Vida" alcance recordes. A trama deve chegar ao fim no dia 17 de janeiro. São ainda cinco meses pela frente, tempo suficiente para atingir os 37 pontos. 

Preciso também parabenizar Bárbara Paz. Na semana passada, comentei que o texto prejudica o desempenho de Mateus Solano, e esqueci-me de citar o show de interpretação da vencedora da primeira edição do reality show Casa dos Artistas. Essa atriz arrasa em papéis de carga dramática e vilã. 

Por fim, preciso fazer um breve comentário sobre a homenagem (vamos chamar assim, para não se dizer cópia) que Walcyr fez ao filme "Ghost - do outro lado da vida".  A cena da morte de Nicole foi vergonhosa, mas as sequências do capítulo seguinte, tenho que admitir ficaram bonitas. O tema é um Déjà vu, mas se bem abordado pode fazer com que "Amor à Vida" deixe de ser uma ótima novela ruim.

Reprises do Canal Viva animam

Estou animado com as novas reprises do Viva. Pela primeira vez assistirei à "Água Viva". "Anjo Mau" e "A Próxima Vítima" também são ótimas, e acompanharei sempre que possível. 

O Canal Viva tem se preocupado bastante em atender ao pedido do público. Enquanto o "Vale a Pena Ver de Novo" decepciona, o Viva nos dá aquela esperança. 

Falando nisso..

E a reprise de O Cravo e a Rosa heim? A primeira semana, segundo o Ibope, marcou uma média de 12 pontos na Grande São Paulo. A trama mantém o desempenho de "O Profeta". O índice é baixo, mas ainda é cedo para afirmar que será um fracasso retumbante. 

Para a Globo aprender a respeitar o público, espero que essa reprise seja um fracasso, e que não ultrapasse os 14 pontos de média geral.  

TV Xuxa

Nos últimos anos, desde que passou a ser exibido nas tardes de sábado, o "TV Xuxa" vem passando por modificações. Na atual fase, sob a direção de Boninho, a atração é uma mistura do Xuxa Hits e Planeta Xuxa, programas que a Rainha dos Baixinhos comandou na década de 90.  

A audiência do programa segue estável, mas o novo formato não está agradando à apresentadora. A parceria com Boninho não deve durar muito tempo.

Sinceramente, o novo "TV Xuxa" não empolga por apresentar um formato já desgastado. E ainda resolveram incluir um quadro de calouros semelhante ao do "Programa Raul Gil", que já não faz mais sucesso.

Se os produtores não conseguem produzir algo novo, porque a Globo não busca ideias em feiras internacionais? Foi investindo em formatos americanos que o "Caldeirão do Huck" deixou a UTI.

Cadê Antonio Calmon?

Depois da fracassada "Três Irmãs", em 2008, Antonio Calmon ganhou nova chance na Globo, a minissérie "Na Forma da Lei", em 2010. Depois de dois trabalhos mal sucedidos, o autor foi esquecido. 

Seu retorno ao horário das 19h era para ter acontecido neste ano, mas a Globo resolveu apostar em novos roteiristas. Marcos Bernstein e Carlos Gregório escreverão "Além do Horizonte", a sucessora de "Sangue Bom". E, no próximo ano, Filipe Miguez e Izabel de Oliveira repetem a parceria de "Cheias de Charme".

E Antonio Calmon? Bom, segue no freezer. Tadinho! Walther Negrão poderia prestar uma solidariedade ao colega e convidá-lo para uma nova parceria, né? 

E A Fazenda?

Não estou acompanhando a atual temporada desse reality show. O formato desse tipo de programa não me empolga mais. Assim, como o Big Brother Brasil, "A Fazenda" já era.  Penso que esse tipo de programa tem apenas um único objetivo: tapar o buraco da programação. A Globo produz no período de férias; a Record quando precisa levantar a sua audiência.

Diante dos acontecimentos fora do reality show, e perante o nível dos participantes, Scheila Carvalho deve ser consagrada a vencedora. De dançarina do É o Tchan para milionária. Já Gominho, Yudi & Cia, bom esses, prefiro nem comentar.

Nova temporada de "Malhação" tem vida curta!

Na Globo, há um descontentamento com a atual temporada de "Malhação". A novelinha tem registrado uma audiência entre 13 e 15 pontos, e prejudicado a novela das seis. 

Preocupada com os índices, a Globo já cogita mudanças na trama antes do horário de verão, em outubro. Os ajustes no folhetim acontecerão após uma pesquisa junto ao grupo de discussão. 

Se após as modificações, a audiência não subir, "Malhação Casa Cheia" deve acabar antes do tempo previsto, em março de 2014. Em se tratando de "Malhação", a medida não será inédita. Em 2007, o folhetim teve seu fim antecipado em três meses. O mesmo aconteceu na temporada de 2009. 

Será que "Joia Rara" se sairá bem no horário de verão? Alguém sente a falta de Antonio Calmon às 19h? E "Malhação" tem salvação? 

Por hoje é só. No próximo post trago as novidades de "Além do Horizonte", que não terá a supervisão de João Emanuel Carneiro. 


Gostou? Então compartilhe com seus amigos:

Comentários (28)
+ Postar comentário

rodrigo faria comentou:

Até que enfim você escreveu um post digno para este blog,gostei bastante de vc parar de reclamar de Amor à Vida,Barbara Paz esta perfeita neste personagem,foi feito pra ela,e a sequência da morte da nicole foi muito bem e a Marina Ruy Barbosa estava otima,porem achei estranho ninguem socorrer a menina,pra mim a nova novela das seis promete muito(vamos ver),Tv Xuxa virou um Esquenta organizado e acho que a atual temporada não está muito boa,e a atual Malhação tem quem goste e tem quem não goste,eu não acompanho por isso não acho nada!MUITO BOM O POSTE DE HOJE!!!

Jeferson Cardoso respondeu:

Rodrigo, muito obrigado!



carlos comentou:

Tá na hora do Antônio Calmon voltar a fazer novelas,apesar que a última foi um fracasso!


Matheus comentou:

Não sei qual é a pior temporada de Malhação. Essa atual ou a Conectados. Enfim, não assisti/assisto nenhuma das duas. É pra esquecer. Sem contar que a repercussão tá zero. Tadinha da Ana Maria M.
Eu tenho quase certeza que Joia Rara vai ser um novelão, porém deve ter uma média igual ou inferior que a de Flor do Caribe por conta do fracasso de Malhação. Uma pena.
Em relação as sequências do início do capítulo de sexta de Amor, prefiro nem comentar. Vergonhoso. Fiquei muito constrangido com a ''viagem'' do Walcyr. Sem dúvidas, foi uma das piores cenas já vistas no horário nobre. Um horror.
Mas eu gosto e acompanho a novela. Fazer o quê? Não tem nada melhor na TV aberta no horário. rsrs

Jeferson Cardoso respondeu:

Matheus, ainda não assisti a nenhum capítulo desta temporada. Nem tenho vontade. Rsrsrs



Marcelo comentou:

Tem como não se animar com a sinopse de "Joia Rara"? Apenas uma palavra caracteriza Duca Rachid e Thelma Guedes: TALENTO. "Cordel Encantado" e "Cama de Gato" foram dois marcos da teledramaturgia, só "O Profeta" foi ruim. Quanto a "Amor à Vida", discordo. A novela tem seus altos e baixos, mas é a segunda melhor no ar, junto da agradável "Flor do Caribe". Decepção eu tive foi com "Sangue Bom". Cadê a Maria Adelaide Amaral que escreveu "TiTiTi"? Jeferson, acompanho o seu blog há mais de dois anos, mas essa é apenas a terceira vez que eu comento. Espero poder participar mais. E eu sei que você vai ficar irado comigo, mas "Amor à Vida" é melhor que "Fina Estampa". Abraços!


Rita comentou:

Falta o nome do grande ator Marcos Damigo, o Carlos Eduardo da melhor novela do Walcyr Carrasco Fascinação do SBT,e o Hugo de insensato coração da tv globo, elenco de Joia Rara.Grata Rita.


Gilmar JM comentou:

Da Duca e da Telma só gostei de Cama de Gato já que Cordel Encantado era muito bem realizada, mas era uma enrolação que só. Tomara que não sigam por esse caminho. A novela fez sucesso porque além de ser um conto de fadas tinha muito humor. Com Malhação em baixa e com o horário de verão a novela corre o risco de enfrentar o mesmo problema da magnifica Lado a lado que penou para dar ibope. Quanto ao Calmon, gosto dele, achei Três irmãs uma boa novela e acho que ele merece continuar escrevendo. Malhação tenho acompanhado as últimas temporadas e posso dizer que a história dessa não empolga, está dificil de assistir, o lance é aguardar.


robson ramos de souz comentou:

Gostei da ideia que você lançou de reunir novamente Antônio Calmon e Walter Negrão, com certeza, a parceria renderá um trabalho melhor do que os autores vinham apresentando (Flor do Caribe é uma exceção entre os últimos trabalhos de Negrão). Calmon merece uma nova chance, mas precisa deixar de fazer o "mais do mesmo".

Jeferson Cardoso respondeu:

Seria uma alternativa para Calmon sair do freezer. Hahahaha



Vinicius comentou:

1-Espero que a dupla duca e telma repitam o sucesso de cama de gato que foi uma novela sensacional! se for igual a cordel encantado prefiro nem assistir.
2-A ultima temporada de malhação foi a melhor dos últimos anos, com destaque para a juliana paiva como fatinha. Já a temporada atual é muito fraca, e com um erro grave que é não ter um colégio como cenário principal.
3-Acho Antonio Calmon um bom autor e que poderia estar de volta ao horário das 7. duas novelas dele que gostei muito foram,Corpo dourado(1998) e Um Anjo caiu do céu(2001).

Jeferson Cardoso respondeu:

Também espero que Joia Rara seja do mesmo nível dos últimos sucessos da dupla Thelma e Duca. ;)



Lucas Macedo comentou:

Acredito que Joia Rara tem tudo pra ser mais um grande sucesso de Thelma Guedes e Duca Rachid. Pelo pouco que li da sinopse vem uma ótima novela por aí, acho até que com esse trabalho elas ganharam a credencial pra escrever no horário nobre. Em contrapartida sua substituta será uma novela de Benedito Ruy Barbosa dirigida por Luiz Fernando Carvalho, ou seja, novela arrastada, parada. O horário das seis depois de Joia Rara (eu espero que não) não deverá passar por bons momentos. Quanto a Antonio Calmon ele precisava e precisa de um tempo mesmo. Depois de Top Model e Vamp ele não apresentou mais nenhum grande trabalho, pelo contrário, só novelas chatas e repetitivas. Quando voltar (se voltar) tomara que venha com um enredo tão bom quanto os de começo de carreira.


anjo mau comentou:

Se foste viver de comentar sobre as novelas da emissora que é tua parceira, com certeza não terias acesso algum. Mas como só se atira pedras em árvores que dão bons frutos...Vale ressaltar que seus comentários são ,digamos, muito aquém de quem um dia pretende ser roteirista. Sugira reprises, escreva sua novela. Seja imparcial! Novela é como vinho tem que ter bom paladar para saboreá-la.

Jeferson Cardoso respondeu:

Não tenho a mínima vontade de ser roteirista. Pretendo ser telespectador até o fim da vida. Rsrsrsrs


Anônimo respondeu:

É mesmoo, nossaa! engraçado é que se vc pesquisar há alguns posts anos atrás vc dizia que o seu sonho era um dia ser roteirista, já esqueceu? ainda bem que vc esqueceu, imagine uma novela escrita por vc, seria um horror! kkkkk


Adriano respondeu:

Não sabia que novela era de comer... É cada pérola! hahahaha


Francisca Maria Arraffaellasson respondeu:

É verdade. Você se contradiz demais. Fala de novelas que "não assiste", faz comentários preconceituosos e nega a própria fala. Também lembro de seus posts dizendo que SONHAVA EM SER ROTEIRISTA. Que memória e textos fracos, caro Jeferson, este blog está beirando a lixeira.



Mostrar mais comentários

Veja também